Instituto Tim apresenta startups de universitários em feira para investidores-anjo

Uma cadeira inteligente que corrige a má postura em meio à adoção frequente do home office, um app que identifica o uso excessivo de redes sociais e um sistema de bioimpressão de tecidos para utilização em testes clínicos. Esses são alguns dos projetos que participarão da Feira de Investimentos do Academic Working Capital (AWC), realizada neste sábado (10.7). O evento – pela primeira vez transmitido online – concluiu a sexta edição do programa de empreendedorismo universitário do Instituto TIim.

Nos últimos 10 meses, o Instituto Tim estimulou, por meio de mentorias e workshops, universitários em fase final de graduação a transformarem seus Trabalhos de Conclusão de Curso (TCCs) em serviços, startups de base tecnológica ou produto pronto para conquistar o mercado. O AWC colaborou, em cinco anos, na criação de 50 startups e beneficiou mais de 400 estudantes. Esta edição contou com a participação de 60 universitários.

“Esta edição do AWC foi um marco para o Instituto Tim. Por meio da tecnologia, que conectou a todos durante a pandemia, conseguimos cumprir com o nosso objetivo de incentivar o empreendedorismo nas universidades. Temos uma abordagem única no universo dos programas de fomento, atuando junto a estudantes que sequer imaginariam transformar o TCC em uma empresa, os estimulando a investir em uma carreira dinâmica e com oportunidades baseadas no seu próprio talento”, conta Mario Girasole, presidente do Instituto Tim.

A Feira de Investimentos vai permitir aos participantes do AWC apresentarem as suas soluções inovadoras para potenciais investidores-anjo em formato de “pitch”, recebendo feedbacks de uma banca composta pelos executivos da TIM, Alexandre Dal Forno, Head de Marketing Corporativo & IoT, e Janilson Bezerra, Head de Innovation & Business Development, além de Andrea Resende, Executiva de Impacto de Desenvolvimento na Kunimi; Diogo Dutra, sócio-diretor da CAOS Focado; Fábio Zoop, investidor-anjo na GVAngels; Fernanda da Silveira Joia, Diretora de Extensão e Assuntos Comunitários da Unifenas; e Thiago Matsumoto, sócio e CMO da Atlantic Hub. Os estudantes assistirão ainda a uma palestra de Maurício Vilar, CEO da Tembici, startup responsável por sistemas de bicicletas compartilhadas.


Sobre o Instituto TIM

O Instituto Tim tem como missão criar e potencializar recursos e estratégias para a democratização da ciência, tecnologia e inovação, promovendo o desenvolvimento humano. Define sua atuação em projetos focados em quatro pilares: Ensino (projetos educacionais para crianças e jovens); Aplicações (soluções em software livre); Inclusão (difusão do conhecimento) e Trabalho (novas oportunidades de atuação e capacitação). Em parceria com diversas instituições federais e aproximadamente 70 secretarias municipais e estaduais, como de Educação, Cultura e Planejamento em todo o País, as ações da entidade já alcançaram cerca de 500 municípios, em todos os 26 estados e Distrito Federal, beneficiando mais de 700 mil pessoas, especialmente, crianças de 6 a 12 anos. Para mais informações: institutotim.org.br.

Deixe uma resposta