Servidores de Fortaleza terão reajuste de 2,95%

Posted on

A Comissão Conjunta Comissão de Constituição, Justiça e Legislação Participativa e Comissão de Orçamento, Fiscalização e Administração Pública da Câmara de Fortaleza aprovou proposta da Prefeitura que promove a revisão da remuneração dos servidores e empregados públicos. A matéria segue para ser apreciada no Plenário.

Segundo o projeto, o reajuste de 2,95% tem como base a reposição da inflação de 2017, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) do IBGE. O prefeito Roberto Cláudio (PDT) diz na proposta que “a proposta apresentada procura manter o equilíbrio fiscal da Prefeitura e assegura os serviços demandados pela sociedade de Fortaleza, procurando reconhecer a importância e o compromisso com os servidores públicos municipais”.

Na justificativa, o prefeito ressalta o período de crise econômica no país e os impactos na receita pública que impossibilitaram a gestão de dar o reajuste aos servidores no ano passado. “No ano de 2017, o município de Fortaleza foi impelido a não conceder nenhum reajuste geral aos servidores e empregados públicos, com base na grave situação de ausência de recursos e contenção de despesas, tendo sido esta medida necessária para que o Município pudesse continuar cumprindo pontualmente os seus compromissos, notadamente o pagamento de pessoal”.

Com a proposta atual do reajuste de 2,95% para o ano de 2018, Roberto Cláudio ressalta que o quadro econômico ainda exige cautela. “Em 2018, embora o cenário ainda seja preocupante, já é constatada evoluções do quadro econômico com possibilidade de melhoria na arrecadação municipal, mas exigindo ainda muita cautela e cuidado. Assim sendo, estou apresentando a essa Casa Legislativa o Projeto de Lei concedendo o reajuste de 2,95%, referente ao índice de revisão geral dos servidores públicos do município de Fortaleza para o ano de 2018”, registrou.