Empresa abre segunda turma para experiência especializada em cachaça

Após a estreia do lançamento de experiências online, em agosto, a BR-ME, empresa que promove e fornece produtos e serviços brasileiros, repete a dose e anuncia nova data para a aula que aborda o mundo da cachaça. A próxima turma é para o curso que ocorrerá online dia 30 de setembro.

A iniciativa teve início com a entrada da categoria Destilados na plataforma. O objetivo é tornar a BR-ME uma referência em local onde se encontra produtos, serviços e informação. Felipe Jannuzzi, sócio executivo e especialista em destilados, é o apresentador e palestrante junto com Maurício Ayer, um dos principais pesquisadores sobre a cachaça no Brasil.

“Queremos trazer muita informação técnica e de qualidade, em um ambiente descontraído. A primeira turma foi um sucesso e acreditamos que na segunda não será diferente, queremos criar uma comunidade cada vez maior e mais forte para partilhar conhecimentos e experiências”, explica Jannuzzi.

As inscrições para a nova turma, que passará pela vivência no dia 30 de setembro, das 19h30 às 21h30, já estão abertas por meio do link: INSCRIÇÃO_CLIQUEAQUI. A programação ocorrerá online e para maximizar a vivência, todos os integrantes receberão um kit com as bebidas, materiais e instruções necessárias para a experiência com os especialistas. Serão realizadas degustações, com explicações técnicas dos componentes, além da produção de um drinque típico nacional.

A curadoria BR-ME selecionou para a experiência rótulos que levam ao consumidor qualidade com nível de competição global, com diversidade capaz de apresentar diferentes aromas e sabores do país. O objetivo é proporcionar uma vivência que gere interação, integração, conhecimento e cultura para os participantes do evento.

De acordo com o sócio executivo da BR-ME e idealizador do projeto, Felipe Jannuzzi, serão revelados os diferentes aspectos das regiões brasileiras, como da Serra Gaúcha e de Minas Gerais. O especialista explica que essas regiões não concorrem entre si no quesito cachaça, mas sim, que são complementares e fazem parte da paleta de aromas que é o Brasil. Dessa forma, é possível valorizar pequenos produtores, receitas antigas e ingredientes novos.

Maurício Ayer, que também é músico e professor, apresentará um repertório de marcas de cachaça artesanal para degustação. O especialista traz uma experiência que envolve aromas, sabores e madeiras nacionais (amburana, ipê, jequitibá-rosa) e muito conhecimento.

Deixe uma resposta