Notícias

Inflação cai em seis capitais no mês de agosto

Posted on

inflaçãoA inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) caiu em seis das sete capitais pesquisadas pela Fundação Getulio Vargas (FGV) em agosto deste ano, na comparação com julho. A maior queda foi registrada em São Paulo: 0,78 ponto percentual, ao recuar de 0,9% em julho para 0,12% em agosto.

As cidades de Salvador e Recife também tiveram quedas mais acentuadas do que a média das sete capitais. Enquanto na média, a inflação caiu 0,31 ponto percentual (ao passar de 0,53% em julho para 0,22% em agosto), em Salvador o recuo foi 0,5 ponto percentual (ao passar de 0,24% para -0,26%) e em Recife, de 0,33 ponto percentual (ao passar de 0,4% para 0,07%).

As outras três capitais com queda no IPC-S entre julho e agosto foram Belo Horizonte (0,22 ponto percentual, ao passar de 0,34% para 0,14%), Brasília (0,18 ponto percentual, ao passar de 0,54% para 0,36%) e Rio de Janeiro (0,09 ponto percentual, ao passar de 0,24% para 0,15%).

A única capital com avanço na taxa de inflação medida pelo IPC-S foi Porto Alegre, que teve alta de 0,23 ponto percentual, ao passar de 0,57% em julho para 0,8% em agosto.
Com coleta semanal, o IPC-S leva em conta a média dos preços obtidos nas quatro semanas anteriores até a data de fechamento.

 

Fonte: Agência Brasil.

BNB é responsável por 71% das contratações do Pronaf no Nordeste em 2015

Posted on

O Banco do Nordeste comemora os 20 anos do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) como principal agente financeiro do programa no Nordeste.

Em 2015, somente até julho, foram contratados, no âmbito do programa, R$ 1,77 bilhão para a região Nordeste. Desse montante, 71% foi realizado pelo Banco, o que representa aproximadamente R$ 1,24 bilhão.

O Pronaf foi criado em 24 de agosto de 1995, com a finalidade de financiar projetos individuais ou coletivos que gerem renda aos agricultores familiares e assentados da reforma agrária. Como agente financeiro do programa, o Banco do Nordeste aplicou, desde então, R$ 18,8 bilhões por meio de 6,2 milhões de contratos.

Os recursos do Pronaf são investidos em máquinas, equipamentos ou infraestrutura de produção e serviços agropecuários ou não agropecuários. Das operações integrantes da carteira ativa do Pronaf junto ao Banco em julho deste ano, 80% dos contratos são aplicados à pecuária e, 15,8% à agricultura. O Semiárido recebeu 70% dessas operações.

Em 20 anos, o Pronaf já aplicou R$ 156 bilhões, por meio de 26,7 milhões de contratos, nas diferentes modalidades, para diferentes tipos de agricultores familiares em todos País.

Dentro do Pronaf, o Banco do Nordeste também trabalha, desde 2005, com o Agroamigo, programa de microcrédito orientado que incentiva o desenvolvimento de atividades produtivas agropecuárias e não agropecuárias no meio rural.

Roberto Cláudio destaca ações de Fortaleza em Encontro Global de Prefeitos

Posted on Updated on

robertoclaudio O prefeito Roberto Cláudio participa, nesta semana, do Primeiro Encontro Global Cidades para a Vida, que acontece em Medellin, na Colômbia, a convite do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF). Durante a participação, o prefeito destacou ações de sua gestão em Fortaleza.

Uma cidade que promova a vida deve se comprometer com pelo menos quatro pilares de qualidade de vida urbana: estimular as economias locais para garantir elemento fundamental de autonomia que é o emprego, em especial, em momentos de recessão; garantir expansão de espaços públicos, áreas verdes e outras formas de desfrutar democraticamente o lazer na cidade; garantir uma politica de mobilidade urbana que priorize o transporte publico para o majoritário universo de trabalhadores da cidade, além de estimular outros modais, como o cicloviario; por fim e mais importante, defender a vida a partir de um conjunto de politicas de educação, juventude, segurança cidadã, combate e prevenção à dependência química que juntos possam prevenir a violência urbana. Em nossa gestão, temos  trabalhado para que nossas ações sejam sistêmicas e objetivas para atender as áreas mais vulneráveis e mais demandantes dos serviços prestados pelo Poder Público”.

O objetivo do evento é a troca de experiências e inovações urbanas que possam garantir o desenvolvimento de políticas públicas, na perspectiva de  consolidar as cidades como espaço de vida. Além disso, os prefeitos participantes do Fórum se encontrarão com dirigentes de organismos multilaterais, como Banco Mundial, BID e CAF, a quem solicitarão a possibilidade de financiamentos diretamente contratados por municípios, o que garantirá mais agilidade no processo de contratação do empréstimo.

