Pandemia da #covid19 impulsiona abertura de negócios digitais

Com as demissões em massa provocadas pela crise do novo coronavírus, que somente em 2020 atingiram 13,4 milhões de pessoas, muitos brasileiros estão optando por empreender. No ano passado, foram abertas 3.359.750 empresas, uma alta de 6% em relação a 2019, de acordo com dados do Ministério da Economia. Uma das saídas para quem perdeu o emprego ou simplesmente deseja aumentar a renda é investir na área de tecnologia. 

 Os negócios digitais em sistema home office têm sido a escolha de muitos desses novos empresários, já que a pandemia de Covid-19 acelerou a transformação tecnológica e aumentou a busca por esse tipo de serviço. Segundo pesquisa realizada pela KPMG, empresa de consultoria empresarial, para 40% dos executivos brasileiros, e 50% dos globais, a melhora na digitalização das operações que levariam alguns anos para se realizar, foi acelerada em meses. 

A Interfy International – empresa norte-americana especializada no desenvolvimento de software para transformação digital das empresas, presente em mais de 50 países – disponibiliza uma série de produtos de tecnologia para quem deseja empreender no home office. A companhia global comercializa softwares para gestão de conteúdo e processos nas organizações, digitalização e guarda digital de documentos, entre outros produtos, e têm observado uma alta na busca por parcerias de negócios digitais, sobretudo, durante os meses de isolamento social. 

“Atualmente, é indispensável que as empresas produzam e gerem arquivos digitais para tornar suas operações mais ágeis, especialmente, após o início da pandemia da Covid-19, onde ocorreu uma das maiores mudanças na forma de operacionalizar os negócios ao redor do mundo. Muitas pessoas tiveram que deixar os escritórios e trabalhar em home office, e na maioria dos casos, mudar a rotina bruscamente trouxe uma série de transtornos e deixou explícita a necessidade das empresas operarem cada vez mais em ambientes digitais”, destaca Lecivania Martins, Vice Presidente da Interfy.

A empresa conta com parceiros de negócios em mais de 50 países, empreendedores que comercializam os softwares da Interfy. “Eles têm acesso a uma URL exclusiva, para divulgação e comercialização da nossa plataforma, e entre as diversas vantagens desse sistema está a disponibilidade de uso imediata, assim que a contratação pelo cliente final é efetivada”, explica Laudemir Valente, CEO da companhia. Não há nenhum tipo de taxa mensal referente à parceria e a margem de ganho pode chegar a até 100%, a depender da categoria escolhida. 

A empresa conta com sede nos Estados Unidos e um escritório no Brasil, disponível para oferecer todo o suporte necessário para parceiros e clientes. Empreendedores interessados em comercializar os softwares da empresa devem se cadastrar no site da https://interfy.io/become-a-partner ou entrar em contato pelo WhatApp: (321) 888-7963.

Confira a lista de produtos comercializados pela empresa:

  • Software de Digitalização de Documentos com Validade Legal e Descarte dos  Documentos – SLV.
  • Software para Gestão de Conteúdo e Guarda Digital dos Documentos – ECM
  • Software para Gestão e Automatização dos Processos de Negócios – BPM
  • Software para Assinatura Eletrônica de Contratos com Validade Legal – DSS
  • Software para Assinatura Eletrônica de Documentos ou Contratos com Certificado ICP-Brasil – DSS
  • Software para Secretaria Acadêmica Digital para as Faculdades e Universidades – DAS
  • Serviço de Digitalização de Documentos com Validade Legal – SLV
  • Serviço de criação de Estrutura Documental – para uma boa gestão no ECM
  • Serviço de Mapeamento e Configuração de Processos no BPM
  • Treinamentos de usuários e administradores que vão usar a tecnologia.

Deixe uma resposta