Brasil

Agronegócio tem recorde de exportação em novembro

Posted on

As exportações ligadas ao agronegócio atingiram recorde no mês de novembro. Os dados são do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e revelam que as exportações do setor atingiram uma marca de R$ 7 bilhões, com a soja em grãos, milho, algodão e carne bovina in natura como os principais produtos. No caso da soja, resultado recorde para o mês de outubro, com mais de dois milhões de toneladas exportadas.

 

Ainda de acordo com o levantamento da pasta, de janeiro a novembro as exportações somaram mais de US$ 89 bilhões. A venda de soja em grão aumentou 29%, o milho 21,2% e aumento de 3,2% em celulose. Segundo os dados da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil, CNA, no balanço do desempenho do setor durante 2017, as exportações ligadas à agropecuária somaram 45% de todas as exportações do Brasil.

Mesmo com o resultado expressivo, a intenção da CNA é ampliar a rede de mercados internacionais e obter resultados melhores neste quesito. Lígia Dutra é superintendente de Relações Internacionais da CNA e comenta que firmar acordos internacionais com países como Coréia do Sul, Japão e México são uma das prioridades da CNA para o ano que vem. “Apesar de sermos o quarto maior exportador mundial de alimentos, nós ainda temos pouco acesso a mercados estrangeiros. Se tivéssemos melhores condições de acesso, isso significa acordos com redução tarifária ou redução de barreiras sanitárias e outras, nós teríamos um potencial de exportação muito maior”, destacou Lígia.

Ainda de acordo com a avaliação da Confederação, o setor foi um dos principais pilares para a recuperação econômica do país em 2017, responsável por 23,56% do PIB do país. Além disso, de acordo com o levantamento apresentado pela CNA, o agronegócio gerou, no acumulado até outubro, cerca de 93 mil postos de emprego.

Futuro ministro da Secretaria de Governo está confiante para aprovação da reforma da Previdência

Posted on

Próximo de tomar posse como ministro da Secretaria de Governo, o deputado Federal Carlos Marun (PMDB-MS), prevê uma vitória do governo na votação da reforma da Previdência e afirma que os votos necessários para aprovação do texto estarão garantidos até o dia 18 de dezembro.

 

Para o parlamentar, além do empenho que os defensores da reforma devem ter no Congresso Nacional, setores da sociedade também precisam trabalhar firme para essa discussão não ser mais adiada. “Que exista uma atuação daqueles setores lúcidos da sociedade brasileira que sabem que a reforma da Previdência é necessária e que não é mais o momento de empurrar essa questão com a barriga”, afirmou.

Ainda segundo Marun, os argumentos usados contra a reforma são apresentados por pessoas que têm medo de perder privilégios.

“Eu vejo um segmento da sociedade que ainda teme perder algum privilégio nesse momento se posicionando contra, mas com força. São segmentos organizados, que se manifestam de forma organizada em momentos contundentes”, disse o então vice-líder do governo na Câmara.

Para tentar conquistar o apoio dos parlamentares, o governo elaborou um novo texto que deixou de fora itens como aposentadoria rural e o Benefício da Prestação Continuada. No entanto, o coordenador de Previdência do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), Rogério Nagamine, destaca outros pontos mantidos na matéria que são essenciais para a manutenção do sistema previdenciário no país.

“Existem alguns pontos fundamentais que precisam ser preservados. A questão da idade mínima e de combater privilégios pela convergência dos regimes de Previdência dos servidores públicos para as mesmas regras e mesmo teto de benefícios do INSS”, ressaltou Nagamine.

Déficit

Em proporção nacional, a realidade do rombo previdenciário se estende ao Regime Geral da Previdência Social (RGPS). No ano passado, o prejuízo no sistema alcançou o recorde de R$ 149,73 bilhões. O valor é 74,5% maior que o registrado em 2015, quando o rombo somou R$ 85,81 bilhões, o que corresponde a 1,5% do PIB.

De acordo com o Tesouro Nacional, as despesas com Previdência equivalem a 55% dos gastos do governo. Para este ano, a expectativa é que o déficit do RGPS alcance R$ 181,6 bilhões.

BNB inaugura coworking gratuita para startups

Posted on Updated on

 

Espaço gratuito, com incentivos para que startups evoluam e gerem capital de conhecimento. Essa é a proposta do Coworking Hubine, inaugurado no Hub Inovação Nordeste – Hubine, no centro administrativo do Banco do Nordeste (BNB), em Fortaleza.

