Sistema de gestão auxilia técnicos e produtores com maiores níveis de produtividade

Profissionais envolvidos com atividades relacionadas à produção de proteína animal podem contar com auxílio de um sistema de gestão, totalmente gratuito, desenhado para permitir ganhos de performance em seus negócios. Por meio de conteúdos em texto e vídeo, disponibilizados em plataformas segmentadas por espécie, e de uma matriz composta por seis itens (Nutrição, Genética, Manejo, Infraestrutura, Biossegurança e Gestão), produtores de proteína animal podem avaliar em que nível de desempenho se encontram, e, com isso, promover adequações em suas criações. Neste contexto, a partir de conceitos técnicos e práticos, com uma linguagem simples e materiais acessíveis, o sistema pode auxiliar os profissionais do setor a alcançar maiores níveis de produtividade, sem deixar de lado a sustentabilidade.

A ferramenta contempla informações de valor que podem ser consultadas para melhorar índices zootécnicos como crescimento, conversão alimentar e longevidade. Desta forma, o produtor consegue se antecipar a possíveis problemas no processo produtivo e assim, tomar medidas de contenção, podendo atuar com estes indicadores para maximizar os resultados”, destaca Andre Litmanowicz, diretor Comercial da Guabi Nutrição e Saúde Animal.

Chamado Sistema Guabi de Alto Desempenho (Sigad), o método é formado por materiais audiovisuais na internet, além de disponibilizar assistência técnica com a proposta de realizar o direcionamento das prioridades e acompanhamento dos resultados na produção animal. As orientações podem ser acessadas em páginas direcionadas para cada espécie: BovinosEquinosAqua e Sabor e Tradição, que engloba aves, suínos, caprinos, ovinos e coelhos. Há possibilidade de esclarecimento de dúvidas com os técnicos da empresa por meio dos contatos disponibilizados nas páginas.

De acordo com Litmanowicz, esta abordagem complementa com orientações e dicas relevantes para os resultados do produtor e é resultado de todo um vasto trabalho desenvolvido pela Guabi nos seus 47 anos, lado a lado com seus clientes. Conforme ele destaca, a nutrição é um dos maiores custos da produção animal e, sendo um dos maiores custos, o produtor tem que buscar a melhor eficiência para atingir os melhores resultados. “E foi por esse motivo que criamos o sistema. Desempenho, confiança e relacionamento de longo prazo são palavras-chaves da Guabi, traduzidas em uma abordagem de valor à vida. Compartilhando e disseminando boas práticas em todo o mundo, podemos todos juntos alcançar o nosso tão sonhado planeta de abundância”.

Pecuária e VBP

A pecuária contribui com importante parte da economia brasileira, apenas em 2021 o setor deve alcançar o Valor Bruto da Produção (VBP) de R$ 1,037 trilhão. Os dados são do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que também demonstram uma expectativa de crescimento de 12,4% em relação a 2020. “Para atingir sempre os melhores resultados, sistemas que inovem e incentivam um bom desempenho na produção de proteína animal são essenciais”, destaca Litmanowicz.

Por conta dos desafios enfrentados no dia a dia da criação e produção animal, é importante que sejam priorizados um bom manejo, com fornecimento de nutrientes adequados, além dos cuidados da infraestrutura e biossegurança, que tornem os processos mais qualificados e rentáveis. “Nenhum item é mais importante que o outro, todos devem andar alinhados para o que o consumidor final necessita: qualidade e alto valor agregado. É isso que o sistema representa, cuidar de todos os itens de maneira igualitária e completa”, finaliza o diretor Comercial da Guabi Nutrição e Saúde Animal.

Deixe uma resposta