Sesc do Ceará promove residências sobre paleoarte

Manifestação que alia arte e ciência, a paleoarte consiste na reprodução visual da vida de animais pré-históricos por meio de esculturas e pinturas, dentre outras técnicas. Essas representações são feitas a partir da observação e da interpretação de fósseis e evidências científicas, com o objetivo de retratar, de forma fiel, o organismo extinto. E é justamente por meio da paleoarte que temos, hoje, a oportunidade de ver como eram esses seres e como eles viviam há milhões de anos. 

Como forma de apresentar para o público mais sobre o assunto, além de mostrar na prática o processo de criação, o Sesc Ceará vai realizar uma série de residências artísticas com Francisco dos Santos, em Juazeiro do Norte (9 a 13 de agosto), Crato (13 a 18 de setembro) e Fortaleza (8 a 12 de novembro). Na ocasião, os interessados terão a chance de participar de oficina para a confecção de réplicas de fósseis, em tamanho natural, que foram encontrados na Bacia Sedimentar do Araripe.  

As inscrições para a Residência Artística em Paleoarte em Juazeiro do Norte já estão abertas e podem ser feitas pelo telefone (88) 3512 3355 – Ramal: 241 e presencialmente na unidade, com mais informações pelo Instagram @shanaduatelie. As vagas limitadas a 20 participantes, com idade a partir de 16 anos, por ordem de inscrição. O único pré-requisito é possuir noção em escultura.   

As obras produzidas pelos alunos durante as residências artísticas vão fazer parte da exposição “Gigantes do Kariri – Um Voo pela Paleoarte”, que passará por Crato e Fortaleza, após ficar em cartaz de primeiro a 30 de julho no Sesc Juazeiro do Norte. Com curadoria de Edvânia Martins, a mostra traz obras de Francisco dos Santos que retratam os seres pré-históricos que habitaram a região há milhões de anos. 

Deixe uma resposta