O espaço abrigará oito startups selecionadas e oferecerá, além de estrutura física, ambiente favorável ao compartilhamento de conhecimento técnico e experiências entre as empresas e seus fornecedores, clientes e o próprio Banco.

Os empreendedores selecionados dispõem de modelos de negócios aplicáveis na área de atuação do Banco e apresentam potencial para contribuir com o desenvolvimento do ecossistema local de startups no Nordeste, norte de Minas Gerais e do Espírito Santo.

“A proposta é oferecer um ambiente inspirador, democrático, pensado para o trabalho autônomo e networking com pessoas de diferentes áreas da inovação. Com esta iniciativa o Banco pretende ratificar o modelo de fomento à cultura de empreendedorismo na Região e potencializar a interação, as redes e a transferência de conhecimentos e habilidades entre empreendedores apoiados e o ecossistema local de startups”, explica o inovador-chefe do Banco do Nordeste, Eduardo Gaspar.

Parnaíba articula empréstimos com a CEF

Posted on Updated on

Com informações da Prefeitura de Parnaíba, no Piauí:

Técnicos da Caixa Econômica Federal estiveram com o prefeito de Parnaíba (PI), Mão Santa, para tratar da solicitação de dois empréstimos feita pela prefeitura à instituição financeira. São R$ 5 milhões, devidamente aprovados pela Câmara Municipal, para obras de infraestrutura e pagamento de contrapartidas junto ao governo federal; e mais R$ 30 milhões para mobilidade urbana, cujas tratativas foram iniciadas em outubro último, quando esteve em Brasília a Secretária Municipal de Infraestrutura, Gracinha Moraes Souza.

(…)

A prefeitura já protocolou, semana passada, a documentação relativa ao pedido de financiamento dos R$ 5 milhões. (…) Mão Santa falou na ocasião dos vários avanços que o município vem experimentando em diversos aspectos, e de alguns planos que pretende por em execução, como a criação de uma Escola Técnica Municipal, focado também na conclusão da 2ª etapa dos Tabuleiros Litorâneos, e investimentos que pretende fazer no setor turismo, a exemplo do que fez quando governou o Estado, época em que incentivou o surgimento de novos hotéis e pousadas. E pediu pressa na liberação dos R$ 5 milhões, “porque pretendemos continuar embelezando nossa cidade e melhorando a qualidade de vida da população”, ponderou.

Os outros R$ 30 milhões pleiteados são recurso para investimentos em mobilidade urbana, como abertura de novas avenidas, duplicação de outras, recapeamento asfáltico e construção de asfaltos novos, construção de várias pontes, ou seja, uma série de intervenções que a prefeitura pretende elaborar.

Após o encontro com o prefeito, a equipe da Caixa se deslocou para o Centro Administrativo, onde se reuniu com a secretária de infraestrutura, Gracinha Moraes Souza, e equipe de engenheiros e arquitetos, além de outros secretários. Na ocasião, foram discutidos aspectos técnicos e adequações dos projetos apresentados para a execução de obras.

Obtenção de recursos para educação é tema de seminário na Assembleia Legislativa do Ceará

Posted on Updated on

Em momento de crise econômica e cortes no orçamento em áreas essenciais como Educação, potencializar o uso da verba pública tornou-se prioridade de gestores municipais. Por isso, a partir das 9 horas de hoje, no Complexo das Comissões Técnicas da Assembleia Legislativa do Ceará, secretários municipais de educação participam do “Seminário PAR: Plano de Ações Articuladas, obtenção de recursos e ferramentas e novas tecnologias para educação”.

O debate terá a presença da Secretária de Educação do Município de São Felix do Xingu I(PA), consultora e especialista em gestão educacional, Viviane Cunha. Ela fará palestra sobre o Plano de Ações Articuladas (PAR), instituído pelo governo federal em 2007, em todos os municípios brasileiros..

Também participará do evento Denise Maria Telles, que vai apresentar ferramentas inovadoras de aplicação dos recursos no setor, desde a capacitação dos professores, aquisição de material didático de qualidade e investimentos em infraestrutura da rede escolar.

BNB sedia evento com startups

Posted on Updated on

Do blog do jornalista Roberto Maciel:

Empreendedores de diferentes estados participarão em Fortaleza (CE) de um ‘Pitch Day’ – evento para apresentação de startups. Será hoje, às 17 horas, no Hub Inovação do Banco do Nordeste (Hubine/BNB), no encerramento da primeira edição do Curso Company Creation Brasil, promovido pelo Instituto Planet, em parceria com a italiana StarBoost Academy, e com apoios da Elephant Coworking e do Hubine.

