Nordeste

Refinaria no Pecém começa a ganhar nitidez legal

Posted on

 

Camilo Santana: agenda na Ásia

O Governo do Ceará participa de uma série de eventos com investidores no continente asiático, nesta e na próxima semana. Já nesta sexta-feira, o governador Camilo Santana (PT) viaja para a China para participar de uma reunião com o banco de desenvolvimento chinês para a assinatura de compromisso financeiro para o investimento de construção da refinaria, no Complexo Industrial e Portuário do Pecém ( CIPP).

Para apresentar as potencialidades do CIPP aos investidores asiáticos, a Secretaria do Desenvolvimento Econômico (SDE) e a Cearáportos já estão participando da Missão Ásia – Investimentos em Portos Brasileiros, a convite da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), do Governo Federal, na China (Xangai e Hong Kong) e em Singapura, de 12 a 19 de setembro. Já a A Zona de Processamento de Exportação do Ceará (ZPE-CE) participa também da Feira Internacional de Investimento e Comércio da China (CIFIT), que acontece de 18 a 21 de setembro, em Xiamen, também na China.

O titular da SDE, Cesar Ribeiro, e o presidente da Cearáportos, Danilo Serpa, apresentam o Ceará e o Porto do Pecém aos investidores asiáticos. O objetivo da missão da Apex Brasil é promover oportunidades de investimentos em portos brasileiros, especificamente atração de recursos para projetos e apresentar a empresas asiáticas alguns portos brasileiros. Além do Porto do Pecém, participam da missão o Porto do Itaqui (MA), Porto do Açu (RJ), Porto Central (ES), Porto de Belém (PA), Porto de Paranaguá (PR), Porto de Santana (AP) e Porto de Santos (SP) e Porto de São Sebastião(SP). Apenas dois desses portos brasileiros foram convidados a apresentar individualmente suas potencialidades e participar de reuniões privativas com empresas locais, entre eles o do Pecém.

Além de seminário, o evento contempla reuniões de negócios e visitas a portos de referência. O secretário do Desenvolvimento Econômico, Cesar Ribeiro, destaca que essas apresentações individuais a investidores asiáticos demonstram a importância do CIPP. Segundo ele, só em Xangai, onde acontece a primeira rodada, sete reuniões estão agendadas com investidores querendo saber sobre a operação do Porto do Pecém.

Fortaleza: destaque na #Forbes como polo de investimentos

Posted on Updated on

Do site da versão brasileira da revista Forbes:

Com medidas de estímulo ao empreendedorismo e de valorização das características da cidade, a Prefeitura de Fortaleza está criando um ambiente favorável ao surgimento de oportunidades de negócios em áreas estratégicas para o município. E os resultados, que já começaram a aparecer, estão servindo de alicerce para o desenvolvimento da cidade, e a geração de mais emprego e renda para a população, mesmo neste período de turbulência econômica do país.

As Leis e Incentivos, Parcerias Público-Privadas (PPP), a desburocratização do ambiente de negócios e o investimento em capacitação para o mercado de trabalho são mecanismos imprescindíveis na tarefa de induzir o surgimento de novas empresas e o crescimento das que já existem.

Eleita em 2015 como a melhor Capital do Brasil para receber investimentos externos pela consultoria multinacional Towers Watson, Fortaleza apresenta um grande potencial para atração de novos negócios, uma vez que possui a maior concentração de cabos submarinos de fibra ótica do Continente Americano (oito cabos submarinos, contabilizando 15 pontos de entrada e saída desses cabos), com uma posição geográfica privilegiada e estratégica, próxima dos continentes europeu e africano, assim como dos Estados Unidos, além de ser a segunda cidade do Brasil na geração de novos empregos no período de 2013 a 2016.

Neste link está a matéria na íntegra.

Recife terá mais dois voos semanais para Madri

Posted on Updated on

Do jornal Diário de Pernambuco, de Recife (PE):

Depois de oito meses de negociações, na manhã desta sexta-feira o governador de Pernambuco, Paulo Câmara e o CEO da Globalia – grupo de turismo espanhol que controla a Air Europa – Javier Hidalgo assinaram o contrato do novo voo direto entre Recife e Madri, que começa a ser operado em dezembro com duas frequências semanais, às quartas e sextas-feiras. Com o retorno do voo para Madri, o Recife passa a estar ligado diretamente com doze destinos internacionais – sendo cinco na Europa.

O voo da Air Europa – em um Airbus 330-200 e com previsão de duração de oito horas -, restabelece a conexão direta entre o Recife e a capital espanhola – que havia sido encerrada desde o fim da operação da Iberia no Nordeste brasileiro, em novembro de 2011. De Madri, a companhia faz conexão com mais 52 cidades europeias e, até o fim do ano, com o início da parceria com a companhia low cost Ryanair, este número será ampliado para mais de cem destinos.

