Fetrans faz evento sobre Eficiência Energética no Transporte para empresas no Prêmio Melhoria da Qualidade do Ar

Empresas participantes do Prêmio Melhoria da Qualidade do Ar (PMQA) 2021 participam de capacitação sobre Eficiência Energética promovida pela Federação dos Transportes (Fetrans), nesta quinta-feira (26.8), às 10h, em parceria com a Dialogus Consultoria. O evento visa a aprofundar o conhecimento sobre eficiência energética, debater as principais fontes de energia utilizadas pelos diferentes modais do transporte, apresentar soluções viáveis que ajudam a reduzir o consumo de combustíveis, reduzir custos e evitar emissões desnecessárias, além de melhorar a eficiência de veículos e motores. Outro tema relevante que deve ser abordado será a substituição de combustíveis fósseis por renováveis e menos poluentes.

A capacitação integra o calendário anual de atividades do Prêmio e visa ampliar os conhecimentos das empresas participantes sobre sustentabilidade e proporcionar mais ideias e suporte na execução dos projetos socioambientais. Nesta edição, concorrem ao prêmio 46 empresas dos estados do Ceará, Piauí e Maranhão.

Sobre o PMQA

Com edições anuais, o Prêmio Melhoria da Qualidade do Ar é uma ação realizada pela Federação dos Transportes (Fetrans) desde 2002 por meio do Despoluir – Programa Ambiental do Transporte, o maior programa ambiental do transporte brasileiro. O objetivo da premiação é incentivar e promover o reconhecimento das empresas do setor de transportes dos estados do Ceará, Piauí e Maranhão comprometidas com a redução das taxas de emissão de gases poluentes e com a preservação dos recursos naturais, executando soluções viáveis para harmonizar ganhos econômicos com benefícios ambientais.

A tradição e a credibilidade conquistadas ao longo desses 19 anos de realização do prêmio estão aliadas a novas visões sobre sustentabilidade, consumo consciente e eficiência energética. Com um olhar cada vez mais voltado para o futuro, o PMQA mudou e busca contribuir de forma ainda mais significativa e inovadora para o desenvolvimento sustentável do setor de transportes.

Deixe uma resposta