No evento, que será gratuito e aberto ao público, será apresentado o ‘Elevator Pitch’ das melhores ideias do curso, que serão avaliados por especialistas do campo da inovação, empreendedorismo e startups. Ao final, será escolhido o melhor projeto, onde o seu representante será premiado com um estágio na sede da StarBoost, em Turim (Itália), e poderá ter seu projeto financiado e implementado na Smart City Laguna, a primeira Cidade Inteligente Social do Mundo, que está sendo construída no distrito de Croatá, em São Gonçalo do Amarante, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

Conforme Susanna Marchionni, presidente do Instituto Planet e diretora geral da SG Desenvolvimento – realizadora da Smart City Laguna, o curso Company Creation tem como objetivo desenvolver um negócio com o menor investimento financeiro possível. “O curso, que iniciou a primeira edição no Brasil em setembro e aconteceu durante 10 semanas, teve o envolvimento de 105 potenciais empreendedores de diferentes cidades do País, diferentes idades e diferentes conhecimentos, entre graduados, pesquisadores, empresários e startupers, a quem foram disponibilizados ferramentas e conhecimentos para começar as atividades empreendedoras”, explica.

O Company Creation Brasil, que foi realizado nas modalidades presencial, em Fortaleza (CE), e à distância, foi idealizado pelo Instituto Planet, em parceria com a StarBoost Academy, empresa italiana que deu suporte aos potenciais empresários na criação executiva de sua empresa com suas habilidades UX, software de design, gráficos e desenvolvimento. A versão brasileira foi facilitada por Daiany França, empreendedora, gestora de projetos certificada internacionalmente e co-fundadora do Instituto Esporte Mais.

FPM vai aumentar

Posted on

O plenário do Senado aprovou quarta-feira (6/12), por unanimidade, a proposta de Emenda Constitucional que aumenta as receitas do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). O aumento começará a ser pago no mês de setembro de 2018, de forma escalonada. Serão 0,25% a mais, nos anos de 2018 e 2019; 0,5% a mais, em 2020; chegando a 1% em 2021. A matéria segue para análise na Câmara dos Deputados.

O senador José Pimentel afirmou que esta conquista dos municípios resulta de uma luta iniciada no governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. “Em 2007, com a mobilização dos movimentos municipalistas e total apoio do presidente Lula, o Congresso Nacional promulgou a Emenda Constitucional 55, criando o 13º FPM, pago todo mês de dezembro. Em 2014, com o apoio da presidenta Dilma Rousseff, o Congresso Nacional promulgou a Emenda Constitucional 84, criando o 14º FPM, pago no mês de julho. Agora, com a iniciativa do senador Raimundo Lira (PMDB-PB), autor da PEC, estamos criando o 15º FPM, a ser pago no mês de setembro”, informou.

Após a promulgação da emenda, a União passa a transferir às prefeituras 25,5% da arrecadação líquida com Imposto de Renda (IR) e Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI). Esse percentual era de 22,5%. Em 2007, com a EC 55, subiu para 23,5%; e, para 24,5%, em 2014, com a promulgação da EC 84. A estimativa, prevista no relatório do senador Armando Monteiro (PTB-PE), favorável à PEC 29/2017, é de que as transferências aos municípios sejam elevadas em R$ 1,1 bilhão, em 2018; R$ 1,2 bilhão, em 2019; R$ 2,6 bilhões, em 2020; e R$ 5,6 bilhões, em 2021.

A PEC foi aprovada na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, no dia 29 de novembro. Os senadores também aprovaram requerimento de autoria de Pimentel para tramitação da matéria em caráter de urgência.  Com isso, a PEC pôde ser votada rapidamente, ficando dispensada a exigência de dois turnos de votação no plenário, com cinco sessões de discussão no primeiro turno e outras três sessões no segundo turno.

Cursos de Medicina estão assegurados para o Ceará, diz Eunício Oliveira

Posted on Updated on

Do blog do jornalista Roberto Maciel, de Fortaleza (CE):

O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB), se reuniu hoje com prefeitos do Ceará e confirmou a edição e publicação de portaria do Ministério da Educação autorizando a criação de quatro cursos de medicina no Estado. Antes do encontro, Eunício esteve com o secretário de Regulação e Supervisão da Educação Superior (SERES), Henrique Sartori, responsável por informar sobre o processo. Segundo o senador, a portaria será publicada até o próximo dia 18.

