Maior evento de games independentes, Big Festival vai premiar melhor jogo da América Latina

A ProChile, agência de fomento às exportações do governo chileno, marca presença no Big Festival, maior festival de games independentes, que acontece entre até domingo (9 de maio), em formato online e gratuito. Além de expor ao público os mais inovadores jogos do mundo inteiro , o evento também é o principal ponto de encontro de quem quer entender a fundo o universo dos games, com palestras, workshops, keynotes e o maior fórum de negócios de games da América Latina. Para acompanhar, basta acessar: https://www.bigfestival.com.br/

Um dos destaques do Festival é a premiação dos melhores jogos independentes do ano com a entrega do troféu Big. Com recorde de inscrições, o júri selecionou mais de 90 jogos de 25 países – entre os quais o Brasil.

“O Big Festival é o mais importante da América Latina e um dos mais relevantes para o mercado de games mundialmente. Por isso estamos muito felizes com as indicações, pois é uma grande oportunidade e abre muitas portas para a exportação do nosso game pelo mundo”, afirma David Fenner, diretor de criação da Playmestudio, empresa chilena.

A presença chilena nesta edição virtual também acontecerá por meio da delegação composta por 23 empresas dentre as quais estúdios e desenvolvedoras de game, em sua maioria indie (jogos independentes criados por uma pessoa ou pequenas equipes), para a rodada de negócios com o objetivo expandir os negócios do Chile no mercado de games, posicionando-o como uma das principais referências latino-americanas para o mundo bem como promover parcerias estratégicas com empresas e fomentar novos negócios e oportunidades.

“Para as nossas empresas, o Brasil é um mercado estratégico e uma referência em videogames, por isso estamos trabalhando constantemente para facilitar a integração e a chegada de desenvolvedores nacionais ao Brasil. Nesse sentido, o BIG Festival é uma grande plataforma. A indústria chilena é reconhecida nos principais mercados mundiais por sua capacidade produtiva, por isso estamos confiantes de que importantes alianças podem ser desenvolvidas com parceiros locais ”, afirma María Julia Riquelme, chefe do escritório comercial da ProChile em São Paulo.

A participação em eventos como o Big Festival é fundamental para o Chile, cujas exportações, em 2019, corresponderam a 82% do faturamento do setor, declarado pelas mais de 50 empresas consultadas, para elaboração de seu último levantamento de dados sobre o mercado de games no País. Para repercutir a evolução do mercado chileno bem como seu protagonismo no cenário internacional presidente da Associação dos Desenvolvedores de Videogames do Chile, Guillermo Gomez Zara, fará a palestra “A década de Desenvolvimento de games no Chile”, em 6 de maio, quinta, às 16h.

Deixe uma resposta