Resultados das eleições municipais no Ceará vão alterar a composição da @Assembleia_CE

Resultados das eleições municipais modificam composição da AL

Nas eleições realizadas no último domingo (15/11), três deputados estaduais foram eleitos prefeitos nos municípios em que atuam. Dois parlamentares seguem na disputa pelo segundo turno – a ser realizado no dia 29 de novembro – em Fortaleza e Caucaia. 

Os resultados modificarão a composição da Assembleia Legislativa do Ceará, uma vez que haverá a efetivação de suplentes nos mandatos parlamentares. Os deputados estaduais Bruno Gonçalves (PL), Nezinho Farias (PDT) e Patrícia Aguiar (PSD) foram eleitos prefeitos, respectivamente, dos municípios de Aquiraz, Horizonte e Tauá. Em substituição ao deputado Bruno Gonçalves, eleito prefeito de Aquiraz, será efetivado o suplente Gordim Araújo pela bancada do Patri eleita em 2018. Devido à eleição de Nezinho Farias para a prefeitura de Horizonte, será efetivado o primeiro suplente da coligação PP/PDT/PR/DEM/PRP, Lucílvio Girão (PP). 

Eleita prefeita de Tauá, a deputada Patrícia Aguiar tem como suplente Davi de Raimundão (MDB), que será efetivado quando a parlamentar deixar o mandato na AL. Ambos integraram a coligação MDB/PHS/Avante/SD/PSC/PODE/PRB em 2018. 

O presidente da AL, deputado José Sarto (PDT), disputa o segundo turno na eleição para a prefeitura de Fortaleza, tendo como adversário o deputado federal Wagner Sousa (Pros-CE). Caso Sarto seja eleito, será efetivado como deputado estadual o segundo suplente da coligação PP/PDT/PR/DEM/PRP, Manoel Duca (PDT). Já o deputado Vitor Valim (Pros) concorre à Prefeitura de Caucaia no segundo turno, enfrentando o prefeito Naumi Amorim (PSD), candidato à reeleição. Caso Valim seja eleito, será efetivado no mandato o primeiro suplente Tony Brito (Pros). 

Após licença para tratar de interesses particulares, retornaram ao exercício do mandato parlamentar, nesta segunda-feira (16/11), os deputados Júlio César Filho (Cidadania), Vitor Valim (Pros) e Patrícia Aguiar (PSD).  Com isso, voltam à suplência os deputados Tadeu Oliveira (PSB) e Tony Brito, que assumiram as cadeiras dos deputados Júlio César Filho (Cidadania) e Vitor Valim (Pros), respectivamente. A Mesa Diretora também retoma a composição original com o retorno da deputada Patrícia Aguiar à 3ª Secretaria da Mesa Diretora e do deputado Leonardo Pinheiro (PP) à 4ª Secretaria.

Deixe uma resposta