A Coluna do Roberto Maciel (sábado, 09.01): Uma medida e seus significados

Policiais penais: novo momento na gestão penitenciária
O governador Camilo Santana (PT) anunciou que o Estado do Ceará vai convocar os últimos 52 aprovados em concurso que havia sido realizado para preenchimento de postos de policiais penais. A incursão do petista nas redes sociais poderia ser considerada até uma medida costumeira. Mas não é. Há, no chamamento, aspectos importantes: 1) o cumprimento de compromisso da campanha eleitoral, ainda em 2018, de fortalecimento das políticas penitenciárias; 2) o cumprimento de acordo com parlamentares e representantes do trabalhadores da complementação do contingente até 2021; 3) a resposta efetiva a apreensões de representações de entidades de direitos humanos; 4) a advertência dura a adversários de que não vai ceder terreno no campo da segurança.

Após fuga de 17 presos, direção do IPPOO 2, em Itaitinga, é exonerada pela  Secretaria de Administração Penitenciária do Ceará – BLOG do Rogerio Gomes

Antecipando
Camilo Santana poderia, sim, estar apenas jogando o jogo – ou se mantendo diante do tabuleiro e seguindo burocraticamente os protocolos. Mas optou por estratégia distinta. Ele está se antecipando e buscando anular, desde já, a falação de opositores que se especializaram em distribuir informações falsas ou aterrorizantes. A verdade é sempre a melhor tática.

Traidor traído

O ex-deputado Adail Carneiro (foto abaixo) tem histórias curiosas. No turbilhão que tragou a gestão de Dilma Rousseff (PT), ele se comprometeu em votar contra o impeachment da então presidenta e, como era de se esperar, traiu o compromisso. No fim do ano passado, foi enjaulado pela Polícia Federal numa operação midiática que encontrou R$ 2 milhões no escritório dele.

Vida de gado
Pois Adail foi abandonado olimpicamente por aqueles que se serviram do papel feio que fez contra Dilma. A turma do Bolsonaro, representada no Ceará por gente como os deputados estaduais Francisco Cavalcante, o vulgo “Delegado”, e Noélio Oliveira, o vulgo “Soldado”, querem distância de qualquer relação com o ex-parlamentar. Agora, que Adail foi parar no inferno político, os antigos amigos dão as costas a ele.

Ex-deputado Adail Carneiro, flagrado com R$ 2 milhões em espécie, é  denunciado à Justiça por lavagem de dinheiro | Ceará - Últimas Notícias do  Ceará | O POVO Online

Cuidados
O secretário de Cultura de Fortaleza optou por manter prudência e segurança nas estratégias de funcionamento dos equipamentos do setor. Elpídio Nogueira diz que a ordem é adaptar os procedimentos para enfrentar com resultados positivos os desafios da pandemia do novo coronavírus. Espaços como bibliotecas, teatros e ambientes de formação – como a Vila das Artes e o Centro Belchior – têm operado sem aglomerações. Medidas já haviam sido implementadas na gestão de Gilvan Paiva, no governo de Roberto Cláudio. Elpídio tem, agora, o desafio de preservá-las.

Cabeça infestada
Trecho de artigo do jornalista Gilvandro Filho, no portal Brasil 247: “Quem duvidava do espírito beligerante e golpista que infesta a cabeça do tenente reformado que no momento ocupa a presidência da República agora não tem mais motivo para fazê-lo. O próprio presidente deixou claras, e de uma vez por todas, as suas intenções quanto à democracia brasileira e em relação à sua própria ojeriza a regimes democráticos”.

A pauta anacrônica do presidente
Continua Gilvandro: “Ao defender o absurdo anacronismo que é a volta do voto de papel no lugar da urna eletrônica, que (queiram ou não) põe o Brasil na vanguarda dos processos eleitorais, a figura que governa (?) o País sentenciou: ‘Em 2022, se não tiver voto impresso, a coisa será pior do que lá (nos Estados Unidos)’. Cantou a pedra do golpe, nas barbas do Congresso Nacional e do Judiciário, sem falar nas Forças Armadas. E agora?”

A saída é cortar o mal pela raiz
Ele vai mais adiante: “Que não se olvide que os apoiadores da insanidade presidencial já tentaram invadir o Supremo Tribunal Federal, jogando fogos de artifício sobre o prédio do órgão, exigindo prisão para os ministros e estupros contra mulheres e filhas dos membros da Corte. O próximo ato pode ser menos folclórico e mais violento. Como nos EUA, muitos nazistas brasileiros já tiraram do armário suas camisetas de Auschwitz. A saída é cortar o mal pela raiz. O impeachment é a arma da qual a democracia brasileira dispõe”.

Bolsonaro volta a criticar governadores e alerta para risco de  desabastecimento - Politica - Estado de Minas

Leia o artigo na íntegra neste link: https://www.brasil247.com/blog/a-senha-do-golpe-bolsonarista-foi-dada-o-impeachment-e-o-antidoto

Em lives
Todas as terças e quintas-feiras, eu e a jornalista Eveline Frota fazemos lives no Instagram, com a marca “Coluna da Hora”, a partir das 18 horas. Os encontros com internautas duram uma hora. Pode-se acessar e participar da Coluna da Hora no Instagram pelos perfis @evefrota ou @robertoamaciel. Também mantemos na plataforma YouTube o canal Coluna da Hora. Lá, há uma série de entrevistas com personalidades interessantes da vida local. A mais recente traz vereadora Larissa Gaspar (PT).

Deixe sua opinião
Você pode fazer contato com o Portal InvestNE. Nosso e-mail é portalinvestne@gmail.com e o número de WhatsApp é +55 85 99855 9789.

Deixe uma resposta