Nordeste

UFC melhora notas em ranking internacional de universidades

Posted on Updated on

O ranking de reputação acadêmica Times Higher Education (THE), um dos mais importantes e prestigiados do mundo, divulgou a edição de 2018 das melhores universidades da América Latina. A Universidade Federal do Ceará melhorou a própria nota em quatro dos cinco itens avaliados.

Em relação a 2017, a UFC avançou em pesquisa (volume de publicações, reputação dos periódicos nos quais a instituição publica etc.), cuja nota passou de 37.9 a 48.5; citações, com nota ampliada de 53.9 para 58.2; internacionalização, com aumento de 26.3 para 30.2; e transferência de conhecimento, cuja nota cresceu de 37.9 para 43.0. O quinto item de avaliação é ensino (ambiente de aprendizagem), no qual a nota da UFC passou de 53.5 para 52.6, permanecendo praticamente estável.

Com pontuação geral também maior em relação ao ano passado – movendo-se do intervalo de 46.7-49.5 para o de 49.4-53.4 –, a UFC figura no ranking de 2018 na 51ª posição. Este ano, o ranking avaliou 129 universidades latino-americanas, contra 82 no ano passado.

A Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) lidera o ranking latino-americano. Mais detalhes sobre o levantamento podem ser obtidos no site do THE (https://bit.ly/2L9P2IB).

Carnaúba em discussão

Posted on Updated on

O Projeto Carnaúba Sustentável realiza hoje (10/8), no município de Granja (CE), a segunda rodada de Encontros dos Diálogos da Carnaúba, pondo em ênfase o tema “soluções e boas práticas”. Uma ação da Associação Caatinga, com apoio do Sindcarnaúba, sindicato ligado à Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), e em parceria com o SESI, FIEC e a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Ceará (Faec), o evento vem no objetivo de qualificar a cadeia da produção de Cera de Carnaúba, trazendo conhecimentos e práticas de melhora da cadeia produtiva.

A ocasião reunirá produtores, trabalhadores do extrativismo, sindicatos, empresários e autoridades do poder público e terceiro setor, com realização das oficinas: Regularização das relações de trabalho no campo; Saúde e segurança no extrativismo da Carnaúba; e Educação previdenciária e Aposentadoria rural – INSS.

O Sindcarnaúba é um dos 40 sindicatos patronais ligados à Fiec, que congrega diversos segmentos produtivos industriais. A Fiec é uma impulsionadora do desenvolvimento social e econômico do Estado, estimulando a competitividade, gerando novos negócios e fortalecendo vínculos institucionais.

O “Projeto Carnaúba Sustentável: Conservação, Educação e Tecnologias Sustentáveis”, pretende estreitar as relações na cadeia produtiva da extração da Carnaúba e é fruto de uma parceria da Associação Caatinga e Sindcarnaúba. A intenção do Sindicato e da Associação é fazer com que a extração da cera da Carnaúba seja cada vez mais sustentável e respeite a natureza e o homem. Ao longo do projeto, estão sendo realizadas oficinas que apresentam os desafios e soluções para o setor.

Encontros Universitários da UFC recebem inscrições

Posted on Updated on

Estão abertas, até 16 de agosto, as inscrições de resumos para a edição de 2018 dos Encontros Universitários da Universidade Federal do Ceará.

Em Fortaleza, o evento será realizado de 24 a 26 de outubro, no Campus do Pici Prof. Prisco Bezerra, com organização da Pró-Reitoria de Graduação (PROGRAD). Nos campi do Interior, o calendário é o seguinte: de 24 a 26 de outubro em Quixadá, nos dias 30 e 31 de outubro em Sobral, de 6 a 9 de novembro em Russas e de 21 a 23 de novembro em Crateús.

Considerado um dos maiores e mais importantes eventos científicos do Estado, os Encontros têm como objetivo apresentar à sociedade, através de pôsteres e comunicações orais, o que foi produzido ao longo do ano, nas áreas de ensino, pesquisa e extensão.

Em 2017, foram submetidos 5.250 resumos, volume recorde em razão do crescimento da produção da UFC e da inserção de novos espaços no evento, como o I Encontro de Estágios.

