Fortaleza ganha nova unidade de centro de idiomas do Estado do Ceará

Posted on Updated on

Fortaleza é sede do 9º Centro Cearense de Idiomas (CCI) implantado pelo Governo do Estado. É o quinto entregue na cidade e fica no Shopping RioMar Kennedy, no bairro Presidente Kennedy. A unidade tem capacidade para atender até 600 alunos. Fortaleza ainda terá outro Centro, no bairro Conjunto Ceará.

O governador Camilo Santana (PT) diz que que o conhecimento de outras línguas tem se mostrado fundamental no mundo interconectado. “O inglês, hoje, é o idioma mais universal, e o espanhol, é o mais falado na América Latina. Nossos estudantes terão a oportunidade de fazer cursos de alto nível, com os melhores professores, nas melhores localizações da cidade. Iremos premiar os dois alunos com melhor desempenho de cada CCI por ano com um intercâmbio internacional”, afirma.

Durante a solenidade de inauguração do CCI – Unidade Presidente Kennedy, Camilo anunciou a criação de mais um Centro, além dos que já estavam previstos anteriormente, desta vez no município de Maranguape, ampliando ainda mais o número de estudantes beneficiados com a iniciativa.

O equipamento dará oportunidade para que estudantes da rede pública estadual aperfeiçoem os conhecimentos nas línguas inglesa ou espanhola, ampliando as chances de sucesso no mundo acadêmico e do trabalho. O CCI – Presidente Kennedy é destinado a alunos de escolas ligadas à Superintendência das Escolas Estaduais de Fortaleza (Sefor) 1, atendendo bairros como Barra do Ceará, Vila Velha, Jacarecanga, Carlito Pamplona, Álvaro Weyne, Jardim Iracema, Jardim Guanabara, Floresta, Pirambu, Cristo Redentor, Monte Castelo, entre outros.

O estudante Antônio John Kelves de Sousa Ferreira, da Escola de Ensino Médio Estado de Alagoas, tem grande expectativa pelo início das aulas. “Esta iniciativa nos permitirá sonhar e alcançar voos mais altos. O curso vai ampliar os nossos horizontes e proporcionar o conhecimento de uma língua estrangeira, que é imprescindível para uma boa formação intelectual e também enriquecerá o nosso currículo, abrindo novas possibilidades dentro e fora do ambiente escolar”, projeta o jovem.

O secretário da Educação, Rogers Mendes, lembra que as aulas desta unidade já terão início na próxima semana. “Teremos um curso de férias para iniciar as atividades deste Centro. Na rede pública estadual realizamos o Enem Não Tira Férias, com aulões preparatórios durante o mês de julho, e as aulas do CCI farão parte desta ação. Parabenizo aos estudantes e desejo que façam o melhor proveito desta oportunidade”, avalia o secretário.

Com investimento superior a R$ 5 milhões, o Governo do Ceará, por meio da Secretaria da Educação (Seduc), vai implantar, neste ano, 13 Centros Cearenses de Idiomas em oito municípios, sendo seis unidades regionais em Fortaleza e os demais em Itapipoca, Crateús, Caucaia, Iguatu, Juazeiro do Norte, Maracanaú e Maranguape.

Em Fortaleza, já foram inauguradas unidades nos Shoppings Benfica, Via Sul, North Shopping Jóquei e RioMar Fortaleza. Também já foram entregues sedes nos municípios de Crateús, Caucaia, Itapipoca e Juazeiro do Norte.

Na Capital, cada Centro poderá atender 600 alunos. Nos municípios de Crateús, Itapipoca e Iguatu poderão ser matriculados até 1.050 alunos em cada unidade. O Centro de Juazeiro do Norte tem capacidade para receber 1.750 alunos.

No total, serão mais de 10 mil vagas em todo o estado. As turmas serão ofertadas de segunda a quinta-feira, nos três turnos (manhã, tarde e noite), das 10h às 21h, nos shoppings, e das 8h15 às 21h, nos outros espaços.

Os cursos são organizados em módulos de estudo, podendo ser certificada a conclusão de cada módulo ou de seu conjunto. São três anos de curso, distribuídos em seis semestres de aulas. Espera-se que os alunos conheçam mais profundamente as relações linguísticas e culturais dos idiomas modernos ofertados e desenvolvam um bom domínio da língua estrangeira em curso, no âmbito das quatro habilidades: ler, escrever, falar e ouvir.

A matrícula para os CCIs é destinada aos alunos que estão cursando o Ensino Médio na rede pública estadual. Cada escola tem um número disponível de vagas para o Centro que está situado na regional (Fortaleza) ou município sede (Interior).

Os professores das escolas públicas estaduais também serão beneficiados com esta iniciativa. Há vagas em cada Centro para os docentes e os cursos caracterizam-se como formação continuada. Além disso, todos os professores dos CCIs fazem parte do Quadro de Docentes da rede pública de ensino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.