O prefeito Roberto Claudio terá, na terça-feira, reunião com a Diretoria Internacional da CAF para tratar, especificamente, de dois novos financiamentos da cidade que deverão ser iniciados em 2016: o Cidades com Futuro e o Provatur.

Como resultado do encontro global, os prefeitos assinam uma carta denominada “Declaração de Medellin 2015”, onde assumem o compromisso de trabalhar conjuntamente no desenvolvimento de metodologia para a inovação em áreas que incluam com maior força a inteligência coletiva para dar resolução aos problemas que as cidades enfrentam  no mundo inteiro.

 

Fonte: Prefeitura de Fortaleza.

Orçamento de 2016 prevê inflação de 5,4% e alta de 0,2% do PIB

Posted on

A inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) deve ficar em 5,4% em 2016. A previsão está no Projeto de Lei do Orçamento Anual (PLOA) entregue hoje dinheiro3(31) pelo Poder Executivo ao presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL). Já o Produto Interno Bruto (PIB – soma dos bens e riquezas produzidos em um país) deve crescer 0,2%. De acordo com a proposta orçamentária, inflação só atingirá 4,5%, que é o centro da meta estabelecida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), a partir de 2017.

Os ministros da Fazenda, Joaquim Levy, e do Planejamento, Nelson Barbosa, apresentam o Projeto de Lei do Orçamento Anual (PLOA), no Palácio do Planalto Wilson Dia/Agência Brasil

“Há uma elevação temporária da inflação este ano, mas, com as ações já tomadas pelo Banco Central, prevê-se convergência para a meta até 2017”, afirmou o ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão, Nelson Barbosa.

Para 2015, a estimativa é inflação de 9,25% e retração de 1,8% do PIB. Com relação à atividade econômica, Barbosa disse que a recuperação deve começar, lenta, em 2016. “A nossa expectativa é que ganhe mais velocidade nos anos seguintes. Parte dessa recuperação está sendo puxada pelo aumento do saldo [da balança] comercial. Mas a demanda interna, o consumo, o investimento doméstico, está contribuindo para uma queda. O saldo comercial não será suficiente para contrabalançar a queda [este ano]”, disse.

O PLOA prevê também que o país encerrará 2016 com déficit primário de R$ 30,5 bilhões, o equivalente a 0,5% do PIB. O salário mínimo para o ano que vem ficará em R$ 865,50. Além da proposta orçamentária para 2016, Nelson Barbosa e o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, entregaram a Renan Calheiros o projeto de lei para o Plano Plurianual 2016-2019, que deve ser apresentado a cada início de um novo mandato presidencial. Pelo plano, o salário mínimo atingirá R$ 910,40 em 2017, R$ 957,80 em 2018 e R$ 1.020,80 em 2019.

Fonte: Agência Brasil.

Ceará: acordo entre Governo e AL garante 50% das emendas para a saúde e recursos hídricos

Posted on

As ações do Governo cearense relativas ao convívio com a seca e ao custeio da Saúde terão um importante reforço a partir da semana que vem. Após encontros realizados entre o estiagemchefe do Executivo, governador Camilo Santana, e o chefe do Legislativo, deputado Zezinho Albuquerque, ficou definido que 50% das emendas destinadas a cada deputado será investida diretamente nessas duas áreas. A outra parte caberá a cada deputado definir a área e local de destino.

O presidente da Assembleia Legislativa destacou a parceria e compreensão dos parlamentares diante do atual quadro de estiagem vivido pelo Ceará, que enfrenta o quarto ano seguido com chuvas abaixo da média e o aumento da demanda na área da saúde. “Os deputados são sensíveis a essa situação, que preocupa a todos nós, e fazem questão de ajudar ainda mais neste momento”, ressaltou Zezinho Albuquerque.

A iniciativa dos dois poderes deve representar um incremento na ordem de R$ 23 milhões de reais nas duas áreas. As emendas começam a ser liberadas semana que vem.

Assembleia discute preço das passagens intermunicipais na RMF

Posted on

Por iniciativa do deputado estadual Moisés Braz (PT), a Comissão de Viação, Transportes e Desenvolvimento Urbano da Assembleia Legislativa realiza nesta quarta-feira, 2 de setembro, às 14h30, na Câmara Municipal de Guaiúba, audiência pública para debater o preço das passagens intermunicipais cobradas na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF)

De acordo com o deputado, em dezembro de 2014 as tarifas das linhas do Serviço Regular Metropolitano de Passageiros, operado por ônibus, tiveram um reajuste médio de 11,6%, em relação às tarifas vigentes.

O reajuste foi então autorizado pelo Conselho de Coordenação Administrativa do Detran/CE e homologado pela Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Estado do Ceará (Arce), responsável pela regulação tarifária deste tipo de serviço.

