Hora de escolher

Posted on

O dia é de democracia. Neste domingo, 147,3 milhões de brasileiros vão às urnas, no Brasil e no exterior, para eleger presidente e vice-presidente da República, deputados federais, estaduais e distritais, senadores e governadores. O número de eleitores em 2014, última eleição do gênero, era de 142,8 milhões, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Houve, portanto, um aumento de pouco mais de 3% no contingente eleitoral em quatro anos.

Os brasileiros poderão votar de 8 às 17 horas (horário de Brasília), mesmo se estiverem fora do seu domicílio eleitoral.

O voto em trânsito pode ocorrer no primeiro, no segundo ou em ambos os turnos, mas somente em capitais e municípios com mais de 100 mil eleitores. O prazo para solicitar o direito de votar fora da cidade onde o eleitor mora encerrou-se em agosto.

Se você estiver fora de seu domicílio eleitoral e não se cadastrou para votar em trânsito, não se esqueça de apresentar o requerimento de justificativa eleitoral.

Os brasileiros que estão no exterior também poderão votar. São 500.727 eleitores aptos a votar fora do Brasil, em 171 cidades diferentes.

Aqui no Brasil, eleitores e candidatos precisam ficar atentos às condutas proibidas no dia da eleição. De acordo com o TSE, é permitida a manifestação individual e silenciosa do eleitor, como o uso de bandeiras, broches e adesivos. Fica proibida, no entanto, a distribuição de material de propaganda política ou a prática de aliciamento, coação ou manifestação para influenciar a vontade do eleitor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.