Nordeste

Fortaleza espera 50 mil turistas no feriadão de Corpus Christi

Posted on Updated on

Fortaleza (CE) tem a expectativa de receber no feriado de Corpus Christi, de amanhã (30.5) a 2 de junho, aproximadamente 50 mil turistas. Esse quantitativo representa impacto econômico para o período de R$ 126 milhões em todo o Estado. Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH–CE), em relação à ocupação dos leitos da rede hoteleira, a estimativa chega a 50%.

A capital vem sendo apontada como um dos principais destinos dos brasileiros para feriados e férias. Conforme o site de planejamento de viagens, Kayak, para o feriado de Corpus Christi, a capital está em 6ª posição entre os mais procurados, com aumento de 47% em relação ao mesmo período do ano anterior.

A CVC, maior operadora de turismo do País, também trouxe Fortaleza no ranking na intenção de viagem dos brasileiros para as férias de julho, ocupando a terceira colocação, atrás de Maceió e Porto Seguro.

Este é o segundo feriado prolongado no mês de maio. O Dia do Trabalhador, comemorado no dia 1º, e de Corpus Christi (31) irão juntos injetar R$ 9 bilhões na economia em todo o Brasil, resultado das cerca de 4,5 milhões de viagens no período. O levantamento foi realizado pelo Ministério do Turismo, em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV) e prevê que este será o mês mais lucrativo em viagens (levando em consideração os outros feriados após maio).

Ainda segundo o estudo, maio será o mês com mais feriados escolhidos para viajar, ultrapassando as 3,7 mil viagens que serão feitas em novembro (Finados e Proclamação da República). A folga prolongada que terá maior impacto neste ano será em Corpus Christi, com previsão de 2,4 milhões de viagens realizadas.

Senai-CE oferece mais de 3,3 mil vagas em cursos

Posted on Updated on

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do Ceará (Senai-CE) abre cerca de 3.300 vagas nesse semestre para cursos presenciais e a distância. São 196 turmas no total. Destaque para o curso de Assistente de Recursos Humanos na unidade de Juazeiro do Norte e Mecânico de Manutenção de Motocicletas, na Barra do Ceará.

Nos cursos de qualificação profissional e curta duração, destacam-se Manutenção de Máquina Lavar; Eletricista de Automóveis; Dimensionamento de Sistemas Fotovoltaicos; Cortador de Roupas; Fashion Future; Modelagem Avançada em Lingerie Feminina; Confeiteiro; Padeiro; Boas Práticas de Fabricação; Excel Pleno; Mecânico de manutenção em máquinas de costura; Mecânico de manutenção em máquinas industriais; Montador de sistemas fotovoltaicos; Cronometragem e Cronoanálise; Supervisor industrial; Fundamentos de Soldagem; Acionamentos Eletroeletrônicos de Motores, Mecânico de Veículo Diesel.

Na modalidade Educação a Distância, com a vantagem do aluno assistir às aulas pela Internet no momento em que preferir e cumprir apenas parte da carga horária obrigatória em aulas presenciais, são ofertadas 12 turmas com 545 vagas, sendo nove de iniciação profissional com o preço mais em conta no valor de R$ 14,00 cada. São eles: Consumo Consciente de Energia; Desenho Arquitetônico; Fundamentos de Logística; Segurança do Trabalho; Lógica da Programação, entre outros.

O Senai possui unidades nos bairros Barra do Ceará, Jacarecanga e Parangaba, em Fortaleza; Maracanaú na Região Metropolitana; Sobral e Juazeiro do Norte no Interior do Estado. Mais informações acesse aqui o site do Senai ou ligue para Central de Relacionamento do Sistema Fiec: (85)4009. 6300 (Fortaleza e Região Metropolitana); (88) 3102.5750 (Juazeiro do Norte); (88) 3112.8300 (Sobral).

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial – Senai Ceará tem a missão de contribuir para o aumento da produtividade do trabalhador e para o incremento da competitividade da indústria do Estado do Ceará. O SENAI faz parte do Sistema Fiec, junto com o Serviço Social da Indústria – Sesi Ceará, o Instituto Euvaldo Lodi Ceará e o Centro Internacional de Negócios.

