Desafio de Inovação no Saneamento – Open Spot Abes para apoiar startups está com inscrições abertas

Estão abertas até 15 de janeiro de 2021 as inscrições para o processo seletivo do Open Spot Abes – Desafio de Inovação no Saneamento. Promovida pela Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (Abes), em parceria com a Infra Cast e Infra Women Brazil, a iniciativa tem como objetivo apoiar e acelerar o desenvolvimento do setor de saneamento nos âmbitos técnico-científico, político-institucional e de gestão.

O Open Spot Abes busca soluções inovadoras para viabilizar a universalização dos serviços de coleta, distribuição, e tratamento de água e esgoto no Brasil. O webinar de lançamento aconteceu nesta segunda, 30 de novembro, por meio do programa Abes Conecta e transmitido pelo canal da associação no YouTube (disponível neste link: https://youtu.be/NcbUye4rI0Q).

A chamada objetiva mobilizar empresas, investidores e principalmente empreendedores na conversão das oportunidades que o segmento apresenta. 

Os projetos podem ser inscritos pelo e-mail: inovacao@abes-dn.org.br

Ao submeter sua ideia por e este e-mail, o participante deverá informar o nome completo e telefones de contato, além de enviar projeto anexado. 

O regulamento pode ser acessado neste link: https://bit.ly/2Vm4WCx

“Esse novo marco regulatório nos pede um reposicionamento no setor, com tecnologia e inovação, para que a gente possa alcançar as metas de universalização dos serviços de saneamento até 2033”, disse Samanta Tavares de Souza, coordenadora do Open Spot Abes e da Câmara Temática da ABES de Prestação de Serviços e Relacionamento com Clientes, no lançamento.

O evento

No dia 28 de janeiro de 2021 (quinta-feira), os empreendedores apresentarão suas soluções para uma banca composta por representantes das empresas operadoras, investidores e outros agentes envolvidos no setor.

Os candidatos selecionados serão comunicados por meio do site da Abes e individualmente por meio do e-mail cadastrado no momento da inscrição. A premiação será de R$ 20 mil por vencedor e um possível teste em concessionárias e eventual financiamento pelos investidores que estarão participando do projeto.

Como pré-requisito para concorrer no processo, a empresa deve ser constituída legalmente no Brasil em conformidade plena com todas as exigências legais e possuir pelo menos um produto ou serviço aplicável a no mínimo um dos cinco desafios: experiência total, eficiência energética, eficiência operacional, soluções isoladas e gestão de resíduos. 

A seleção dos candidatos será realizada por um Comitê Julgador, composto por pessoas convidadas da Associação, por meio das etapas:

1ª fase: Triagem dos candidatos

2ª fase: Entrevistas à distância

3ª fase: Seleção pelo Comitê 

Deixe uma resposta