Bahia se destaca no setor de cosméticos

Posted on

A Bahia é responsável por 30% do consumo nacional de cosméticos e o estado que mais contribui para a expansão do setor na região nordestina. Figura como o quarto produtor do Brasil e tem 133 empresas instaladas, representando mais de 50% do número de unidades industriais no Nordeste, onde há um parque instalado de 256 empresas.

Segundo informações da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), o emprego formal no setor de higiene pessoal, perfumaria e cosméticos tem crescimento médio de 8,1% ao ano no estado. Isso é resultado de investimentos privados, da ordem R$ 657,6 milhões, entre 2007 e 2014. O mais expressivo deles é a fábrica de O Boticário, em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador, com R$ 380 milhões.

Na segunda-feira (10), o desempenho do segmento esteve em pauta em workshop, realizado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), no Senai-Cimatec, em Salvador. O evento, com a participação de empresários, discutiu informações para fortalecer a cadeia produtiva, fomentar o desenvolvimento industrial do segmento e de setores transversais, como embalagens e logística.

O Brasil é o terceiro maior mercado consumidor de produtos ligados à beleza. “De acordo com a Associação Brasileira de Perfumaria e Cosméticos (Abihpec), o Nordeste é a região que mais cresce no setor de higiene pessoal, com a média de 5% ao ano, bastante expressiva em relação à média nacional, de 2,5% ao ano”, afirmou o secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Jorge Hereda. Segundo ele, o setor é muito importante para o Governo da Bahia estimular a cadeia produtiva.

Fonte: Governo do Estado da Bahia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.