A PROGRAD é responsável pelos editais dos seguintes Encontros: de Iniciação à Docência, de Bolsistas de Apoio a Projetos de Graduação, de Programas de Educação Tutorial e de Práticas Docentes (que ocorre concomitantemente ao Seminário Institucional de Iniciação à Docência).

Serão realizados também os Encontros de Iniciação Científica, de Iniciação Científica – Ensino Médio e de Pesquisa de Pós-Graduação, de responsabilidade da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PRPPG); de Extensão e de Estágios, da Pró-Reitoria de Extensão (PREX); de Iniciação Acadêmica e de Experiências Estudantis, da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (PRAE).

A Escola Integrada de Desenvolvimento e Inovação Acadêmica (EIDEIA) participa com os Encontros de Aprendizagem Cooperativa e de Docência no Ensino Superior; a Secretaria de Cultura Artística (SECULT-ARTE), com o Encontro de Cultura Artística; e o Instituto UFC Virtual, com o Encontro de Tecnodocência, com apoio da PROGRAD.

Todos os editais e o cronograma completo podem ser consultados no site dos Encontros Universitários 2018, que concentrará as informações sobre o evento. A partir deste ano, além de no formato PDF, os editais estão disponíveis também em libras.

Os autores deverão inscrever os resumos, conforme especificações do respectivo edital, no período de 16 de julho a 16 de agosto, no site dos Encontros Universitários 2018. Após o encerramento desse prazo, os orientadores terão até o dia 27 de agosto para ajustes e homologação dos resumos. A relação de trabalhos aceitos será divulgada no dia 14 de setembro.

Com exceção dos bolsistas do Programa Institucional de Bolsas de Administração (PIBAD), da Pró-Reitoria de Planejamento e Administração (PROPLAD), todos os demais estudantes que atuam, como bolsistas ou não, em projetos e programas cadastrados na UFC devem participar dos Encontros Universitários.

A PROGRAD reforça que, conforme definido no calendário universitário, nos dias da realização dos Encontros não poderá haver atividades regulares de integralização curricular, como aulas e avaliações, nos cursos de graduação e pós-graduação da UFC.

Enfraquecendo o mundo-cão

Posted on Updated on

Divulgar na internet imagens de vítimas de acidentes pode ser considerado crime. É isso o que define o senador Ciro Nogueira (PP-PI) em projeto de lei que está atualmente em análise na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado à espera de indicação do relator.

Se a proposta passar, pode ser uma restrição a favor da qualidade informativa. Afinal, reduziria a abrangência e, consequentemente, os danos impostos à intaligência por programas do tipo “mundo cão”.

Abaixo, informações da Agência Senado:

O projeto altera o artigo 140 do Código Penal ao estabelecer detenção de um a três anos, além de multa, pena similar ao crime de vilipêndio de cadáver. Ciro Nogueira argumenta que expor e divulgar na internet imagens de pessoas mortas é considerado crime conforme a interpretação do artigo 212 do Código Penal, mas que há uma lacuna nos casos de exposição de pessoas feridas.

“Apesar da indiscutível ofensa à imagem e à privacidade, o legislador, até agora, não criminalizou essa deplorável conduta, assim como também não tipificou a divulgação de imagem de pessoa em situação vexatória. Tais práticas têm repercussão, somente, na esfera cível, se o ofendido promover ação indenizatória. Ocorre que a sanção pecuniária não tem sido eficaz para reprimir a prática dessas condutas”, afirma o senador no texto da proposta.

Deputados do Ceará abordam demandas com Camilo Santana

Posted on Updated on

O deputado Sérgio Aguiar (PDT) informou, durante o tempo de explicações pessoais da sessão plenária da Assembleia Legislativa do Ceará, que uma comitiva com representantes de diversos municípios cearenses se reuniu com o governador Camilo Santana para apresentar demandas.

Segundo Sérgio, foram abordados temas de grande importância para o fortalecimento do interior do Estado. “Foi um importante encontro, que permitirá levar adiante a implementação de ações nos respectivos municípios, seja em termos de infraestrutura, geração de emprego e renda ou segurança pública”.

