Fortaleza entra hoje em lockdown; medida é fundamental para evitar mais mortes e conter avanço da #covid19

Uma semana após o presidente Jair Bolsonaro ter desembarcado em Tianguá, no Interior do Ceará, causando aglomeração, e de reunir pessoas sem máscaras – além de ele mesmo não ter usado a proteção -, a capital do Estado inicia hoje período de 14 dias em isolamento social rígido. O chamado “lockdown” foi anunciado quarta-feira passada pelo governador Camilo Santana (PT) e pelo prefeito de Fortaleza, José Sarto (PDT).

A retomada da restrição alcança a partir desta sexta-feira o comércio e serviços não-essenciais, tendo sido informada antecipadamente a representantes de entidades de classe. O secretário da Saúde do Estado, Carlos Alberto Martins Rodrigues Sobrinho, “dr. Cabeto”, acompanhou o anúncio feito há dois dias pelo governador e pelo prefeito.

O lockdown é uma medida extrema para conter o avanço da pandemia da covid-19. O Ceará enfrentam graves problemas de lotação de leitos de UTI e estima-se para os próximos dias um agravamento no índice de ocorrência da doença.

Camilo Santana também está recomendando aos prefeitos de municípios que sofrem agravamento dos casos que adotem medida similar.

Deixe uma resposta