Parceria entre Mesa Brasil Sesc e BRF viabiliza doação de mais de 255 mil quilos de alimentos na pandemia

O Mesa Brasil Sesc distribui, em média, 40 mil toneladas de produtos alimentícios a cada ano a mais de 6 mil entidades assistenciais cadastradas, ajudando a complementar a refeição de milhares de brasileiros. Em meio à pandemia, com a diversificação dos parceiros, as doações cresceram 21% no primeiro semestre desse ano em relação ao mesmo período do ano passado.

Ana Cristina Barros, gerente de Assistência do Departamento Nacional do Sesc, explica que o aumento da insegurança alimentar, reflexo da atual crise econômica, tornou a ação do Mesa Brasil e dos parceiros ainda mais estratégica. “Ampliar a rede de doadores para atender a um número maior de famílias é de extrema importância em momentos como esse da pandemia no novo Coronavírus.”

O Mesa Brasil Sesc e a BRF já são parceiros há quatro anos, por meio de uma campanha natalina que leva a muitas famílias a ave que é sinônimo da ceia de Natal: o Chester. O Mesa Brasil é responsável pela logística de entrega e seleção das entidades, atendendo aos estados do Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo e ao Distrito Federal. Em 2019, cerca de 3 mil instituições sociais cadastradas no programa foram contempladas, em 380 municípios brasileiros. A ação atinge as camadas da população brasileira vulneráveis social e nutricionalmente.

A BRF foi uma das primeiras empresas a anunciar doações, no início da pandemia, em abril, no valor de R$ 50 milhões para levar alimentos, insumos médicos e apoio a fundos de pesquisa e desenvolvimento social, contribuindo com os esforços de combate aos efeitos da pandemia. “Essa iniciativa alcança hospitais, organizações de assistência social e profissionais de saúde nos estados e municípios em que a empresa tem operação. Como uma Companhia que já tem uma forte presença nos lares brasileiros, é nosso dever espalhar essa mensagem de esperança e positividade para as famílias em situação de vulnerabilidade, principalmente nesse momento de pandemia”, afirma Grazielle Parenti, diretora do Instituto BRF.

Deixe uma resposta