Vendas de máquinas industriais de costura devem crescer até 20% em 2020

Posted on Updated on

Resultado de imagem para costura industrial

As vendas de máquinas industriais devem crescer até 20% em 2020 em comparação a 2019, quando o aumento chegou a 12% em comparação a 2018. O percentual é referente às máquinas industriais para confecção, incluindo costura, passadoria, bordado, corte e enfesto. A expectativa é de uma das maiores empresas distribuidoras desses equipamentos pelo país, a Andrade Máquinas, que ainda é referência em máquinas domésticas.

Para se ter uma ideia, nos últimos quatro anos, a Andrade, sediada em Guarulhos (SP) e com filiais no Sudeste, Nordeste e Centro-oeste, registrou crescimento acumulado de 143% nas vendas em 2019.

A diretora de Marketing da distribuidora, Conceição Rüíz, explica que a projeção tem como base dois fatores: a manutenção da alta do dólar e o consequente aumento da produção interna, que também deve beneficiar o setor de empregos no país.

“Fica mais vantajoso produzir aqui no Brasil do que importar o produto acabado devido ao valor do dólar. Sendo assim, há aumento na oferta de vagas de emprego para diversos setores e cargos voltados direta e indiretamente à produção confeccionista. Com a taxa de desemprego caindo, a economia volta a girar e o crescimento é mais do que natural”.

Ainda segundo a gestora, uma máquina de costura tipo reta industrial pode ser adquirida pelo consumidor final a partir de R$ 1,7 mil em média. “São diversos os preços das máquinas industriais, porque tudo vai depender da necessidade produtiva da confecção”.

No Brasil, apesar de ter boa penetração em todos os estados, as vendas de máquinas industriais distribuídas pela Andrade ganham destaque em São Paulo e na região Nordeste. Pelo país, mais de 600 revendas oferecem produtos distribuídos pela empresa.

De acordo com dados da Associação Brasileira de Máquinas e Equipamentos para Confecção (Abramaco), em 2019, todo o país recebeu 254,2 mil máquinas industriais, avaliadas em US$ 56,4 milhões. Destas, cerca de 98% foram provenientes da China, assim como acontece com a Sansei, marca própria da Andrade Máquinas e que também é produzida no gigante oriental.  

Deixe uma resposta