Exportação têxtil do Ceará registra aumento

Posted on Updated on

O mês de março preservou o ritmo crescente das exportações do setor de têxtil cearense. A informação é do Centro Internacional de Negócios, da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec).

No trimestre inicial do ano, o setor registrou aumento de 15,2% nas vendas externas em relação ao mesmo período de 2017, com o valor atingido sendo de US$ 8,7 milhões. Apesar disso, o saldo comercial se mantém negativo, mas em situação mais saudável (US$ 18,9 milhões), haja vista que o aumento do valor exportado foi acompanhado de uma redução das importações em 41,8%, chegando em 2018 à cifra de US$ 27,7 milhões.

Os produtos de algodão, apesar de, nos últimos anos, terem perdido participação na pauta exportadora cearense, ainda mostram sua significância no setor. Os derivados de algodão são os principais vendidos externamente do segmento, com destaque para “tecidos de algodão, denominados Denim, com fios tintos em indigo blue”, que lidera a lista, e exibiu crescimento de 29,5%, chegando à marca de US$ 4,4 milhões.

Países da América Latina, como Equador, Paraguai, Colômbia e Argentina, são os principais destinos do tecido cearense, com destaque para o último país, que lidera a lista com US$ 5,1 milhões, valor que representa 58% do total exportado. Já a China se coloca como principal fornecedor do Estado com US$ 14,3 milhões, o que representa mais da metade das importações cearenses.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.