Governo do Ceará entrega tablets a alunos do ensino médio de escolas estaduais

Cento e cinquenta mil estudantes do Ensino Médio na rede pública estadual serão beneficiados com tablets que começaram a ser entregues pelo governador do Ceará, Camilo Santana (PT), na manhã de hoje (27.5). Com o governador estavam a secretária da Educação, Eliana Estrela, a secretária executiva de Gestão da Rede Escolar, Oderlânia Leite, e a estudante Gerlania Camilo do Nascimento, da Escola de Ensino Médio em Tempo Integral Senador Osires Pontes.

A entrega simbólica aos alunos da 1ª série foi acompanhada virtualmente pela comunidade escolar, superintendências das Escolas Estaduais de Fortaleza (Sefor) e Coordenadorias Regionais de Desenvolvimento da Educação (Credes). “Todos os alunos do 1° ano do Ensino Médio receberão tablets. Isso vai virar uma política permanente. O aluno que sai do 9° ano do ensino fundamental e entra no 1° do ensino médio já recebe o seu tablet, o seu chip, e vai passar os três anos com esse equipamento para auxiliar no aprendizado dele”, afirmou Camilo, que se solidarizou com os familiares das 20 mil vítimas da Covid-19 no Ceará.
A aquisição dos dispositivos foi feita para uso educacional e os tablets devem ser entregues às escolas nas próximas semanas para facilitar o acesso dos alunos às atividades remotas desenvolvidas pelas escolas e aos conteúdos on-line e plataformas virtuais disponibilizados pela Secretaria da Educação do Ceará (Seduc).

Essa iniciativa faz parte do programa Ceará Educa Mais: Conectividade. Uma política pública implementada pelo Governo do Ceará com o objetivo de garantir condições de acesso e ampliar as possibilidades de aprendizagem por meio de ferramentas e práticas digitais, para que o estudante consiga organizar e aprimorar seus estudos, interagindo com professores e colegas de forma dinâmica e criativa, principalmente no contexto de distanciamento social na pandemia do coronavírus.

Camilo destacou outras ações desenvolvidas para minimizar os efeitos da pandemia na vida dos estudantes. Ele destacou investimento de quase R$ 6 milhões para equipar todas as escolas e Centro Cearenses de idiomas (CEI) com kits de gravação para viabilizar a produção e transmissão das aulas remotas. O gestor também ressaltou que o Governo do Estado entregou kits alimentação para apoiar as famílias dos estudantes e entregou chips de internet para oferecer conectividade aos alunos das escolas e universidades públicas estaduais.
Escolhida para receber o tablet como representante dos estudantes, Gerlania do Nascimento compartilhou os desafios enfrentados para manter a rotina de estudos durante o distanciamento social. “Estou muito feliz por estar representando todos os estudantes do Ceará. E, assim como eu, todos terão acesso às aulas de forma digna e como deve ser”, disse Gerlania, agradecendo a todos que acreditam e lutam pela educação de qualidade e gratuita.

Para a secretária Eliana Estrela, a entrega dos tablets é um momento de muita emoção para os profissionais da educação. “Começamos a desenhar um modelo em que a gente pudesse não perder o vínculo com os alunos. Todo o time da educação se mobilizou neste momento para se reconstruir, se reinventar, acreditar, confiar no potencial da juventude”.
Eliana reforçou que as ações adotadas, aliadas ao protagonismo dos professores e alunos, foram importantes para a educação não parar durante a pandemia. “Não posso deixar de reconhecer o trabalho e dedicação de cada um e, especialmente, dos alunos, que por vezes não tinham como estudar, por vezes desacreditaram, por vezes quiseram desistir, mas nós insistimos que não soltássemos a mão de nenhum”, frisou Eliana, afirmando que a tecnologia digital contribui para o desenvolvimento da educação no Ceará.
Vacinação dos profissionais da educação

O governador lembrou que a vacinação dos profissionais da educação contra a Covid-19 deve ter início ainda nesta semana. “A previsão é que comece sexta ou sábado. No mais tardar sábado estará iniciando a vacinação dos professores. E nós queremos vacinar em curto prazo todos os professores do Ceará”.

Camilo reafirmou o compromisso em salvar vidas. “Precisamos estar firmes no nosso compromisso de continuar trabalhando, nossa prioridade é salvar vidas, acolher os irmãos cearenses”, finalizou.

Deixe uma resposta