Barraca de Fortaleza é condenada pela Justiça por preconceito racial

Posted on Updated on

A barraca de praia Chico do Caranguejo Empreendimentos Turísticos, uma das mais movimentadas da orla marítima de Fortaleza (CE), foi condenada a pagar R$ 10 mil, por danos morais, por barrar a entrada da família de um taxista em evento da categoria que ocorria no estabelecimento.

“Vislumbro o dever de indenizar da barraca de praia requerida, tendo em vista que a conduta ilícita praticada por seu preposto foi de preconceito com a autora [esposa do taxita] e total desprestigio com o taxista autor, e por conseguinte deve ser integralmente responsabilizada”, afirmou o juiz Cid Peixoto do Amaral Neto, titular da 3ª Vara Cível do Fórum Clóvis Beviláqua.

Consta nos autos que o taxista foi convidado para o “Arraiá dos Taxistas”, realizado em 5 de julho de 2017, na barraca, na Praia do Futuro. Ele e a esposa contam que foram com a filha de 12 anos. Mas foram impedidos de entrar por funcionário do estabelecimento, sob a justificativa de que a mulher não seria a esposa dele e que o evento era destinado somente a taxistas e familiares. Segundo o casal, o funcionário disse que o homem teria pego a mulher “na rua”, por ele ser ele negro e ela, loira.

O casal alega que sofreu preconceito de racismo, sendo constrangido e humilhado. Além disso, a filha passou a ser acompanhada por profissionais de Psicologia devido ao episódio. Por conta disso, o casal ingressou com ação por danos morais.

Na contestação, o empreendimento defendeu a inexistência de dano moral e sustentou que o casal tentou ludibriar a Justiça, alegando que não restaram provados os fatos constitutivos do alegado direito. Assim, pediu a improcedência do pleito e a condenação do casal por litigância de má-fé.

Ao julgar o caso, o magistrado destacou “que assiste razão às partes autoras [casal], haja vista que restou demostrado nos autos os fatos constitutivos de seus direitos, ou seja, acostaram as provas de que ocorreu a festa do Arraia dos Taxistas nas dependências da barraca de praia requerida, bem com as testemunhas ouvidas na fase de instrução trouxeram elementos capazes de alicerçar o direito perquirido e de convencimento deste juízo”. A decisão foi publicada no Diário da Justiça nessa segunda-feira (21/05).

Atualização cartográfica já trata de Fortaleza em 2040

Posted on

O site Fortaleza em Mapas acaba de acrescentar duas novas categorias: Fortaleza 2040 e Legislação. Foram disponibilizados mapas das publicações do Plano Mestre Urbanístico e do Plano de Habitação de Interesse Social, além das Zonas Especiais. No total, foram incluídos 84 mapas ao site. O Fortaleza em Mapas, oferecido pela Prefeitura de Fortaleza, é mantido pelo Instituto de Planejamento de Fortaleza (Iplanfor).

O material referente ao Plano Fortaleza 2040 está disponível para download em formato .pdf e pode ser impresso. Os demais mapas estão disponíveis para download em shapes com opção de .pdf e kml e também podem ser impressos.

As publicações que foram acrescentadas à categoria Fortaleza 2040, o planejamento de desenvolvimento em vigência na Cidade, são mapas referentes:

– ao Plano Mestre Urbanístico (divididos pelos temas: Bairro de Inovação, Comércio, Corredores, Cultura e Patrimônio, Emprego, Meio Ambiente, Planos Específicos, Relação com Assentamentos Precários, Região Metropolitana de Fortaleza, Sequência de Implantação, Transportes e Infraestrutura) e

– ao Plano de Habitação de Interesse Social (divididos pelos temas: Assentamentos precários, Jovens que não trabalham nem estudam e assentamentos precários, Homicídios e assentamentos precários, Dengue e assentamentos precários, Atualização – assentamentos precários, Tipologia dos assentamentos precários, Áreas de risco – Assentamentos precários, Característica – Assentamentos precários, Intervenções necessárias – Assentamentos Precários, Zonas Especiais de Interesse Social (Zeis), Vazios Urbanos e Zeis de Vazios, Assentamentos precários em alto risco social e Novas Prioridades).