“Muitas são as reclamações que nos chegam a respeito dos critérios estabelecidos pelo Detran-CE e Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará, quando da cobrança dessas tarifas mediante o uso da tabela por extensão média das linhas”, justifica o parlamentar.

Ele cita como exemplo o valor da passagem de Fortaleza para Guaiúba, que custa R$ 6,65. “Entretanto, esse mesmo valor é cobrado no trajeto de Fortaleza para outros municípios do Maciço, muito mais distantes. Também é de se destacar a exploração dos serviços de transporte por uma única empresa concessionária”, aponta.

Fiec debate setor da mineração no Ceará

Posted on

A Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC) sedia, nesta sexta-feira (4), no auditório Luiz Esteves, de 8h30min às 18h, o IV Encontro de Mineração do Estado do Ceará. O fiecevento é uma realização da Câmara Setorial Mineral, do Sindicato das Indústrias de Mármores e Granitos do Estado do Ceará (Simagran), do Sindbebidas, do Sindbrita, do Sindcerâmica e do Sindminerais.

De acordo com o presidente do Simagran, Carlos Rubens de Alencar, o ponto alto do evento será a apresentação da Agenda do Setor Mineral, na qual os empresários e profissionais da mineração apresentam os principais eixos, estratégias e indicadores desta atividade que congrega cerca de 1000 empresas e gera aproximadamente 50.000 empregos diretos, além de contribuir anualmente com aproximadamente R$ 100 milhões na arrecadação direta do ICMS do Estado e ainda cerca de R$ 5 milhões no tocante a CFEM (Contribuição Financeira sobre a Extração Mineral). Entre os temas a serem discutidos, estarão também a política mineral no Brasil, Projeto Itataia, petróleo e gás no Ceará, minerais industriais no Ceará e conhecimento geológico e a tecnologia mineral.

Sobre o setor da mineração no Ceará

Alguns dos segmentos da mineração vêm tendo importante crescimento, como, por exemplo, o setor das rochas ornamentais (granitos e mármores). Francamente exportador, esse setor apresentou, neste primeiro semestre, crescimento de 51% das exportações do Ceará, em comparação ao mesmo período do ano passado.

Atualmente o Ceará é a principal fronteira dos granitos superexóticos, quartzitos e limestones do Brasil, e isto vem atraindo a atenção da empresas do país e dos países consumidores. Prova disso foi a Fortaleza Brazil Stone Fair, que aconteceu em maior deste ano, no Centro de Eventos, com grande repercussão na cadeia produtiva. O evento passará a fazer parte do calendário mundial do setor de mármores e granitos e terá sua segunda edição, no próximo ano, de 31 de maio a 03 de junho.

O Ceará tem hoje a segunda maior capacidade de beneficiamento de granitos e mármores instalada, destacando-se como o terceiro maior exportador do país, devendo atingir até 2020 aproximadamente US$ 150 milhões de dólares em exportações anuais, o que irá conferir a este segmento uma participação bastante importante na economia do Estado.

Roberto Cláudio participa de reunião de prefeitos na Colômbia

Posted on

O prefeito Roberto Cláudio viaja nesta segunda-feira (31), a convite do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) para a cidade de Medellin (Colômbia) onde participa de reunião de cúpula de prefeitos, no seminário “Cities For Life” – Cidades para a Vida.

O seminário vai debater sobre o papel das cidades no mundo globalizado, além da troca de conhecimentos e experiências de inovação urbana e da criação de um ecossistema aberto e cooperativo para construir Cidades para a Vida, mais promotoras da paz. O seminário também é uma oportunidade para fazer uma declaração política sobre o papel das cidades, dando recomendações para enfrentar os desafios que são comuns às cidades em todo o mundo.

Os participantes irão discutir como trabalhar em colaboração com instituições internacionais, como o Banco Mundial, CAF – Banco de Desenvolvimento da América Latina e do BID – Banco Interamericano de Desenvolvimento, afim de encontrar acordos para melhorar a cidade e sua gestão.

Acompanhado dos secretários Eudoro Santana, presidente do IPLANFOR – Instituto de Planejamento de Fortaleza, e Águeda Muniz, da Secretaria de Urbanismo e Meio Ambiente, o prefeito Roberto Cláudio falará sobre a experiência de Fortaleza na assistência à primeira infância. A capital cearense elaborou e executa um projeto piloto financiado pelo BID que, até o próximo ano, irá atender cerca de 5.000 crianças de zero a três anos, em bairros de alta vulnerabilidade social.

Ele também deverá assinar um compromisso de acordo comum com outras cidades da América Latina para ações de governo, além de participar da criação de um fundo público de investimentos para os projetos relativos ao meio ambiente e mudanças climáticas na América Latina. Também vai tratar junto a dirigentes mundiais da CAF do andamento de dois financiamentos para a cidade de Fortaleza: o Provatur e o Cidades com Futuro.

