Plantão #coronavirus: Governo do Ceará lança canal de WhatsApp para atender população

Posted on Updated on

O Governo do Ceará lançou nesta quinta-feira (09) mais um canal, agora via Whatsapp, para atender os cidadãos e cidadãs durante a pandemia do novo coronavírus. A população pode, pelo celular, fazer a autoavaliação do seu estado de saúde e receber orientações de uma equipe médica de plantão.

O número do Whatsapp do Plantão Coronavírus é o (85) 9 84390647. Funciona como qualquer conversa de Whatsapp, basta mandar um “oi” para receber orientações e ser atendido por uma equipe de saúde do Governo.

O projeto é da Secretaria da Saúde (Sesa) acelerado pelo Íris – Laboratório de Inovação e Dados do Governo do Ceará. O Plantão Coronavírus já oferecia atendimento 24 horas por meio do Telesaúde 0800 275 1475. Desde o último domingo (5), passou a ofertar atendimento virtual para orientar os cidadãos e as cidadãs cearenses sobre a COVID-19.

Constantemente, durante as transmissões nas redes sociais, o governador Camilo Santana ressalta a importância dessas ferramentas. “É mais um canal de comunicação para a população. Tudo isso para que os cidadãos possam receber orientação sobre qual o momento correto para procurar uma unidade de saúde”.

Atendimento via site

O Plantão Coronavírus ajuda a detectar casos suspeitos, oferece orientação especializada com profissionais de saúde e informa sobre medidas de enfrentamento da pandemia. Também está disponível nos sites do Governo do Ceará (www.ceara.gov.br), da Secretaria da Saúde (saude.ce.gov.br), na página coronavirus.ceara.gov.br e no Facebook Messenger da Sesa.

Utiliza a tecnologia de chatbot, em que o usuário mantém um bate-papo com um sistema de inteligência artificial. Primeiro, é feita uma triagem a partir dos sintomas informados pelo(a) usuário(a), que, em seguida, poderá ser encaminhado(a) para o atendimento humano, na mesma plataforma.

Telesaúde

Pelo Telesaúde 0800 275 1475, quem tem dúvidas sobre a doença recebe orientação de equipe especializada. Os atendimentos a distância ajudam a garantir que a assistência hospitalar – já ampliada e com contínuas medidas de reforço – esteja pronta para cuidar de quem mais precisa.

Deixe uma resposta