No tópico Legislação, o usuário tem acesso às Zonas Especiais:
– ZEA (Zonas Especiais Ambientais),
– Zedus (Zonas Especiais de Dinamização Urbanística e Socioeconômica),
– Zeis (Zonas Especiais de Interesse Social) e
– ZEPH (Zonas Especiais de Preservação do Patrimônio Paisagístico, Histórico, Cultural e Arqueológico).

O site tem como público-alvo a população em geral, mais especificamente profissionais e estudiosos ligados ao urbanismo, à arquitetura, à economia, à sociologia além de agentes públicos. A intenção é ampliar o acesso à informação, promovendo a visualização dos 125 mapas, que podem servir de objeto de pesquisa e estudos para a produção do conhecimento.

Além das categorias Fortaleza 2040 e Legislação, o site oferece informações referentes a diversas áreas. Os demais tópicos são: Socioeconômico e Territoriais. Cada uma apresenta um conjunto cartográfico de informações à população:

– Socioeconômico (Demografia, Educação, Indicadores do Milênio, Projetos Sociais, Territórios de Cidadania e Valores do solo de referência para IPTU);

– Territoriais (Área Edificada, Assentamentos Precários, Equipamentos, Limpeza e Saneamento, Patrimônio Histórico Cultural, Praças e Áreas Verdes, e Saúde).

O Fortaleza em Mapas é administrado pela Diretoria de Sistema de Informação (Disin). Nesta etapa da inclusão dos novos documentos, atuaram diretamente, junto com a diretora Ana Cláudia Teixeira, os colaboradores Flávia Moraes, Augusto Feitosa, Marcelo Santos e Sergio Pires. A Disin atuou em parceria com a Diretoria de Planejamento (Dipla), da qual participaram Antonio Filho, Bruno Casely, Larissa Menescal e Mariana Quezado.

Também foi discutido um novo fluxo de trabalho para a inclusão dos mapas no site. O acréscimo do material, que antes era feito de forma descentralizada, passa a ser realizado pela Dipla, que está participando do processo de análise das informações.

Soluções para segmento de energia são tema de evento para startups

Posted on Updated on

Vem aí a segunda edição do EDP Starter Brasil, programa de aceleração direcionado a startups com soluções para o setor de energia, já está com inscrições abertas para empreendedores de qualquer região do País. Interessados podem se cadastrar até 31 de maio, no site www.edpstarter.com/brasil.

As equipes escolhidas durante o processo de seleção terão acesso a uma estrutura completa para suportar o desenvolvimento do seu negócio, com consultoria especializada em inovação, mentoria de executivos da EDP e de especialistas do mercado, espaço de coworking no Wework, e assessoria em diversas áreas de negócio, customizadas para as necessidades de cada empreendedor. Um dos principais diferenciais do programa é a possibilidade de investimento de até R$ 10 milhões nas startups participantes.

Além de conquistarem uma entrada no mercado de energia, as participantes passam a integrar a comunidade global do EDP Starter. Dentro do ecossistema, terão acesso a diversas oportunidades, como a possibilidade de desenvolvimento de projetos piloto financiados pela EDP, abertura a novos mercados, como a Europa, com mentoria internacional e participação em outras competições, entre elas o Seed Race e o EDP Open Innovation, além de um potencial investimento por meio da EDP Ventures, fundo de capital de risco do Grupo.

“Ao ingressarem no programa, as startups passam a fazer parte de uma comunidade global de apoio ao empreendedorismo. Atualmente, temos cinco empresas brasileiras em nosso portfólio, parte delas provenientes da última edição do EDP Starter, e estamos desenvolvendo projetos piloto com quatro delas, com resultados promissores”, ressalta Lívia Brando, gestora de inovação da Companhia.

Nessa edição, o EDP Starter está em busca de novas ideias em seis temas estratégicos: Soluções com Foco no Cliente, Inovação Digital, Energias Renováveis, Armazenamento de Energia, Redes Inteligentes e Soluções de suporte para áreas que não são core business. Para exemplificar, algumas das principais soluções seriam nas áreas de Mobilidade Elétrica, Baterias, Analytics, Gestão de Energia, Modelos de Predição, Internet das Coisas, Realidade Aumentada, Inteligência Artificial, BlockChain, Meios de Pagamento, entre outras.

A iniciativa foi organizada em conjunto com a Tropos Lab, consultoria de inovação que participará diretamente do processo de seleção e desenvolvimento das startups, com aplicação de metodologia própria, além de disponibilizar seus mentores especializados para auxiliar as equipes ao longo de todo o programa.

