Empresa de tecnologia abre 30 vagas e deve superar número de contratações em relação a 2019

A empresa de tecnologia da informação Gateware está com 30 vagas abertas para contratação, sendo parte delas para desenvolvedores, cientistas e analistas de dados. As vagas se destinam a trabalhos dentro da própria empresa e também para a alocação de profissionais em grandes empresas de todo o Brasil, como a ABinBev.

O número de vagas reflete a retomada do crescimento no setor. Mesmo com a pandemia, a empresa já realizou 27 contratações apenas em 2020. Até o final do ano, o número de deverá superar o total de 2019, quando 32 novos colaboradores foram contratados. Atualmente, 56 pessoas trabalham na Gateware.

Segundo a gerente da Recursos Humanos da empresa, Patrícia Ruppel, as áreas de desenvolvimento de aplicativos e de ciências de dados já apresentavam uma tendência de crescimento desde 2019.

“Com a pandemia, houve um susto e uma redução no ritmo das contratações, mas a partir de julho esse ritmo voltou a acelerar e agora está retornando à normalidade. A necessidade de ter bons desenvolvedores e de trabalhar com dados de maneira assertiva cresceu durante o período. São áreas em expansão constante e que mudam rapidamente, então exigem profissionais capacitados e que se atualizem. Por isso, são muito valorizados no mercado”, explica.

Além de todas as qualificações técnicas, uma das principais demandas por parte das empresas tem sido as questões comportamentais, também chamadas de soft skills. Para Patrícia, é importante que o profissional tenha competências como a resiliência, proatividade, adaptabilidade e capacidade de realizar mudanças e desafios, além do autoconhecimento sobre as suas características e capacidades profissionais. “Às vezes pode haver mais dificuldades para encontrar profissionais com essas características do que apenas com as capacidades técnicas. E essas habilidades são muito esperadas pelas empresas”, reitera.

Alocação profissional

A Gateware realiza o processo de alocação de profissionais de tecnologia em grandes empresas de acordo com suas demandas. É comum a contratação de colaboradores para projetos específicos por tempo determinado, com possibilidade de flexibilização. Dessa maneira, ao final de um projeto o profissional pode ser deslocado para outros e, se houver a possibilidade, ser contratado em definitivo. Todos os profissionais alocados pela Gateware são acompanhados e possuem um controle de acompanhamento de metas e resultados em conjunto com o gestor responsável.

Segundo Patrícia, esse é um modelo muito adotado porque oferece segurança para a empresa, especialmente por conta da expertise da Gateware. “A empresa tem poucos riscos. Nós elaboramos o processo seletivo e ela seleciona o profissional, enquanto nós cuidamos de questões burocráticas em relação à saída do profissional, por exemplo. Além disso, a empresa não tem qualquer problema em relação à legislação trabalhista”, afirma.

Um dos contratados pela Gateware é Pedro Cuenca Alves, engenheiro de dados que passou a integrar o time da ABInbev no mês de setembro.

Por conta do momento difícil da pandemia, que incluiu uma redução de salário em seu último emprego, ele passou a sondar novas oportunidades. Mesmo sem se candidatar ou ter indicação, ele recebeu a proposta da Gateware e rapidamente foi contratado. Pedro se mostrou surpreso com a proposta e as oportunidades oferecidas. “Não esperava encontrar algo tão rápido por conta da crise que vivemos. A pandemia acelerou a minha busca por uma nova posição e acabei encontrando uma oportunidade melhor na minha carreira”, afirma ele, que acredita ter boas chances de crescimento e elogiou a estrutura e a gestão da empresa.

De acordo com o profissional, a área de dados tende a se expandir cada vez mais. “Trabalhamos para extrair as melhores informações e ajudar a empresa a crescer a partir dos dados que capturamos. Acredito que essa é uma tendência mundial. As perspectivas são muito boas nessa área”, explica.

Deixe uma resposta