Projeto sugere app para motoristas autônomos em Salvador (BA)

Salvador (BA) sai na frente para auxiliar motoristas autônomos de aplicativo. A Câmara Municipal aprovou Indicação nº 392/21, do vereador Átila do Congo (Patriota), que sugere a criação de uma ferramenta de mobilidade com redução de taxas, ampliando a oferta de condições de trabalho para a categoria.

Conforme o vereador, a indicação foi aprovada na Casa Legislativa dentro de um cenário de crise na modalidade de transporte por causa do preço elevado do combustível no país. Ele observa que diversos usuários estão sendo prejudicados com uma onda de cancelamentos de corridas.

Ainda de acordo com o autor da proposta, as políticas das empresas privadas reforçam esse transtorno com altas cobranças e o trabalhador se vê obrigado a escolher os melhores preços para conseguir tirar um sustento razoável.

Átila reforça que a indicação é o primeiro passo para o surgimento de uma nova opção mais rentável no mercado, com a cobrança apenas do Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS) no valor das corridas.

“Conheço a realidade desses motoristas e de como são exploratórias as taxas das empresas privadas de aplicativo. Antes mesmo de chegar à Câmara, já estava dialogando sobre a possibilidade de fazer essa opção, agora posso articular para tornar menos árdua a rotina da categoria”, destacou Átila.  

O parlamentar ressalta ainda que os motoristas auxiliam na redução dos engarrafamentos, já que a rotatividade de clientes se torna grande, além de reduzir os impactos ambientais com menos veículos nas ruas. “As empresas privadas chegam a cobrar até 50% do valor das corridas e impactam na qualidade de produção, obrigando o trabalhador a se submeter a extensas jornadas de trabalho sem direito à assistência, à saúde, já que não há vínculo empregatício”, lamentou Átila. Ele afirma que a indicação possui aval do prefeito Bruno Reis.

Deixe uma resposta