Abaixo, informações da agência de notícias da Assembleia:

Sérgio Aguiar destacou, entre essas demandas, a implementação da Ronda de Ações Intensivas e Ostensivas (Raio), dessa vez, em municípios com 30 mil habitantes. De acordo com ele, a presença do Raio nos municípios com 50 mil habitantes provocou uma sensível redução da violência e um aumento da sensação de segurança na população.

O deputado destacou ainda duas ações da Prefeitura de Fortaleza que, segundo ele, prometem causar impacto no turismo da capital cearense: a reforma da avenida Beira Mar e a criação do Polo Gastronômico da Varjota.

As duas medidas, conforme observou, casam com o aumento do número de visitantes que chegam em Fortaleza, consequência do aumento do número de voos que chegam ao Aeroporto Internacional Pinto Martins. “Essas ações certamente irão melhorar as condições da Capital ao receber número cada vez maior de turistas”, avaliou.

O parlamentar também fez referência ao falecimento do jornalista José Rangel, aos 72 anos, no último 21 de julho. “Sei que já homenageamos esse grande homem durante a sessão de ontem (01/08), mas não posso deixar de prestar solidariedade aos familiares. Um dos grandes nomes do jornalismo cearense e que contribuiu muito para a nossa sociedade, com seu grande trabalho.”

I Fórum Comunitário aborda em Caucaia (CE) defesa dos direitos da criança e do adolescente

Posted on Updated on

A Comissão Intersetorial do Selo Unicef em Caucaia (CE) definiu o planejamento e a execução do I Fórum Comunitário de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente. O evento, que deverá acontecer no próximo dia 14 de agosto, é um importante instrumento de participação popular para o levantamento situacional de crianças e adolescentes.

Formada por representantes da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SDS), Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Secretaria Municipal de Educação (SME) e do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica), a comissão discutiu as estratégias de promoção, logística, metodologia e mobilização do evento.

O Fórum é um dos compromissos da gestão enquanto pré-requisito a ser adotado na busca pela conquista do Selo, uma certificação internacional expedida a gestões municipais engajadas na redução de desigualdades e garantia de direitos das populações menores de idade.

Durante a atividade, a sociedade irá identificar problemas que envolvem a situação de crianças e adolescentes em Caucaia, além de discutir ideias de como resolvê-los. “Lá, nós apresentaremos um diagnóstico e faremos um plano de ação para superar as dificuldades encontradas”, explica a subsecretária da SDS, Telma Diógenes.

Internacionalização da economia é tema de evento no Ceará

Posted on Updated on

Fortaleza recebe hoje (9.8) a segunda edição do Ceará Global com o tema “Internacionalização da Economia do Ceará”. A programação vai debater a internacionalização da economia no estado, apresentando o cenário de participação e concentração do capital estrangeiro no Brasil.

O evento ocorre de 9h às 12h, na sede da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec)e tem como público alvo empresários, executivos e servidores de empresas e instituições engajadas com comércio exterior e investimento estrangeiro.

O curso de Comércio Exterior da Unifor participa da ocasião por meio do projeto Ceará Global na rede social de negócios Linkedin, ação do Núcleo de Práticas em Comércio Exterior (Nupex) em que os estudantes divulgam informações sobre o cenário empresarial cearense a fim de alcançar potenciais parceiros e investidores estrangeiros.

“Esta será a segunda edição do evento Ceará Global na qual a Unifor está representada pelo curso de Comércio Exterior. É importante evidenciar e parabenizar nossos alunos que fazem parte do editorial do Ceará Global, desde sua implantação. A academia cada vez mais próxima ao setor público e privado, e presente nas ações voltadas a participação das empresas cearenses no comércio exterior brasileiro”, destaca Mônica Luz, professora do Curso de Comércio Exterior da Unifor, coordenadora do Nupex e segunda-secretária da presidência do CT Comex & IE.

A iniciativa é realizada pela Câmara Temática de Comércio Exterior e Investimento Estrangeiro, ligada à Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece), e pela Fiec, através do Centro Internacional de Negócios e do Conselho de Relações Internacionais.

