Com modelo delivery “in box” de comida típica brasileira, franquia fatura R$150 milhões

Brasileirinho Delivery | Cardápio de Comida Online

Em 2013, quando os jovens Jhonathan Ferreira e Adriano Massi decidiram criar uma franquia no setor alimentício, uma ideia os atraiu: lançar uma marca que como o modelo tradicional chinês, oferecesse comida na caixinha. O diferencial: o cardápio seria essencialmente brasileiro.

Com este conceito em mente, os empresários criaram o Brasileirinho Delivery. O modelo foi tão bem aceito que, atualmente, a rede já conta com mais de 110 unidades em diversos estados do país e vê crescimento grande, mesmo com pandemia, com previsão de R$150 milhões de faturamento para 2020. O ticket médio cobrado por refeição é R$ 34,99, mas os valores são a partir de R$15,99.

O cardápio é composto por pratos conhecidos de todos os brasileiros – como a feijoada e a galinhada – e algumas outras opções são incluídas, dependendo da região. “Geralmente o franqueado nos procura para dizer que determinado prato é muito popular em sua cidade e que gostaria de incluir ao cardápio”, conta Jhonathan.

Neste ano, algumas alterações foram feitas, como a inclusão de pratos tradicionais de algumas regiões do Brasil no cardápio, como por exemplo, o tradicional Bobó da Bahia. “O crescimento foi muito rápido e as mudanças estão sendo feitas conforme notamos as preferências do consumidor”, completa o empresário.

Jhonathan, de 29 anos, atuava na agropecuária junto à família no Mato-Grosso, quando resolveu investir em um negócio próprio. Estudando o mercado percebeu que, seguindo a tendência mercadológica, estabelecimentos que unissem produtos de qualidade à praticidade teriam mais chances de serem bem-sucedidos. “A ideia é atender as pessoas que estão fora de casa e com pouco tempo, sem abrir mão do gostinho da comida caseira”, conta.

Deixe uma resposta