A Coluna do Roberto Maciel (sábado, 13.02): O PT ajusta a sintonia para a disputa eleitoral; e isso pode ser só o começo

A fala de Lula antecipa os ânimos de 2022

Resultado de imagem para lula 41 anos pt


“O povo brasileiro está precisando do PT mais do que em qualquer outro momento histórico. Precisamos ir pra rua conversar com o povo, que precisa se levantar, brigar. Essa política de terra arrasada vai transformar o Brasil numa república de bananas”. A frase é do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a propósito dos 41 anos de vivência do Partido dos Trabalhadores, o qual ajudou a fundar e do qual é presidente de honra. O PT atravessa agora mais um marco na história, diante da necessidade de se fortalecer e da oportunidade de, com aval do Supremo Tribunal Federal (STF), ter acesso a provas de que foi alvo, assim como Lula, de uma conspiração que manejou a Justiça a favor de um grupo político que reunia um juiz federal de primeira instância e procuradores da República – a chamada “Operação Lava Jato”.

“Genocida que não pensa no Brasil”
Mais de Lula, agora sobre o presidente Jair Bolsonaro: “Não é possível ver um país com tudo que conquistamos chegar ao processo de degradação que estamos vivendo por causa de um genocida que não pensa no Brasil. Só pensa nele, na família dele. O que ele vai fazer a gente não sabe, mas nós temos de saber o que fazer: vamos à luta. Ou esse povo reage, ou vai ser vítima de coisas muito piores”.

Resultado de imagem para bolsonaro careta

O que vem por aí
A fala do ex-presidente, que aparenta estar revigorado após ter passado dois anos preso por ordem de Sérgio Moro, o que o tirou as condições legais de ter sido candidato a presidente da República em 2018 e conduziu Bolsonaro ao Planalto, levando junto o juiz-acusador, tem, evidentemente, tons políticos. Nem poderia deixar de ser diferente. No entender de Lula e de outros oposicionistas, a pior decisão que se pode tomar hoje é a da passividade. O fato é que, se se mantiver esse discurso, os ânimos para 2022 já são perceptíveis: intensos e acirrados. E note que a disputa política poderá ser cansativa e até dolorosa, mas quem ganha com a democracia é sempre o cidadão.

Sem confetes nem serpentinas
O Tribunal de Contas do Ceará terá expediente normal no período de carnaval. E segue, assim, o enredo contido em decreto do governador Camilo Santana (PT). Ou seja, que gestor nenhum ache que dá pra fazer folia.

Coluna da Hora
Às terças e quintas-feiras, promovemos lives no Instagram com a marca “Coluna da Hora”, a partir das 18 horas. Os encontros duram uma hora e o internauta pode acessar e participar pelos perfis @robertoamaciel e @evefrota. Também mantemos no YouTube o canal Coluna da Hora, com entrevistas com personalidades pra lá de interessantes. A mais recente traz o músico Big Chico, blueseiro brasileiro que superou a covid-19.

É melhor Jair se preparando

Resultado de imagem para assembleia legislativa do ceará


A Assembleia Legislativa do Ceará aprovou projeto de decreto legislativo estendendo a vigência do estado de calamidade pública no Ceará até 30 de junho de 2021. Há quem avalie que, no Brasil, calamidade mesmo é a que se estenderá até dezembro de 2022.

Avanço
E o Governo do Ceará encaminhou para tramitação na Assembleia Legislativa proposta que altera, para mais, os ganhos salariais dos delegados de política civil. O cargo passará a pagar até R$ 26,67 mil.

“A vida é um caminhar”
Da presidenta do Tribunal de Justiça do Ceará, desembargadora Nailde Pinheiro: “Estamos vivendo um momento difícil, mas não podemos nos acomodar. Temos que começar com muito entusiasmo”. A magistrada se reuniu com outros integrantes do Judiciário para destacar os propósito que tem na gestão que assume até 2023.

Deixe seus comentários e sua opinião
Leitoras e leitores podem fazer contato com o Portal InvestNE. Nosso e-mail é portalinvestne@gmail.com e o número de WhatsApp é +55 85 99855 9789.

Deixe uma resposta