Empresa fatura US$ 544,9 milhões no segundo trimestre fiscal de 2019

Posted on Updated on

A F5, empresa que reivindica o título de líder em soluções que garantem a segurança e a entrega de aplicações corporativas, anuncia receita de US$ 544,9 milhões de dólares no segundo trimestre fiscal de 2019, encerrado em 31 de março. Se equiparado ao mesmo período de 2018, isso significa um aumento de 2%, o que equivale a US$ 11,6 milhões a mais.

A F5 encerra seu ano fiscal no dia 30 de setembro.

François Locoh-Donou, presidente e CEO da F5, explica que esse resultado foi impulsionado pelo crescimento de 30% da receita gerada pelas soluções de software. “Os desafios de segurança são uma prioridade dos nossos clientes. Em todo o mundo, os clientes confiam a segurança e o desempenho de suas aplicações à F5 – isso vale para empresas que aderiram a ambientes de nuvem privada, pública, híbrida e multinuvem”.

Ele conta, ainda, que ao longo dos últimos 18 meses a F5 tem passado por um momento de transição, consolidando-se como uma empresa de serviços de aplicações multinuvem. “Fizemos importantes alterações em onde e como investimos os nossos recursos, e os nossos clientes já estão se beneficiando disso”, afirma o executivo. 

Outro ponto a se destacar é que além da F5 expandir significativamente as suas ofertas de software, a empresa lançou, durante o segundo trimestre, o F5 Cloud Services e a sua primeira oferta de SaaS nessa plataforma. “Isso significa que o nosso portfólio de soluções para atingir todos os aplicativos, em qualquer lugar, continua em ritmo de expansão”, disse Locoh-Donou.

De olho no futuro

Para o terceiro trimestre do ano fiscal de 2019, com término em 30 de junho de 2019, a F5 estabeleceu uma meta de receita de USD 550 milhões a USD 560 milhões, com receitas não-GAAP na faixa de USD 2,54 a USD 2,57 por ação diluída.

Deixe uma resposta