Flexibilidade e adaptação: competências de sobrevivência no mundo atual

Artigo de Cristiane Romano, mestra e doutora em Ciências e Expressividade pela USP e pós-graduada em Gestão e Estratégia de Marketing pela PUC-Minas 

Na atualidade, quando a mudança é a única certeza com a qual podemos contar, descobrir o que pode garantir a continuidade da nossa vida e do nosso “ganha pão” é entender que competências podem nos ajudar nessa missão. Sem flexibilidade e capacidade de adaptação, sua carreira corre sério risco de descarrilar. Desenvolver a competência para se moldar às novas condições de trabalho impostas pela pandemia é o que as empresas e o mercado em geral esperam dos profissionais.

Seja você empregado, empreendedor ou consultor, essa realidade frenética de construção e reconstrução é igualmente desafiadora. Ser flexível e adaptável é aceitar a realidade sem criar resistência ou barreiras. Se a mudança é inevitável, é melhor se inspirar no movimento da água ao encontrar barreiras – ela naturalmente se molda às condições que se apresentam. Abaixo, algumas estratégias para desenvolver a flexibilidade e capacidade de adaptação que o momento atual exige: 

Aceitar a mudança Manter a mente aberta para aceitar a realidade como ela se apresenta e reagir positivamente são os primeiros passos. 

Desapegar do passado O que passou só deve servir como referência, caso tenha algo de aplicável à nova situação e deve ser esquecido, caso venha à mente como um sentimento saudosista. 

Atuar como facilitador Trabalhe a favor da mudança; contribua para que o processo seja rápido, transparente e saudável. 

Aproveitar a oportunidade de aprendizado Toda mudança traz um potencial de desenvolvimento. Saiba aprender a tirar vantagem para o seu crescimento. 

Buscar apoio Caso se sinta perdido, busque ajuda para que possa se readaptar e contribuir com o processo. Um consultor da área pode ser providencial nessas circunstâncias. 

Buscar informações Mantenha seu “radar” funcionando. Busque informações e atualizações. Quanto mais conhecimento tiver, maior sua capacidade para agir em prol das necessidades do momento 

Desenvolver o perfil de formador de opinião Assuma o protagonismo em momentos de crise e mudança. Sendo proativo, você causará impacto positivo nas pessoas que estão ao seu redor. 

Acreditar que vai dar certo A atitude positiva vai ajudá-lo a encarar a instabilidade com otimismo. Uma vez que não temos garantia de que o futuro será similar ao passado e ao presente, ser adaptável, aprender com rapidez e ter flexibilidade são as competências que podem enquadrar um profissional na categoria de talento com potencial em que a empresa deva investir.

Deixe uma resposta