Camilo Santana se recusa a participar de evento com Bolsonaro e ministro no Interior do Ceará

Do portal de notícias G1:

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), afirmou que não vai encontrar com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que visita o estado nesta sexta-feira (26), por causa do risco de aglomeração em meio à crise sanitária com aumento de casos de Covid-19 no estado.

“Tenho todo respeito à autoridade, mas não posso compactuar com aquilo que considero um grave equívoco”, disse o governador.

Pela terceira vez nesta semana, Bolsonaro deixa o Palácio do Planalto para fazer visitas a estados. Na última quarta-feira (24), o presidente esteve no Acre; na quinta (25), em Foz do Iguaçu (PR); e nesta sexta chega no fim da manhã ao Ceará para cerimônia de assinatura de três de ordens de serviço de obras federais.

(…)

O Ceará teve aumento de 109% na média móvel de mortes provocadas pela Covid-19 em 14 dias. Em um ano de pandemia, o estado soma mais de 11 mil mortes e 420.369 infectados pela doença — números da atualização desta quinta (25) do consórcio de veículos de imprensa.

Leia mais neste link.

Deixe uma resposta