Como a inovação mudou o jeito de aprender um novo idioma?

Artigo de Vanessa Melo Ribeiro, CEO da Seda College Online, plataforma online de idiomas:

O aprendizado de uma língua estrangeira não é mais baseado na repetição frases prontas. Hoje, o ensino de idiomas evoluiu. A diversidade de métodos, aliada à inovação no segmento, se tornou uma estratégia importante para aperfeiçoar o aprendizado em uma língua. Mais ainda, uma forma de proporcionar uma maior imersão nesses estudos, que apenas as aulas presenciais não são capazes de proporcionar em seu todo.

Segundo dados divulgados pelo IBGE, a busca por cursos online cresceu 59% em 2020, em relação ao ano anterior. A maior flexibilidade de horários e praticidade são, de longe, alguns dos maiores benefícios encontrados pelos estudantes. Com tamanhos avanços tecnológicos contribuindo para o aprendizado de idiomas, a falta de tempo não é mais uma desculpa para escapar das aulas de uma língua estrangeira.

Diante de uma crescente preferência por métodos digitais e alternativos, separamos as principais tendências inovadoras vistas no aprendizado de um novo idioma. Veja:

#1 Cursos online: o aprendizado na sala de aula é completamente diferente do que no digital. Com cursos online, o aluno possui uma experiência muito mais abrangente e completa no estudo da língua estrangeira. Principalmente, pela maior diversidade de métodos de ensino que podem ser utilizados, mesclando textos, vídeos e, até mesmo o uso da inteligência artificial no aprimoramento da fala. O estudo é muito mais completo, contribuindo para um maior aprofundamento no idioma.

#2 E-books: como forma de complementar as aulas, os e-books vêm sendo cada vez mais buscados por diversos estudantes. Hoje em dia, temos acesso à livros de todo mundo nas mais diferentes plataformas digitais e, ainda, em diferentes línguas. Um avanço importante que, definitivamente, contribui muito para a prática do idioma estudado. Além de fáceis de serem encontrados, os livros digitais costumam ser mais baratos que os impressos.

#3 Bate papo virtual: nada ajuda mais a aprender uma nova língua, do que treinar a conversação com um nativo. Os avanços tecnológicos permitiram a criação de bate papos virtuais, onde qualquer um pode falar com pessoas de outras partes do mundo. Além de entrar em contato com sotaques diferentes de um mesmo idioma, a troca cultural é imensa. Uma experiência magnífica facilitada pelo universo online.

#4 Realidade virtual: por meio de capacetes ou óculos especiais, a realidade virtual traz uma abordagem de ensino que une a educação teórica, com um método mais leve, lúdico e divertido. Com ela, os estudantes são imersos em um novo universo, onde o 3D em 360º permite a visualização de objetos materializados muito mais próximos ao real. Trata-se de uma experiência mais interativa e prática, com uma melhor assimilação do que está sendo aprendido.

#5 Imersão: por mais ferramentas e plataformas que existam, nada contribui mais para a imersão no aprendizado de um idioma, do que o intercâmbio. Existem diversos programas que cabem no bolso, com cursos completos e, ainda, oportunidades de trabalho no exterior. A vivência em uma cultura estrangeira trará resultados ainda melhores do que se limitar às aulas presenciais em seu país ou mesmo no online.

Nos últimos anos, temos visto inovações que contribuíram muito para o estudo de idiomas. Hoje, podemos aprender no conforto de nossas casas ou, ainda, em um outro país. Com tantos recursos, falar outra língua não precisa mais ser um tabu para ninguém.

Deixe uma resposta