Gestores de cidades com mais de 80 mil habitantes registram em apoio formal à proposta do Simplifica Já

Prefeitos de cidades com mais de 80 mil habitantes se reuniram virtualmente, na 78ª Reunião Geral da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), para se posicionar sobre a reforma tributária. Na oportunidade, foi registrado o apoio dos 400 maiores municípios do Brasil à proposta do Simplifica Já. Jonas Donizetti, presidente da FNP, e Vitor Puppi, presidente da Associação Brasileira das Secretarias de Finanças das Capitais (Abrasf), vão defender a proposta hoje (17.09), às 14h, em audiência pública na comissão mista da reforma tributária.

O apoio aos debates que se propõem a modernizar, atualizar, simplificar e aprimorar o sistema tributário brasileiro é unânime. Apesar do momento que ainda exige cuidados, devido à pandemia da COVID-19 e um período eleitoral atípico, os prefeitos concordam que a busca pelo momento ideal não pode inviabilizar os avanços necessários.

Na reunião de hoje, os governantes locais apoiados pela Abrasf, o Fórum Nacional de Secretários de Fazenda e Finanças, e pela equipe técnica da FNP e consultores, analisaram cuidadosamente as propostas disponíveis: PECs 45 e 110/2019, o PL 3887/2020, do Governo Federal, e o Simplifica Já (Emenda 144 à PEC110).

Após os debates e avaliação de cenários e projeções, os prefeitos registraram apoio ao modelo do Simplifica Já (www.simplificaja.org.br – Emenda 144, de autoria do senador Major Olímpio, à PEC 110).

Os principais motivos são a preservação da autonomia municipal, a simplificação imediata do sistema tributário nacional e a garantia da manutenção dos serviços públicos nas cidades. Os prefeitos também ressaltam a importância de avançar no diálogo com os governadores, Governo Federal e o parlamento para a construção de critérios de partilha vertical mais justa do bolo tributário, com previsão constitucional de participação crescente dos municípios.

Veja carta na íntegra AQUI.

Deixe uma resposta