Grandes empresas investem R$ 2 bilhões no combate a #covid19 em sete meses de pandemia

A pandemia de coronavírus no país fez com que as principais empresas brasileiras mobilizassem recursos extras para ajudar no combate a Covid-19 e para mitigar seus reflexos na vida da população e na economia do país. De acordo com dados da Pesquisa Benchmarking do Investimento Social Corporativo (BISC), que será lançada de forma online nesta terça (10/11), as 303 principais empresas do país e 18 institutos/fundações ligados a grandes corporações doaram R$ 2 bilhões entre março e outubro deste ano para reduzir o impacto da contaminação em massa pelo coronavírus.

O montante desses 7 meses de pandemia é quase equivalente a todo o investimento social feito em 2019 pelo mesmo grupo de empresas. No ano de 2019, foram realizados R$ 2,5 bilhões em investimentos sociais. 

O lançamento da pesquisa traz ainda outros dados inéditos sobre os investimentos sociais de 2019 e mais detalhes sobre os recursos empregados pelas grandes corporações durante a pandemia.

Realizada há 13 anos, a pesquisa Benchmarking do Investimento Social Corporativo (BISC) tem como objetivo subsidiar a reflexão sobre os padrões atuais dos investimentos sociais corporativos, bem como sobre os desafios que se apresentam para o aprimoramento destes investimentos sociais. Participam da Rede BISC grandes corporações como Itaú, Santander, Gerdau, BRK Ambiental, Instituto Votorantim, Instituto CCR, Fundação Telefônica Vivo, Vale, Anglo American, Instituto Coca-cola, Instituto Neoenergia entre diversas outras empresas e institutos/fundações.


Para ter acesso à divulgação dos dados, é necessário se inscrever no webinar: https://www.comunitas.org/lancamento-bisc-2020-confira-a-programacao-e-se-inscreva/

Deixe uma resposta