Startup de arquitetura e decoração bate meta na #pandemia e fatura R$ 7 milhões no primeiro semestre

Apesar das adversidades provocadas pela pandemia do novo coronavírus, a ArqExpress – startup de arquitetura e decoração, entregou projetos a mais de 700 clientes no primeiro semestre de 2021 e celebra o balanço financeiro do período, que registra R$ 7 milhões de faturamento – a projeção para o ano todo é de R$ 18 milhões. “O crescimento trouxe olhares dos investidores e com isso fomos convidados a participar do programa de aceleração Scale-Up Endeavor. Somos o único negócio de arquitetura e decoração a participar e, durante o processo, vamos cada vez mais aprimorar os serviços para elevar ainda mais o valor da empresa”, revela a CEO Renata Pocztaruk.

Além das projeções financeiras e do convite para o programa da Endeavor, a startup comemora o sucesso do Clube ArqExpress, sua plataforma voltada à capacitação de profissionais do ramo. Entre os meses de janeiro e agosto de 2021, foram comercializados mais de 10 mil cursos e guias físicos. “Buscamos estar presentes em diversas vertentes de negócios. Além dos investimentos na prestação de serviço e em projetos educacionais, atuamos também com o Mood Express, um aplicativo que permite ao usuário criar diversos cenários e testar as possibilidades de decoração com os mais de 11 mil produtos disponíveis em nossa plataforma”, comenta Renata.

As principais características dos projetos entregues pela ArqExpress são ter orçamento total pré-definido pelo cliente e entrega em tempo recorde. A empresa se estabiliza no segmento como a maior startup do Brasil e já conta com quase seis anos de atuação, espaços próprios nas cidades de Porto Alegre e Rio de Janeiro e 100 escritórios parceiros distribuídos em 20 cidades do país.

Deixe uma resposta