O prefeito Roberto Cláudio retorna a Fortaleza na próxima quinta-feira (04.09), quando deve entregar obra de drenagem e pavimentação no Bairro Serviluz e assina a ordem de serviço para construção de um Centro de Educação Infantil no bairro. A creche faz parte de um pacote de 47 CEIs que a Prefeitura de Fortaleza vai construir ainda a partir deste segundo semestre de 2015. Roberto Cláudio anuncia: “até dezembro de 2016, estaremos triplicando o número de matrículas de creches em Fortaleza, se comparado ao que tínhamos em 2012”.

Projeto Juventude Empreendedora capacita 900 jovens no Ceará

Posted on

Prefeitos e representantes de 18 municípios do interior cearenses assinam, juntamente com o Secretário do Trabalho e Desenvolvimento Social, Josbertini Clementino, às 9 horas, desta juventudesexta-feira, 28 de agosto, os termos de adesão do projeto Juventude Empreendedora (Juvemp), para capacitação profissional de 900 jovens. O projeta objetiva favorecer o desenvolvimento dos valores de responsabilidade social e da cultura empreendedora na formação pessoal, social e comunitária dos jovens, visando sua integração na comunidade e no mercado de trabalho.

Desde 2006, o Juvemp já contemplou 68 municípios e capacitou 3.400 jovens no Ceara. O projeto tem como público-alvo jovens de 17 a 29 anos, estudantes do 2º e 3º ano do ensino médio e com família cadastrada no CadÚnico. As inscrições para o projeto poderão ser feitas a partir do dia 1º de setembro nas Secretarias de Ação Social dos 18 municípios contemplados, exceto em Baturité, onde o jovem deve procurar a Associação Comunitária Mondego, para realizar a inscrição no programa.

O Juvemp é mais um projeto de capacitação desenvolvido pela STDS para profissionalização da juventude cearense, a exemplos do Primeiro Passo, Criando Oportunidades, Garantindo Acessibilidade, Cits, Evisa, dentre outros. Os municípios contemplados são Acopiara, Antonina do Norte, Aracati, Aratuba, Barbalha, Barro, Baturité, Beberibe, Crato, Fortim, Horizonte, Itaiçaba, Itapiúna, Limoeiro do Norte, Brejo Santo, Morada Nova, Tabuleiro do Norte e Várzea Alegre.

Juvemp
O projeto Juventude Empreendedora, executado pelo Instituto de Desenvolvimento do Trabalho (IDT), representa aos jovens uma oportunidade de qualificação profissional, além de proporcioná-los a vivências práticas de intervenção social na sua comunidade e encaminhamento para o mercado de trabalho. O processo de formação social e profissional dos educandos fundamenta-se na aprendizagem teórico-vivencial e totaliza 320 horas/aula.

Capacitação de 900 jovens através do projeto Juventude Empreendedora
Data: 28 de agosto, sexta-feira
Hora: 9 horas
Loca: Auditório da STDS (Rua Soriano Albuquerque, 230 – Joaquim Távora)

População brasileira supera os 204 milhões

Posted on

A população brasileira superou a marca dos 204 milhões de habitantes neste ano. Segundo estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgadas nesta sexta-feira (28) no Diário Oficial da União, o país tinha, em 1° de julho, 204.450.649 habitantes. No ano passado, a população estimada era 202.768.562.

O IBGE também divulgou as populações das 27 unidades da Federação e dos municípios brasileiros. O estado mais populoso do país, São Paulo, tem 44,4 milhões de pessoas. Mais cinco estados têm populações que superam os 10 milhões de habitantes: Minas Gerais (20,87 milhões), Rio de Janeiro (16,55 milhões), Bahia (15,2 milhões), Rio Grande do Sul (11,25 milhões) e Paraná (11,16 milhões).

Três estados têm populações menores do que 1 milhão: Roraima (505,7 mil), Amapá (766,7 mil) e Acre (803,5 mil).

As demais unidades da Federação têm as seguintes populações: Pernambuco (9,34 milhões), Ceará (8,9 milhões), Pará (8,17 milhões), Maranhão (6,9 milhões), Santa Catarina (6,82 milhões), Goiás (6,61 milhões), Paraíba (3,97 milhões), Amazonas (3,94 milhões), Espírito Santo (3,93 milhões), Rio Grande do Norte (3,44 milhões), Alagoas (3,34 milhões), Mato Grosso (3,26 milhões), Piauí (3,2 milhões), Distrito Federal (2,91 milhões), Mato Grosso do Sul (2,65 milhões), Sergipe (2,24 milhões), Rondônia (1,77 milhão) e Tocantins (1,51 milhão).

 

Fonte: Agência Brasil.