A Coluna do Roberto Maciel (terça-feira, 02.03): Preserve sua saúde e reforce a luta pela vida e pela dignidade

Tentar se manter saudável é uma boa ação do cidadão contra o nacional-bolsonarismo

Não se justifica": Bolsonaro critica 'pressa' por vacina contra a covid-19  - YouTube

O presidente Jair Bolsonaro é um negacionista e, como todo negacionista, sustenta a ignorância perniciosa que ostenta sobre sólida mesquinhez. Ele não nega isso e, de forma até orgulhosa, expõe abertamente esse caráter. Dessa maneira, contesta máscaras de proteção e vacinas com a mesma ênfase; receita remédios que não resolvem nada contra a covid-19; espalha notícias falsas contra a saúde; se omite de tomar providências para solucionar demandas nos estados; atribui aos governadores e prefeitos obrigações que são dele; diz que a Justiça o impede de agir. E mantém como ministro da Saúde um general “profissional de logística” que “confunde” Amapá com Amazonas. Assim, vai tocando um barco irracional num oceano de insanidades.

Pacto com o vírus
Isso explica a razão de atuar de forma tão incisiva e brutal a favor da pandemia do coronavírus, que caminha aceleradamente para 260 mil mortos no Brasil. Mas há outro elemento esclarecedor sobre a aliança que o ex-capitão parece ter firmado com a covid-19: a política tacanha, atarracada, bizarra e trágica que comete e os interesses que embute. Na avaliação do presidente eleito por 57,8 milhões de eleitores, quanto mais esticar a crise sanitária no País, melhor para ele. Com o caos, pode, afinal, oferecer auxílio emergencial, ainda que mínimo e insuficiente, aos prejudicados. Pode gozar de medidas restritivas que inibem manifestações populares. E estabelecer uma estratégia de distribuir minguadas e mal administradas verbas para prefeituras. Tudo isso em ano eleitoral. Nesse ângulo, é cabível deduzir que pessoas saudáveis, organizadas socialmente e financeiramente estabilizadas não interessam a esse modo de exercer o poder.

Bolsonaro diz que vacina contra covid-19 "não será obrigatória, e ponto  final" - YouTube

Eficiência em teste
As artimanhas operadas por Bolsonaro são, em tese, mais eficientes do que o golpe de estado que ele vez por outra ameaça dar e com o qual sonha. Pelo voto, ainda que seja o voto famélico, se manteria no comando do País com alguma segurança. Poderia levar a termo os negócios que planeja, assessorado pelo desacreditado Paulo Guedes e acobertado pelo Centrão no Congresso Nacional – como vender a Petrobras, a Caixa Econômica, a Eletrobras e o Banco do Brasil. Em vez de zunir o relho contra os opositores, os encurralaria mediante a manipulação da vontade popular. Diferentemente do que muitos acham, Jair Bolsonaro pode não ter muito estudo nem afeição ao saber, mas se movimenta como poucos nas sombras da cobiça.

Deu no que deu

Ustra não é melhor que Goebbels. - ImprenÇa


Necessária recapitulação: em 2018, o jornal O Estado de S.Paulo publicou editorial intitulado “Uma escolha muito difícil” (acima). Aliado ao que há de mais atrasado no pensamento nacional, o Estadão estava confrontando o inoperante então deputado Jair Bolsonaro com o candidato do PT, professor Fernando Haddad. Buscava, assim, favorecer o postulante do PSL, como tem favorecido ao longo de mais de um século a serviço das oligarquias. O que urdiu em 1964 (abaixo) deixa muito clara essa patologia moral.

Os donos dos jornais: nós que amávamos tanto a "revolução" - Socialista  Morena

Millôr Fernandes

A imprensa brasileira sempre foi... Millôr Fernandes

Luto
Do presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, deputado Evandro Leitão (PDT): “Perdemos 18 servidores desde março de 2020. Somente neste ano, foram seis. Expresso aqui minha tristeza e solidariedade aos familiares desses nossos colaboradores, lembrando que só teremos condições de reduzir essa contaminação obedecendo ao distanciamento social”. Marcou-se na semana passada um ano do primeio caso de covid-19 diagnosticado no Brasil.

Frente a frente
Montado na Assembleia do Ceará, o Grupo de Trabalho “Gestão de Resíduos Sólidos” tem reunião virtual agendada para amanhã (quarta-feira, 3 de março). Trata-se de mobilização do Pacto pelo Saneamento Básico, organizado pelo Conselho de Altos Estudos e Assuntos Estratégicos do Legislativo estadual. “Drenagem de Águas Pluviais Urbanas” será o tema do encontro de quinta-feira (04.03).

O que vem por aí
Quando as análises e debates forem concluídos, será produzido um documento – que já tem até nome pré-definido, “Cenário Atual do Saneamento Básico no Ceará”. O relatório será enviado a gestores, parlamentares e técnicos de áreas afins. A ideia é o compartilhamento de informações ampla sobre o saneamento no Estado. Seria o primeiro passo para a aplicação de estratégias que superem desafios.

O posto e o ato
Postagem do governador do Ceará, Camilo Santana (PT), sobre o comportamento do presidente Jair Bolsonaro:

Ameaça adicional
O vereador Jorge Pinheiro (PSDB) é militante, por assim dizer, da ala pentecostal da Igreja Católica em Fortaleza. Agarra-se, por isso, a pautas misóginas. A ação mais recente dele é um projeto com o qual quer determinar para o poder público de Fortaleza a “obrigatoriedade do esclarecimento (destaque nosso) das gestantes sobre os riscos e as consequências do procedimento abortivo nos casos permitidos por lei”. Jorge quer usar a lei contra a lei.

Cruel
Provavelmente ninguém ensinou a Jorge Pinheiro que mulher nenhuma aborta por lazer ou por divertimento. Abortar é trágico – e deve ser considerado, nos casos compreendidos pela legislação, como solução necessária até para problemas de saúde. Mas o vereador tucano, na “piedosa” conduta que adota, deseja que mulheres levadas a enfrentar momentos difíceis sejam submetidas a constrangimentos extras.

Ao vivo
Sempre às terças-feiras, realizamos lives no Instagram com a marca “Coluna da Hora”, começando às 18h. São encontros de uma hora e o internauta pode acessar e participar pelo perfil @robertoamaciel. Também mantemos no YouTube o canal Coluna da Hora, com entrevistados bem interessantes.

Fale com a gente
Você tem canais permanentes com o Portal InvestNE. Nosso e-mail é portalinvestne@gmail.com e o número de WhatsApp é +55 85 99855 9789.

Deixe uma resposta