A velocidade do desenvolvimento das técnicas e ferramentas de trabalho

Vivemos em uma época que o conhecimento e desenvolvimento em todas as áreas cresce em ritmo exponencial. Passamos do analógico ao digital em menos de uma geração. Muitos negócios, profissões e mesmo atividades corriqueiras ganharam novos contornos e formas. Com as mudanças, várias oportunidades se abrem e se faz necessário a constante atualização do conhecimento de forma geral. Estar atualizado com as tendências de produtos e serviços hoje é um desafio. Todo este contesto afeta o desempenho profissional de todos, seja nos conceitos, técnicas, ferramentas, meios de comunicação e compartilhamento do conhecimento.

Com o rápido desenvolvimento de novos conceitos, técnicas e ferramentas que suportam o desenvolvimento dos negócios, hoje é uma necessidade constante se manter atualizado, e frequentemente ir buscar este conhecimento em cursos específicos, preparados com este objetivo. Existe uma gama de cursos disponíveis aos já graduados, e estes vão sendo criados, no mesmo ritmo em que novas especializações e até profissões vão sendo criadas. Num mercado que movimenta uma vultuosa quantia de recursos, as empresas estão cada vez mais conscientes da necessidade em se ter um time de profissionais bem treinados.

Quando se pregunta a um recém-formado ou até aos que já passaram um pouco desta fase onde se veem daqui a cinco anos, o assunto converge para quais características, conhecimentos e diferenciais são importantes para se desenvolver e que ajudarão a alavancar a carreira profissional. Na sua maioria, eles têm anseios, objetivos, ambições e sonhos de como serão os passos para se ter uma trajetória assertiva na evolução da carreira. Um ponto primordial é como se desenvolver para alcançar o nível de maturidade desejado, seja nos quesitos técnicos, comportamentais e contextuais que a carreira exige para a especialização e crescimento profissional. Alguns pontos merecem serem reforçados – um tipo de “checklist”, que se deve ter em mente sempre que se tem que avaliar as melhorias que são necessárias em nosso desenvolvimento:

Especialização é um pré-requisito

Para alcançar um nível de excelência, qualquer profissional tem que buscar especialização em sua área de atuação. Ela possibilita a visão em diversos ângulos e contextos. É essencial dominarmos conceitualmente os temas que ambicionamos nos especializar, as ferramentas e processos que nos ajudarão a conduzir e medir nossas ações, e as possíveis consequências e desdobramentos destas ações, sabendo conduzir um time para o objetivo e corrigindo os desvios que eventualmente possam surgir. A experiencia, ou seja, tempo na função, a complexidade da organização onde se exerce a atividade, a vivência de situações inusitadas, contratempos e realizações também contam muito para a formação e amadurecimento profissional e pessoal em um plano de carreira que foi bem conduzido. São os ditos casos de sucesso!

Esteja preparado para competir

Tenha consciência de que existe um funil natural dentro de um contexto competitivo e como consequência, as melhores oportunidades estarão mais acessíveis aos que estiverem melhor preparados. Foco em fazer com excelência, dedicação e assertividade podem deixar de ser palavras de incentivo para se tornarem um mantra. Melhor se forem um hábito cotidiano. Transforme estas qualidades em ações corriqueiras.

Qualidade é um diferencial

Ela exige esforço e dedicação. Vivemos em um país em que a educação de qualidade é um privilégio, custa caro e exige mais que frequentar as aulas e receber um certificado. Os bons cursos costumam vir acompanhados de uma extensa bibliografia, que nos abre o horizonte do assunto tratado, discutindo ou esclarecendo visões, detalhes e ângulos de argumentação dos assuntos tratados.

Aprender com a experiencia dos outros

Tão importante quanto a pós-graduação ou a própria graduação, é a proficiência em uma língua estrangeira para leitura – reforço aqui que considero proficiência de leitura como fundamental. Escrita e conversação são condições necessárias para interação – capacidade de comunicação. Falo em uma língua estrangeira de forma genérica, pois hoje já se é possível ter acesso a livros e conteúdos relevantes para a nossa formação em outros idiomas que não o inglês.

Vivemos em um país que não tem tradição em estar na vanguarda das tendências técnicas, organizacionais e de mercado, e precisamos ter a proficiência para nos anteciparmos e/ou formarmos opinião do que está sendo discutido ou apresentado como tendência nos mercados mais desenvolvidos, seus casos de sucesso e fracasso, peculiaridades culturais, regionais e comportamentais. Diferenciais, tendências, obsolescência e dificuldade de acesso à tecnologia podem nos guiar e mostrar para onde o mercado caminha num horizonte próximo. E a internet nos permite acessar estes conteúdos na mesma velocidade em que se disponibiliza ao nativo do país onde a matéria foi publicada. A geografia deixa de ser um limitante.

A especialização, seja uma pós graduação ou MBA, visa transmitir conhecimento e capacitar o participante a alcançar níveis de maturidade estratégica aos tópicos tratados no curso de graduação, contextualizado em um ambiente macro, ensinando a desenvolver táticas e estratégias para se alcançar um objetivo. Cuidado com as armadilhas que o mercado nos coloca. Um curso de especialização será muito mais proveitoso quando tivermos alguma vivência e experiencia na atividade que pretendemos aprofundar os nossos conhecimentos. No que tange a escolha da instituição de ensino, o resultado em um curso que aceita a maioria de alunos inexperientes tende a ficar no campo conceitual, tornando pobre a troca de experiencias e ideias entre os participantes e consequentemente pequeno o amadurecimento profissional.

Deixe uma resposta