No Ceará, a EDP Brasil administra a UTE Pecém I. Em operação desde 2012, a usina gera 370 empregos diretos e 1.053 empregos indiretos. A atividade da usina é responsável pela transformação do Ceará de estado importador para estado exportador da energia elétrica.

Procon de Fortaleza notifica postos por preços abusivos

Posted on

O Departamento Municipal de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon Fortaleza) notifica, a partir de hoje (28/5), 21 postos de combustíveis da capital, por suspeita de preços abusivos, após paralisação de caminhoneiros. Desde a última quinta-feira (24), o Procon vem recebendo denúncias de consumidores, que relataram aumento abusivo nos preços da gasolina e outros combustíveis. A notificação é para saber se os postos estão se aproveitando da greve dos caminhoneiros para elevar preços, diante da demanda de consumidores pelo produto. A prática é abusiva e a multa pode chegar a R$ 11 milhões.

A diretora geral do Procon Fortaleza, Cláudia Santos, orienta que o consumidor exija a nota ou cupom fiscal, com discriminação do valor pago por litro de combustível e a quantidade abastecida, para documentar casos de preços abusivos que vem sendo praticados a pretexto da paralisação dos caminhoneiros. “Vamos notificar todos os postos denunciados. Portanto, pedimos que os consumidores nos ajudem, denunciando a prática abusiva de elevar preços sem justa causa”, alertou a diretora.

Na falta do cupom fiscal, informações como endereço do estabelecimento, bandeira, data do fato ocorrido e ainda fotos também ajudam a investigar o abuso praticado.

Cláudia Santos explica ainda que, caso o Procon identifique a elevação de preços abusivos nos combustíveis, os consumidores que registrarem reclamação poderão ser ressarcidos, em dobro, pelo valor pago a mais, considerado abusivo.

A Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis), em parceria com o Departamento Municipal de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon Fortaleza), deu início, na última sexta-feira (25/5), à fiscalização aos postos de combustíveis da Capital denunciados por práticas abusivas nos preços repassados aos consumidores. A ação foi iniciada pela Regional I e prosseguirá para outras áreas da cidade ao longo da semana.

O relatório de fiscalização da Agefis vai auxiliar o Procon, na investigação aberta para apurar preços abusivos.

Denúncias podem ser realizadas no Portal da Prefeitura de Fortaleza (www.fortaleza.ce.gov.br), no campo defesa do consumidor e, também, pelo aplicativo Procon Fortaleza, no sistema Android: Procon Fortaleza; ou no sistema iOS: http://app.vc/procon.fortaleza; e ainda pela Central de Atendimento ao Consumidor 151

Os artigos 39 e 56, do Código de Defesa do Consumidor (CDC), que é a lei federal nº 8.078/90, caracterizam como prática abusiva a elevação de preços sem justificativa, bem como tratam das penalidades administrativas previstas. “Nenhum fornecedor de produtos ou serviços poderá elevar preços sem justa causa. A infração pode acarretar em multas que variam entre R$ 786,00 a R$ 11 milhões, suspensão das atividades e ainda a interdição do local.

A multa é graduada de acordo com a gravidade da infração, a vantagem auferida e a condição econômica do fornecedor, conforme o artigo 57, do CDC.

Naumi define normas de educação quilombola

Posted on Updated on

O prefeito de Caucaia, Naumi Amorim, a primeira-dama do município, Erika Amorim, e a secretária de Educação, Lindomar Soares, participaram de solenidade comemorativa ao Dia da África, no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE). O encontro foi marcado pela entrega da resolução que define as normas da educação quilombola e a entrega da Certificação de autodefinição do Quilombo Boqueirãozinho.

Na ocasião, foi lançada a coletânea de textos “Ensino, Pesquisa e Extensão na Universidade”, na qual se insere um estudo sobre a questão afrodescendente em Caucaia. “O nosso município é muito rico e diversificado. Devemos atentar cada vez mais para as questões culturais que tanto representam as identidades do nosso povo”, pontua o prefeito Naumi Amorim.

