Administradora digital de condomínios reduz custos e facilita a rotina de trabalho dos síndicos

Adeus à papelada impressa, aos balancetes complicados e ao envio de malotes na gestão dos condomínios brasileiros. Com essa ideia, a Digi, administradora digital de condomínios, em parceria com a Growth Tech, atua no mercado buscando reduzir custos e burocracia, além de aprimorar a administração e a gestão de recursos dos condomínios, levando a transformação digital a um mercado ainda muito tradicional. A economia para os condomínios pode chegar a 35% na taxa administrativa mensal.

Nessa primeira fase de lançamento, a ferramenta simplificará a vida de síndicos e moradores dos condomínios da cidade do Rio de Janeiro, que poderão registrar contratos, documentos e acordos na plataforma, fazer prestação de contas, organizar as finanças, fazer gerenciamento de pessoal e realizar pagamentos online.

A Digi mira o mercado de síndicos profissionais, que está em expansão. Atualmente 76% dos condomínios usam administradoras convencionais, 16% realizam autogestão e 8% fazem cogestão. A administradora digital também oferece assessoria em gestão e saúde financeira, taxa mensal fixa e até 30% mais barata do que a média do mercado, plano de contas simplificado e relatórios prontos.

Os condomínios que participarem dessa primeira etapa que começa a partir do dia 1 de maio terão 6 meses de serviço gratuito da plataforma Digi, seguidos de 6 meses com 50% de desconto.

“A Digi Administradora Digital é uma verdadeira evolução no setor de condomínios, em que as empresas em geral não se modernizaram ao longo do tempo. A ferramenta garante segurança e transparência às transações e aos negócios efetivados. Tem tudo o que as demais administradoras oferecem, mas de forma mais simples, econômica e sem burocracia”, afirma Leonardo Libman, CEO da Digi.

“Além de facilitar a gestão, a Digi ajuda a valorizar o condomínio e até melhorar a relação do síndico com os moradores”, acrescenta Leonardo. Ele lembra que a substituição do papel por processos digitais também contribui para diminuir o impacto ambiental.

“A tecnologia Blockchain pode ser muito útil à atividade de gestão condominial. Promove segurança e transparência a questões que historicamente são possíveis problemas para o condomínio, como prestações de contas e registros de atas de assembleias e outros documentos, por exemplo”, comenta Hugo Perrini, Co Fundador Digi e CEO da Growth Tech.

A tecnologia da plataforma, focada em blockchain, garante a proteção e a segurança de todos os dados e documentos do condomínio. A proposta da Digi é oferecer todos os serviços que uma administradora convencional oferece através da plataforma digital. A administradora digital conta com profissionais altamente experientes no mercado de gestão condominial que estarão focados no atendimento de cada condomínio, além do auxílio ao síndico em questões do dia a dia.

Os síndicos interessados em trazer seus condomínios para a Digi podem solicitar proposta por um formulário simples e ter seis meses de gratuidade e mais seis meses com 50% de desconto na taxa administrativa mensal https://digiadm.com.br/sejadigi/

Deixe uma resposta