Alimentos e bebidas registram crescimento de mais de 40% em fusões e aquisições

Posted on Updated on

Durante o primeiro semestre deste ano, o setor de Alimentos, bebidas e fumo contabilizou 30 operações. O registro corresponde a um crescimento de quase 43% em comparação com as 21 transações realizadas no mesmo período do ano passado.
Os dados constam na pesquisa de fusões e aquisições, que avalia 43 setores do mercado, realizada e divulgada trimestralmente pela KPMG.

Considerando o bom resultado apresentado nesses primeiros seis meses, o setor aparece em terceiro lugar no ranking, mantendo-se entre os segmentos de maior interesse aos investidores.

Como de costume, esse segmento apresenta ótimos resultados e se mantém sob o olhar de investidores nacionais e estrangeiros. Interessante destacar o relevante crescimento das transações relativas à internacionalização de empresas brasileiras do tipo CB2. Trata-se de um segmento que mesmo em momentos de crise, tender a ser menos afetado porque refere-se a bens indispensáveis.

A recuperação da economia de alguns países desenvolvidos também foi um atrativo que impulsionou o setor para crescer suas operações em outras localidades. Espera-se que o número de transações se mantenha alto no segundo semestre de 2015”, observa o sócio-líder da área de Fusões e Aquisições da KPMG no Brasil, Luís Motta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.