Leilão de veículos tem BMW X1 com lance inicial a partir de R$ 24 mil

A Sato Leilões realiza hoje (10.12), às 10h, o último leilão de veículos recuperados de financiamento pelo Banco Santander em 2020. Em sua décima primeira edição, o evento contará com carros populares e de luxo, motos e utilitários, com possibilidade de desconto na taxa administrativa.

Entre os destaques, estão o lote 50, que oferece um modelo BMW X1 SDRIVE1.8I VL31 2011/2012, com lance inicial a partir de R$ 24 mil, e o i30, com a Hyundai Santa Fe V6 EW 2013/2014, com lances a partir de R$ 33 mil.

Para quem procura por motos, é possível adquirir no lote 06 uma Honda XRE 300 2016/2016, com lance inicial de R$6.500. Na categoria de utilitários, estão disponíveis os modelos Mercedes Benz 311CDISTREETF 2014/2015 e Fiat Ducato Maxicargo 2014/2014, com lances a partir de R$ 37 mil e R$ 26 mil, respectivamente.

“Temos neste leilão excelentes oportunidades de negócio para os consumidores que querem terminar o ano com um novo veículo. Além disso, para quem busca empreender, estamos com lotes de utilitários ideais para o transporte de pessoas e mercadorias”, explica Antonio Hissao Sato Junior, leiloeiro público oficial e CEO da Sato Leilões.

Sucesso em todas as edições de 2020, o Car Delivery estará disponível novamente. Com ele, o consumidor pode receber os bens arrematados em qualquer lugar do país, sem a necessidade de se deslocar até o pátio da leiloeira, localizado em Ribeirão Pires/SP.

O leilão de veículos recuperados de financiamento pelo Banco Santander será transmitido pela internet, no site e canal do YouTube da Sato Leilões. O edital do evento também já está disponível e traz informações, fotos e vídeos de cada lote.

Na última edição do ano, os consumidores que arrematarem um veículo e realizarem o pagamento até às 17h, no dia do evento, ganharão desconto especial de R$ 100 na taxa administrativa.

“Durante todo o ano de 2020 buscamos inovar, trazendo benefícios exclusivos como o Car Delivery e outros descontos pontuais. Neste último evento, não poderia ser diferente e, decidimos incluir um bom desconto na taxa administrativa, que torna o investimento ainda mais atrativo”, conclui Sato. 

Deixe uma resposta