Cinco dicas para evitar carrinhos abandonados no seu site

Posted on Updated on

Em uma loja física a situação comum seria o cliente dizer “estou só olhando!”. Esse fenômeno também acontece em lojas virtuais. Por ali, o movimento é conhecido como abandono de carrinho. Cerca de 83% das compras iniciadas são abandonadas em e-commerces no Brasil, segundo pesquisa do E-Commerce Radar. Veja dicas da Loja Integrada (www.lojaintegrada.com.br), plataforma para a criação de lojas virtuais, para evitar que isso aconteça.

1- Valor de frete

Muitos consumidores desistem de efetuar suas compras em lojas virtuais pelo alto valor de frete que ocorre em determinadas regiões. É notável que quando há alguma promoção de frete grátis, ou o frete não é cobrado por conta da região, as plataformas dão um grande destaque para essa informação.

É muito importante pensar que não adianta reduzir o preço do produto e compensar o valor final somando o frete. Isso dá ao cliente a sensação de que ele foi enganado. Uma boa opção é procurar diferentes opções de frete, por exemplo, cobrar a mais por urgência de entrega, porém oferecer alternativas mais demoradas a um preço menor.

2- Opções de pagamento

Outro motivo de desistência de compra é a plataforma oferecer poucas opções de pagamento para o cliente. Muitas vezes, o consumidor não é usuário do serviço de cartão de crédito e, por isso, não consegue finalizar seu pedido.

Adicionando novas formas de pagamento ao e-commerce, pode-se fidelizar clientes e até angariar novos públicos às suas vendas. Boletos, parcelamentos, depósitos e transferências são boas técnicas para solucionar esse problema.

3- Problemas na navegação do site

Quando o site apresenta problemas, o cliente se desestimula a realizar a compra. Se a plataforma tem links que não funcionam, informações desconexas e problemas na realização do cadastro, a probabilidade de desistência da compra é grande. Portanto, é importante assegurar que tudo no site funcione bem, para que a venda possa ser realizada com sucesso.

4- Falta de suporte

Ainda há muita desconfiança em torno das compras online, mesmo que a porcentagem de vendas realizadas tenha aumentado recentemente. Houve um crescimento de 12% em 2019 comparado ao ano anterior, segundo pesquisa do site Compre&Confie. Um serviço de suporte ao consumidor se torna, então, indispensável para o sucesso do e-commerce.

Ferramentas que podem ajudar nesse processo são: telefone e e-mail. Respostas instantâneas que guiem o cliente em tempo real para efetuar a compra são de extrema utilidade e importância. Porém, se isso não for executável, o atendimento tem que ser feito no menor espaço de tempo possível.

5 – Sites com navegação ruim para mobile

Segundo pesquisa do E-bit – site que mede reputação de lojas virtuais-, 32% das compras online são feitas por smartphones. Por isso, tem sido cada vez mais necessário que a plataforma se adeque aos padrões tanto para o computador, quanto smartphone.

Existe uma demanda recorrente de clientes comprando em horários diversos e lugares convenientes para eles, o chamado Convenience Gap. Por conta disso, os lojistas precisam se preocupar com o desenvolvimento de vários canais de vendas, para que o cliente consiga acessar o catálogo de produtos e ser direcionado facilmente para a página de pagamento. Essa tendência é chamada de omnichannel, ou seja, a presença da sua empresa em várias plataformas.

Deixe uma resposta