A coordenadora do evento, professora Cláudia Quilombola, é uma das autoras da coletânea lançada, junto com a pesquisadora Andréa Acioly. Na ocasião, as duas comemoraram também o encerramento do curso “ Do Brasil à África”, realizado pela Fundação Palmares e que envolveu cerca de cem professores de história da rede pública de Caucaia. O curso foi ministrado pelos professores Zezito Araújo, Eliane Boamorte do Carmo e coordenado pela antropóloga Conceição Barbosa.

O presidente do Conselho Municipal de Educação de Caucaia, professor Francisco Elson Martins, recebeu a resolução que atende às necessidades específicas da educação dos afro descendentes. “A construção dessa resolução deu-se de forma democrática. Foi construída dentro das comunidades e com a participação de professores, de alunos e de especialistas”, comenta. No encerramento das festividades, os técnicos da Palmares receberam peças de artesanato e brindes das comunidades de Caucaia.

Mossoró (RN) tem plano de segurança para período junino

Posted on Updated on

O Plano de Operações do Mossoró Cidade Junina (MCJ) 2018 foi apresentado pela Secretaria Estadual de Segurança, em Natal (RN). O planejamento detalhou a integração entre as forças de segurança para o MCJ, além do trabalho de videomonitoramento sob o comando da Secretaria de Segurança Pública, Defesa Civil, Mobilidade Urbana e Trânsito.

Conforme o coronel Sócrates Vieira, secretário da pasta, serão 66 câmeras instaladas no Corredor Cultural e pontos estratégicos da cidade. “O trabalho de videomonitoramento contará com 50 câmeras na Avenida Rio Branco e 16 em outras áreas, inclusive nas saídas de Mossoró, estas que serão permanentes”, informa, citando ainda que o monitoramento será realizado pela Guarda Civil Municipal e agentes de trânsito. O Centro Integrado de Segurança Pública Municipal será inaugurado no próximo dia 30, na sede da Guarda, onde funcionou a Secretaria Municipal de Administração.

O Plano de Operações contempla ainda o reforço de 500 agentes de segurança, que estarão distribuídos no Pingo da Mei Dia, Boca da Noite e shows de maior público na Estação das Artes Elizeu Ventania. O efetivo integra Polícia Militar, Distrito de Polícia Rodoviária Estadual, Polícia Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros, segurança privada, além de agentes municipais de Trânsito e Guarda Civil.

Com o maior número de agentes distribuído na área da festa, além da ampliação do quantitativo de câmeras, a expectativa é de um Mossoró Cidade Junina seguro, a exemplo da edição anterior, quando o evento foi considerado pelas autoridades de segurança o mais tranquilo da história.

A Secretaria de Segurança Pública deve anunciar os detalhes do Plano em coletiva de imprensa que será realizada na próxima semana.

BNB apoia negócios na Agrobalsas

Posted on Updated on

Referência para o agronegócio no Brasil, a cidade maranhense de Balsas recebeu importante incentivo para fortalecer-se como um dos polos nacionais da produção de grãos. O Banco do Nordeste contratou mais de R$ 20 milhões em operações de crédito, durante a Agrobalsas, considerada a maior feira de tecnologia agrícola do Maranhão e uma das maiores do Nordeste. A expectativa é que outros R$ 40 milhões sejam negociados até o fim do evento, dia 19.

“Trabalhamos com crédito para indústria, comércio e serviços, mas somos mais fortes aqui no financiamento do setor do agronegócio, atendendo à própria vocação da região”, afirmou o presidente do Banco do Nordeste, Romildo Carneiro Rolim, que participou da cerimônia de assinatura dos contratos, realizada durante o Encontro BNB Agronegócio, dentro da programação da Agrobalsas.

O encontro reuniu produtores rurais, clientes do Banco na cidade e em municípios vizinhos, representantes de órgãos públicos e associações de produtores, prefeitos e autoridades políticas atuantes no sul do Estado, público para o qual Romildo ressaltou os resultados alcançados em 2017. Foram cerca de R$ 16 bilhões com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), dos quais 40% foram destinados ao setor do agronegócio. “Queremos continuar aplicando ainda mais. As demandas aqui para o Maranhão já somam R$ 4 bilhões”, informou o presidente.

Ao todo, foram assinados sete contratos de financiamento durante o Encontro BNB Agronegócio, envolvendo projetos de reforma e ampliação de propriedades, aquisição de máquinas e equipamentos, além de operações de investimento e custeio pecuário, com compra de matrizes e insumos e manutenção de pastos.

