Conselho de Ética vota amanhã relatórios de dois processos contra parlamentares

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara dos Deputados se reúne amanhã (21.9) para votar pareceres dos processos contra o deputado Diego Garcia (Pode-PR) e contra o deputado Luis Miranda (DEM-DF).

Diego Garcia
O pedido de abertura de processo (representação 10/21) contra Diego Garcia, pedido pelo Partido dos Trabalhadores, se baseia na conduta do deputado durante reunião da comissão especial que discute a liberação do plantio de cannabis para uso medicinal, industrial e comercial no País.

Gustavo Sales/Câmara dos Deputados

Reunião com a presença do Ministro da Economia, Paulo Guedes. Dep. Diego GarciaPODE - PR

Diego Garcia afirma que já apresentou defesa prévia

O PT argumenta que Garcia avançou sobre a mesa diretora dos trabalhos e agrediu fisicamente o presidente do colegiado, deputado Paulo Teixeira (PT-SP), sem qualquer motivação. Garcia informou que já apresentou defesa prévia ao colegiado.

Luis Miranda
Já a representação 12/21, do PTB, considera que agiu de má-fé ao denunciar “um suposto crime cometido por agente do Estado, apontando suposto superfaturamento a fim de prejudicar a imagem e imputar crime ao presidente da República e ao Ministro da Saúde à época, o general Eduardo Pazuello”.

O PTB alega que, ao apontar erros na primeira fatura apresentada pela empresa que intermediou o negócio de compra da vacina Covaxin, Miranda desconsiderou que, dias depois, o documento foi corrigido.

Miranda sustenta publicamente que os erros materiais no invoice (fatura de compra) só foram corrigidos porque houve a denúncia de irregularidades.

Deixe uma resposta