Governo do Ceará abre processo seletivo para dez cozinhas sociais

O Governo do Ceará lançou edital do processo seletivo da segunda edição do programa Cozinhas Sociais durante live transmitida pelas redes sociais do Governo do Ceará. Participam da solenidade a vice-governadora Izolda Cela; a primeira-dama do Ceará, Onélia Santana; o secretário da Cultura do Estado, Fabiano Piúba; a titular da Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS), Socorro França; a presidenta do Instituto Dragão do Mar (IDM), Rachel Gadelha; e a superintendente da Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco, Selene Penaforte.

A formação visa a apoiar 10 instituições que já realizam trabalhos sociais em comunidades vulneráveis. A iniciativa será realizada pelo Estado, por meio da Escola de Gastronomia Social Ivens Dias Branco, instituição da Secretaria da Cultura do Estado Ceará (Secult), gerida pelo Instituto Dragão do Mar (IDM) e o Mais Nutrição, ação do Programa Mais Infância Ceará.

Os representantes selecionados participarão de forma híbrida (online e presencial) de atividades como formação em empreendedorismo social, cozinha básica e boas práticas, tutoria, acompanhamento, além de receber ajuda de custo, insumos e utensílios para fornecer alimentação nas áreas que atendem.

Deixe uma resposta