Para o superintendente do Banco do Nordeste no Maranhão, Expedito Neiva, as contratações evidenciam a importância da instituição para o agronegócio na região. “Somos responsáveis por 70% das contratações de longo prazo, o que nos reafirma como um dos principais vetores de indução ao desenvolvimento econômico no Estado”, pontua.

Os produtores rurais presentes ao Encontro BNB Agronegócio também puderam conferir o pré-lançamento de dois novos produtos de crédito que estão sendo trabalhados pelo Banco do Nordeste. Um deles é o financiamento de peças de reposição e manutenção de máquinas e veículos com recursos do FNE, com taxas de juros e condições mais vantajosas para o produtor.

Outra ferramenta que o BNB passa a trabalhar é BNB Agro Inovação, que incentiva a incorporação de novas tecnologias e inovações na área rural, a exemplo de projetos envolvendo máquinas autônomas, agricultura de precisão, equipamentos para rastreabilidade e controle de vazão.

“Com isso, mostramos que o Banco do Nordeste segue inovando para atender cada vez mais às necessidades dos produtores rurais da região”, afirmou o superintendente Expedito Neiva. Também representaram a instituição no evento o diretor de Negócios, Antônio Rosendo Neto Júnior, o chefe do Gabinete da Presidência do Banco, José Andrade Costa, e o superintendente de Negócios de Varejo e Agronegócio, Luiz Sérgio Farias Machado.

Em 2018, o Banco do Nordeste superou a marca de R$ 1 bilhão investidos na economia maranhense. Do total aplicado, R$ 468 milhões são oriundos do FNE, principal fonte de recursos da instituição. Além desse montante, o BNB conta ainda, no Estado, com propostas de financiamento no montante de R$ 387,8 milhões em fase de contratação, e outros R$ 566,5 milhões, que estão em etapa inicial de tramitação.

O Banco também trabalha com volume de R$ 1,4 bilhão no âmbito de linha específica para projetos de infraestrutura, dos quais R$ 454 milhões já foram aprovados e estão igualmente em fase de tramitação interna, também com recursos do FNE.

Ceará faz seminário sobre segurança pública

Posted on Updated on

A Assembleia Legislativa do Ceará agendou para 5, 6, 7 e 8 de junho Seminário Internacional sobre Segurança Pública. A conferência de abertura do evento debaterá o pacto federativo e a segurança pública no Brasil, com Ciro Gomes, ex-ministro da Integração Nacional, no dia 5 de junho, às 18 horas.

O evento visa a fornecer indicações de caráter normativo para os Poderes Legislativos, assim como proposições, medidas e ações referentes a execuções de uma política de segurança pública resolutiva e com resultados concretos para os cidadãos. Com a realização do seminário, a Assembleia busca contribuir para a construção de paz e de uma segurança cidadã no Ceará e no Brasil, por meio da efetivação do direito à segurança pública.

Buscando o intercâmbio de experiências nessa complexa área de atuação, o evento contará com a participação de representantes do Poder Púbico e pesquisadores de diversos estados brasileiros, como Ceará, São Paulo, Bahia, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Pernambuco, assim como convidados de Portugal e países da América do Sul, como Colômbia, Venezuela.

Assunto de interesse dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, instituições públicas e privadas e, especialmente, da população, a segurança pública será debatida em mesas, conferências e fóruns durante os quatro dias do seminário, cuja programação poder ser conferida aqui.

Entre as demais conferências do evento, serão discutidos temas como os direitos e políticas sociais da América Latina, com José Augusto Lindgren, do Instituto de Políticas Públicas e Direitos Humanos do Mercosul; a experiência de Medellín, na Colômbia, na política de reversão à violência, com Jorge Melguizo,e o HUB da Segurança Pública no Ceará, com participação prevista do ministro extraordinário da Segurança no Brasil, Raul Jungmann.

Realizado peloConselho de Altos Estudos e Assuntos Estratégicos da AL, o Seminário Internacional conta com apoio técnico-científico de professores da Universidade Federal do Ceará (UFC), da Universidade Estadual do Ceará (Uece) e da Universidade de Fortaleza (Unifor).

A participação no seminário vai ser aberta ao público.