Vencedores do Prêmio Gandhi, entre 133 inscritos, serão divulgados no próximo dia 16

O resultado do Prêmio Gandhi 2020 será divulgado dia 16 dezembro, quando a organização do evento tornará públicos os nomes dos vencedores, entre um total de 133 inscritos. O número de inscrições desta edição surpreendeu a comissão, devido ao período atípico de pandemia.

Os detalhes da premiação (se será virtual ou presencial) serão divulgados posteriormente, de acordo com orientações sanitárias válidas para a data.

Os vencedores receberão valores, um troféu por categoria e certificado de participação. Este ano, a premiação totaliza R$ 30 mil. Os vencedores das categorias profissionais receberão R$ 4 mil cada e os vencedores das categorias para estudante receberão R$ 2 mil cada. São seis categorias para profissionais, e três para estudantes.

Nas categorias para estudante, a edição deste ano recebeu 13 de inscrições de Trabalho de Conclusão de Curso da Unifor, UFC e UNI7; além de sete de Mídia Eletrônica, sendo três da Unifor e quatro da UFC.

Nas categorias profissionais: Fotojornalismo recebeu 21, sendo 13 do Jornal Diário do Nordeste, quatro do Jornal O Povo; três do Jornal O Otimista e um do Jornal O Estado; Telejornalismo soma 13 inscrições, sendo cinco da TV Ceará, uma da TV Verdes Mares, três da TV Assembleia e quatro da TV Jangadeiro; Jornalismo Impresso atraiu 15 inscritos, com 12 do Jornal Diário do Nordeste, uma do Jornal O Povo e duas do Jornal do Comércio do Ceará.

Radiojornalismo teve 13 inscrições sendo cinco da Rádio Verdes Mares, duas da Rádio Fortaleza FM, três da Rádio FM Assembleia, duas da Rádio Jovem Pan e uma da Rádio Dom Bosco FM.

A nova categoria deste ano, Comunicação Interna, recebeu 11 inscritos, sendo uma da MRS Estudos Ambientais, uma da Lene Digital, uma da Secretaria de Educação do Governo do Estado (Seduc), uma do Hospital Universitário Walter Cantídio, três da Assembleia Legislativa, duas da M. Dias Branco, uma da Hélice Comunicação e uma do Ministério Público.

A categoria Produtor de Conteúdo cresce a cada ano, comprovando o reconhecimento do prêmio país afora. Foram 40 inscrições este ano, incluindo Fortaleza, Brasília, São Paulo, Campinas, Salvador, Florianópolis, Maceió e João Pessoa.

Deixe uma resposta