Indústrias debatem internacionalização da economia do Ceará

Posted on Updated on

A Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec) sedia amanhã (9/8, quinta-feira) a segunda edição do Ceará Global. O evento vai debater o processo de internacionalização da economia cearense e é realizado pela Câmara Temática de Comércio Exterior e Investimento Estrangeiro, ligada à Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece), pela Fiec, através do Centro Internacional de Negócios e do Conselho de Relações Internacionais, e a Câmara Brasil Portugal no Ceará (CBP-CE).
O Ceará Global é destinado a empresários, executivos e servidores de empresas e instituições engajadas com comércio exterior e investimento estrangeiro. A programação contará com palestras e a apresentação de casos de sucesso de empresas cearenses. Apoiam o Ceará Global o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – Sebrae Ceará e a Junta Comercial do Ceará.
O Ceará Global é uma agenda permanente e multilateral cujo objetivo é mostrar que nos últimos anos o Ceará tem passado por profunda transformação, mediante a consolidação e inserção de novos setores exportadores e expressivos ingressos de capitais estrangeiros na sua economia, especialmente nos setores de energia, alimentos, agronegócio e siderurgia.
Programação:
08h30 – Credenciamento
09h00 – Abertura
09h30 –  Oportunidades de Investimentos Estrangeiros, com Sergio Ferreira (Analista de Negócios do Escritório da Apex-Brasil no Nordeste)
09h45 – Internacionalização da Economia do Ceará – Outlook 2019, com Élcio Batista (Secretário Chefe de Gabinete do Estado do Ceará)
10h – O Investimento Estrangeiro no Ceará, com Rômulo Alexandre Soares (Vice-presidente da Federação das Câmaras de Comércio Exterior – FCCE)
10h15 – Como Fazer Negócios com:
Itália (Paulo Magnani, presidente da Câmara da Itália no Ceará)
Holanda (Thiago Furtado, coordenador BRADUTCH Ceará)
10h45 – Cases de Sucesso
11h30 – Encerramento

Contratos de prestação de serviços podem ter reajustes obrigatórios

Posted on Updated on

A Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público da Câmara dos Deputados aprovou matéria que torna obrigatório o reajuste do valor dos contratos de prestação de serviço na data-base da categoria do profissional contratado. O reajuste deve ser somente para contratos cujo regime de dedicação é exclusiva, desde que garanta a manutenção do equilíbrio econômico-financeiro inicial do contrato.

O relator, deputado Jorge Côrte Real (PTB-PE), defendeu a aprovação do texto. Côrte Real apresentou versão que prevê a obrigatoriedade do reajuste na Lei de Licitações. No texto original, do deputado Laercio Oliveira (PP-SE), a alteração se dava na Lei do Reajuste Salarial Automático.

Segundo o relator, é importante excluir do alcance de tal regra os contratos privados e restringir o reajuste aos contratos celebrados pela administração pública e regulados pela Lei de Licitações e Contratos.

“É razoável determinar que os contratos de prestação de serviços sejam reajustados na data-base de cada categoria profissional, de modo a se propiciar a manutenção permanente do equilíbrio econômico financeiro do contrato”, explicou Côrte Real.

O projeto tramita em caráter conclusivo e ainda será analisado pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Fiec analisa reforma trabalhista

Posted on Updated on

O Conselho Temático de Relações Trabalhistas e Sindicais (Cosin), a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e a Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec) realizarão amanhã (quarta-feira, 8/8), das 18h30min às 22 horas, o workshop “O impacto da reforma trabalhista nas negociações coletivas e a prevalência do negociado sobre o legislado – estudos de casos e simulações”, comandado pela advogada e consultora jurídica, com mais de 15 anos de experiência em negociação coletiva, Cely Sousa Soares.

O Conselho Temático de Relações Trabalhistas e Sindicais atua examinando as tendências do mercado de trabalho, políticas de empregos e salários no país. Além de avaliar relações internacionais do trabalho, acompanhando a legislação, os Projetos de Lei e Decretos, em defesa dos interesses do Setor Industrial.

Já a Confederação Nacional da Indústria (CNI) é a representante da indústria brasileira. É o órgão máximo do sistema sindical patronal da indústria e, desde a sua fundação, em 1938, defende os interesses da indústria nacional e atua na articulação com os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, além de diversas entidades e organismos no Brasil e no exterior.

Confirmações de presença pelo e-mail pdace@sfiec.org.br ou pelo telefone (85) 3421.5498.