Estudo fará levantamento de custos, evoluções tecnológicas e níveis de serviço da TI no Brasil

A TGT Consult, empresa brasileira de consultoria de negócios e de tecnologia, em conjunto com a Information Services Group (ISG), empresa líder global em pesquisa de tecnologia, anunciou, nesta semana, o início de um estudo inédito de custos de infraestrutura de tecnologia da informação no Brasil.

O levantamento terá como objetivo compreender como as empresas vêm tratando temas relacionados à infraestrutura, bem como as tendências de custos, evoluções tecnológicas e níveis de serviço. A previsão é que ele seja concluído ainda no primeiro semestre de 2021.

O novo estudo fará uma análise detalhada deste setor e trará uma visão atualizada de empresas de diversos setores quanto ao tema infraestrutura. O intuito é oferecer informações para a melhoria na tomada de decisão e em melhores ofertas destes serviços. As empresas que quiserem participar podem se colocar em posição de comparação com as outras companhias do mesmo segmento e identificar oportunidades de evolução em seu ambiente de infraestrutura.

Segundo Omar Tabach, sócio-diretor da TGT Consult, uma análise desta magnitude pode servir de direcionamento para o mercado. O setor é muito carente de dados quantitativos para decisões mais estratégicas: “Identificamos no Brasil essa deficiência em relação a dados financeiros de infraestrutura de TI, por isso estamos mobilizando uma equipe de analistas experts no setor para fazer esse levantamento de âmbito nacional. Essa é a primeira vez que uma pesquisa neste porte, deste segmento, será realizada”, explica.

José Antonio Furtado, sênior advisor da TGT, responsável pela pesquisa no Brasil, aponta a importância desse estudo para o ecossistema como um todo: “Ao longo dos mais de 30 anos na carreira como CIO sempre desejei ter dados específicos da TI voltados para a indústria brasileira”.

As empresas que estiverem dentro do nicho do estudo e tiverem interesse em fazer parte da pesquisa, podem entrar em contato com a TGT Consult pelo e-mail: infraestruturabr@tgt.com.br.

Deixe uma resposta