Empresários do transporte lançam livro que descreve iniciativas positivas em meio a pandemia

Principal meio de abastecimento da indústria e comércio, o transporte rodoviário de cargas é responsável por movimentar 65% de tudo aquilo que é produzido no país. Porém, assim como a grande maioria dos setores da economia, o transporte rodoviário de cargas também sofreu forte queda. A crise que, de acordo com o Sebrae, foi responsável por alterar o funcionamento de 5,3 milhões de empresas no Brasil, fez com que as empresas do setor de transportes desenvolvessem alternativas para manterem os seus serviços, considerados essenciais durante a pandemia, funcionando.

Analisando este contexto e atentos em disseminar as boas práticas realizadas pelas empresas do transporte de cargas, dez empresários do setor se reuniram em um projeto inédito para o desenvolvimento do livro “O Transporte de cargas brasileiro em tempos de pandemia”, que traz reflexões, desafios e oportunidades apresentadas ao segmento de transporte de cargas durante a pandemia trazida pelo novo coronavírus.

Escrito por Ana Jarrouge, presidente executiva do Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas de São Paulo, André de Simone, membro do conselho administrativo da Transita Transportes, Antonio Ruyz, CEO da TransRuyz, Felipe Medeiros, COO da GVM Solutions Brasil, Guilherme Juliani, CEO da Flash Courier, Joyce Bessa, Head de Gestão Estratégica, Finanças e Pessoas da TransJordano, Lucas Scapini, diretor comercial do Grupo Scapini, Marcos Teixeira, diretor da Costa Teixeira Logistics, Priscila Zanette, diretora da Ouro Negro Transportes e Rafaela Cozar, Head de Gestão e Inovação da Roda Brasil Logística, a obra é dividida em dez artigos, escritos por cada um dos coautores.

O evento de lançamento do livro aconteceu na última terça-feira, 8, no MIS – Museu da Imagem e do Som, em São Paulo e contou com diversas atividades e discussões relacionadas ao setor de transportes.

O presidente da Associação Nacional do Transporte de Cargas e Logística – NTC&Logística, Francisco Pelucio marcou presença na abertura inicial do evento e não poupou elogios a iniciativa dos empresários. “Vocês estão de parabéns pelo projeto e o livro, há 13 anos lançamos a COMJOVEM Nacional na NTC, e fico muito feliz de ver que muitos de vocês participantes estão ajudando o TRC a evoluir. Hoje mesmo dando uma entrevista pela manhã, lembrei que o transporte de cargas não parou nesta crise e nunca vai parar”.

Durante o evento, foram disponibilizadas luvas para o manuseio de canetas e microfones, totens de álcool em gel, aferição da temperatura na entrada, distanciamento de 1,5 metros, máscaras em todo o percurso e demarcações nas cadeiras, seguindo todos os protocolos recomendados pela Organização Mundial da Saúde e órgãos competentes.

O livro “O Transporte de cargas brasileiro em tempos de pandemia” é uma ação do IT – 10 Influenciadores do Transporte, conta com a iniciativa do Grupo Mostra de Ideias, apoio do EME, Grupo Apisul, MDS, Mercedes-Benz, Volkswagen Caminhões e Ônibus, foi publicado pela editora Pragmatha e contará com eventos de lançamento em várias regiões do Brasil a partir de 2021.

Deixe uma resposta