Primeiro ano de 5G: largada rápida e crescimento saudável

Resultado de imagem para 5g

De acordo com a 5G Americas, a associação setorial e a voz da 5G e LTE para as Américas, a 5G é a tecnologia celular sem fio de maior crescimento em termos de novos assinantes. De acordo com dados da Omdia, a 5G contava com mais de 17.7 milhões de conexões no mundo inteiro no 4T 2019, crescimento de 329% comparado com o 3T 2019 – e cinco milhões acima das projeções anteriores.

Chris Pearson, Presidente da 5G Americas, observou que “2019 foi um ano extremamente positivo, com a adoção da 5G acima da maioria das provisões. A 5G já completou seu primeiro ano e em 2020, estamos prevendo o crescimento de novos dispositivos 5G, maior cobertura, a densificação de redes e provavelmente os primeiros lançamentos de redes 5G Stand Alone”.

Comparado com tecnologias celulares anteriores como a LTE, que chegou a 5.3 bilhões de conexões depois de 10 anos de operação, o crescimento rápido da 5G é bastante favorável. A LTE chegou ao mercado no último trimestre de 2009 e inicialmente foi usada por apenas 1.000 clientes na Europa Ocidental. A América do Norte atraiu 20.000 clientes adicionais em 2010 e a LTE contava com 23.250 conexões no mundo inteiro. Foi somente no 1T 2012, ou seja, aproximadamente 10 trimestres, para a LTE 4G chegar em 17,9 milhões de conexões – equivalente ao número de conexões que a 5G já alcançou. A 3G demorou 11 Trimestres para chegar ao mesmo marco em dezembro de 2010 e a 2G levou 14 trimestres, atingindo o mesmo patamar em dezembro de 1995.

Fomentando o rápido crescimento da 5G foi a implementação de um grande número de redes comerciais 5G baseadas no padrão 3GPP. 59 redes comerciais 5G já estão em operação e esse número deve praticamente quadruplicar até o final de 2020, de acordo com os dados da TeleGeography.

Em termos regionais, até o final de 2019 a América do Norte registrou 587.000 conexões 5G e 483 milhões de conexões LTE. A América do Norte adicionou 434.000 conexões 5G durante o 4T 2019 (284% T3 para T4) e 13 milhões de conexões LTE (2,7% T3 para T4). A América Latina e Caribe terminou o ano de 2019 com 1.237 conexões 5G (314% T3 para T4) e 366 milhões de conexões LTE (crescimento de entre 5.4% T3 e T4). 

Jose Otero, Vice-Presidente da 5G Americas para a América Latina e Caribe, disse: “A 5G é a tecnologia sem fio que mais cresce na América Latina e no Caribe e é a primeira de qualquer geração de tecnologias celulares sem fio a ser implementada na região em seu primeiro ano de existência. As primeiras redes comerciais 5G chegaram em Puerto Rico, Trinidad & Tobago, Suriname, Uruguai e as Ilhas Virgens dos EUA em 2019 e outras redes 5G devem começar a operar na região em 2020”. 

Em termos globais, a Omdia está projetando 91 milhões de conexões globais 5G até o final de 2020, com 13.9milhões na América do Norte. A América Latina e o Caribe devem registrar 1.5 milhões de novos assinantes até o final do ano. De acordo com as previsões, a LTE 4G deve atingir 5.9 bilhões de conexões no mundo inteiro, com 513 milhões de novas conexões da América do Norte (6.1% de crescimento anual) e 397 milhões (5,7% de crescimento) da América Latina e o Caribe.
Os dados a seguir, da Telegeography, representam o número de redes em operação usando tecnologias sem fio até 16 de março de 2020:
Global: 

  • 5G: 59
  • LTE Advanced: 321
  • LTE: 672

América do Norte: 

  • 5G: 6
  • LTE Advanced: 9
  • LTE: 19

América Latina e o Caribe:

  • 5G: 5*
  • LTE Advanced: 48
  • LTE: 126

Deixe uma resposta