A decisão favorável ao Ceará vem após intenso trabalho de Eunício junto à presidência da República e ao MEC para que a decisão do governo, em proibir, através de decreto, a criação de novos cursos de medicina em todo o país por cinco anos.

“Essa é uma reivindicação antiga das diversas regiões do Ceará e nós não podíamos ficar de braços cruzados. Depois de muita luta e insistência, as faculdades de medicina estão confirmadas para atender a demanda de estudantes que sonham em cursar e exercer essa profissão”, disse.

Ainda a respeito das conquistas no MEC, Eunício disse que também estão assegurados os recursos para instalação dos Institutos Federais de Educação do Ceará em Lavras da Mangabeira e Mombaça.

No encontro, os prefeitos também pediram apoio do presidente do Senado para intervir junto ao Executivo Federal no sentido de buscar uma solução para a atualização do valor do Fundeb (Fundo da Educação Básica). Segundo os gestores municipais, a parcela referente ao mês de dezembro teve uma redução de 46% do valor original, o que resultará em dificuldades financeiras para as cidades neste final de ano. “Nós sabemos que o senador sempre atende os municípios do Ceará com muita atenção e por isso também viemos fazer um apelo para que esse desconto do Fundeb, de quase 50%, possa ser revertido junto à presidência da República”, solicitou a prefeita Sônia Costa, da cidade de Madalena.

Sobre o assunto, Eunício disse que reforçará a luta e fará o possível para que a medida seja revertida.

Articulação defende subsídio do milho

Posted on Updated on

 

O presidente do Senado, o cearense Eunício Oliveira (PMDB), iniciou com o presidente da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Francisco Marcelo Rodrigues Bezerra, mobilização para estender os efeitos de portaria do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, que beneficia pequenos criadores e agroindústrias de pequeno porte das regiões Norte e Nordeste.

A portaria dá aos pequenos produtores, por meio do Programa Vendas em Balcão da Conab, acesso aos estoques de milho do governo a preços compatíveis aos do mercado atacadista local. Mas a regra perderá validade já em 31 de dezembro próximo, o que pode prejudicar milhares de produtores e criadores rurais.

Em decorrência da medida, a saca de 60 kg é vendida hoje a R$ 33 nos municípios do Norte e Nordeste.

O presidente da Conab argumenta que, com sete meses em vigor, as repercussões da Portaria são “bastante
expressivas” na movimentação da economia local. Segundo estudo da Companhia, no volume de vendas nos 15 estados atendidos, de 10 de abril passado a 9 de novembro, o comércio em balcão de milho em grãos a preço subsidiado superou 86% o volume de vendas no mesmo período de 2016.

Eunício disse que vai tratar com o presidente da República, Michel Temer, e com o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, defendendo a prorrogação da medida.

Ceará reforça ações no turismo

Posted on Updated on

Do portal do Governo do Ceará:

O ano de 2017 já pode ser considerado um marco na história do turismo do Ceará. O início das operações da
empresa alemã Fraport na administração e ampliação do Aeroporto Internacional Pinto Martins; a conquista do
centro de conexões das companhias Air France, KLM e GOL; a inauguração do Aeroporto Regional de Jericoacoara e
o aumento do número de cruzeiros chegando a Fortaleza representam uma série de conquistas permitirão que o
turismo – que já é uma das principais vocações do Estado – ganhe outro patamar.

A projeção da Fraport é dobrar o número de passageiros que utilizam o Aeroporto Pinto Martins – que hoje é de
aproximadamente 6 milhões de passageiros por ano – durante o período de concessão do equipamento à empresa
alemã. O início do plano de ações da Fraport para o aeroporto tem investimento de R$ 600 milhões. A empresa
está esperando aprovação do projeto pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e deve iniciar as obras até o
início de 2018. A reforma contará com a extensão da pista e a inclusão de sete pontes adicionais, com mais
vagas para as aeronaves.

Concomitantemente às obras de melhoria, o Aeroporto de Fortaleza passará a receber 26 novos voos, sendo 21
diários da GOL e cinco semanais do Grupo Air France-KLM. A conquista do HUB permitirá um aumento inicial de 50% no número de passageiros domésticos e 23% no de estrangeiros, representando um aumento de 1,5 milhão de
passageiros. Atualmente, o Ceará recebe cerca de 3,3 milhões de turistas, sendo aproximadamente 10% de
estrangeiros.

Leia mais neste link.

O que muda no turismo do Estado a partir de agora