Canoa Blues faz edição com grandes nomes da música

O Festival Canoa Blues chega a 2020 no modo virtual e traz, de 18 a 20 de dezembro, alguns dos mais expressivos artistas do gênero no Ceará, interagindo com o público por meio de canal próprio na plataforma de vídeos YouTube. Evento referencial da música local, com interação nacionais e internacionais, o Canoa Blues divide a agenda entre programações artísticas e de arte educação. Na edição deste ano, haverá curso de desenhos de areia colorida ministrado por Gleidson Canoa, artista e educador da comunidade, iniciando em 10.12 (quinta-feira). Crianças e adolescentes de Canoa Quebrada são o público da oficina.

A parte musical ficará a cargo do gaitista André Reis e violonista e guitarrista Marcelo Justa, acompanhados pelo baixista Ian do Amaral, que se apresentarão dia 18.12, sexta-feira; da cantora Fernanda Fialho e do guitarrista Roberto Lessa, com participação do baixista Vitor Fontenele (19.12, sábado); e da cantora Marília Lima e do tecladista Leonardo Vasconcelos, no domingo, 20.12.

“Teremos repertórios extremamente diversificados, com destaques autorais e sempre com foco nas influências mais autênticas do Blues. Tanto dos artistas de raiz, como Son House e Leadbelly, quanto de nomes que eletrificaram o gênero, como B.B. King, Muddy Waters, Little Walter e Howling Wolf”, diz Roberto Maciel, produtor e curador do Festival. “Este ano, além da qualidade dos músicos que se apresentam, teremos ênfase especial em mensagens sobre prevenção contra a covid-19. É um atitude de responsabilidade social e solidariedade que a arte e a cultura assumem com o público”.

A edição 2020 do Festival Canoa Blues tem patrocínio do Banco do Nordeste/Governo Federal e Sebrae, com apoio do Portal InvestNordeste (www.portalinvestne.com), Armazém 2 Rodas, Conselho Comunitário de Canoa Quebrada e Cantina Pet. A realização é da Associação dos Empreendedores de Canoa Quebrada e da ForBlues Produções.

Deixe uma resposta