“Não é normal definir um voo internacional em tão pouco tempo. Mas houve uma dedicação muito grande de todos e seguimos apostando alto na América. Com um bom trabalho de comunicação podemos potencializar muito o turismo do Brasil, que só recebe 7 milhões de visitantes por ano. E Pernambuco é fundamental neste mercado, como uma porta de entrada do país”, afirmou o CEO da Globalia, Javier Hidalgo.

A matéria completa, de FRed Figueiroa, está neste link.

Cagece busca alternativas para água

Posted on Updated on

Neuri Freitas e a comitiva cearense experimentando a água dessalinizada

 

O sexto ano consecutivo de seca reforça o alerta do Ceará para a busca de fontes alternativas para o abastecimento de água. Enquanto espera a manifestação de interesse de empresas para o Edital de Dessalinização – previsto para o dia 9 de outubro -, o presidente da Cagece, Neuri Freitas, está em visita a Israel, país referência no mundo no modo “fazer água” em situação de aridez.

Além da participação na feira internacional de tecnologias em tratamento de água e afluentes, a Watec Israel 2017, Freitas tem visitado experiências bem sucedidas de dessalinização e reúso de água, como é o caso da Mekerot, que reutiliza 80% do esgoto de Israel convertendo em água para a agricultura. O volume do reúso da Mekerot atende 40% da demanda da agricultura do país.

Um dos pontos altos da viagem foi a visita a uma usina de dessalinização que produz 5m³/s – cinco vezes mais do que pretende produzir a usina do Ceará. “Nós tomamos a água dessalinizada e é uma água boa. Não percebemos a diferença entre outras águas”, pontua o presidente da Cagece.

Teresina (PI) investe em cursos de qualificação no turismo

Posted on Updated on

Da Prefeitura de Teresina (PI):

A Fundação Wall Ferraz (FWF), da Prefeitura de Teresina, está com inscrições abertas para a segunda etapa dos cursos do Projeto QualificaTur. As vagas são para os cursos de Manipulação e Higienização de Alimentos, Vendas (compra e estoque) e Camareiro(a) em Meios de Hospedagem.

(…)

O QualificaTur é um projeto que está incluso no conjunto de ações de profissionalização da Fundação Wall Ferraz e se dirige ao mercado de turismo formal e informal. O projeto é realizado em parceria com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (Semdec) e Coordenadoria de Turismo, e propõe a profissionalização e desenvolvimento sustentável do meio turístico em Teresina, além de promover benefícios culturais e econômicos para a cidade.

O caminho da China

Posted on Updated on

O governador Camilo Santana viaja neste fim de semana para a China. Vai tentar captar investimentos para o Estado, segundo ele mesmo anunciou. Na bagagem, Camilo leva informações sobre o Complexo Portuário e Industrial do Porto do Pecém (CIPP), em São Gonçalo do Amarante, na Região Metropolitana de Fortaleza. “Estamos na luta para trazer a refinaria. O sonho da siderúrgica já virou realidade, gerando 18 mil empregos (diretos e indiretos). Agora, temos uma grande parceria com uma empresa chinesa que está interessada, e devemos assinar um Memorando de Entendimento com o Banco de Desenvolvimento Chinês, que pode financiar esse empreendimento privado de US$ 4,5 bilhões no Pecém”, disse o governador em bate-papo com internautas no Facebook.

Abaixo, informações do Governo do Ceará:

Durante a transmissão, o governador comemorou a alta de 2,17% no Produto Interno Bruto (PIB) cearense registrado no segundo trimestre deste ano. O dado, divulgado na manhã desta terça-feira (12), é bem superior ao índice nacional, de 0,3%. “Esse crescimento de 2,17%, bem acima do País, mostra a recuperação da economia cearense. Gostaria de parabenizar a indústria, o setor agropecuário e todos os investidores”, citou. O secretário do Planejamento, Maia Júnior, participou da transmissão para comentar o tema.

Educação

O governador anunciou, ainda, uma grande novidade para a educação. Um total de 1.783 alunos, em 689 escolas de Ensino Médio, ganharão bolsa de monitores de laboratórios de Informática no valor de R$ 200. “Com essa ação, nossos estudantes estão aprendendo uma profissão e recebendo uma quantia em dinheiro por cinco meses. Estamos investindo quase R$ 2 milhões para beneficiar e dar oportunidade para esses jovens”, disse Camilo Santana.

Ele também informou que, na quinta-feira (14), no pátio da Secretaria da Educação (Seduc), o Governo do Ceará entregará os kits dos materiais Programa de Apoio ao Desenvolvimento Infantil (Padin). “Cada kit é composto por brinquedo, instrumentos musicais, materiais esportivos e livros de literatura infantil. Serão entregues para os 34 municípios que participam do programa. São 2.800 famílias beneficiadas, um investimento de quase R$ 1 milhão”.

Leia mais aqui.

Ceará já exportou US$ 1,29 bilhão em 2017

Posted on

Da Federação das Indústrias do Ceará:

As exportações cearenses alcançaram no acumulado de 2017 a cifra de US$ 1,29 bilhão – alta de 87,4% quando comparado ao mesmo período de 2016. Já as importações atingiram US$ 1,53 bilhão – queda de 46,1%. O resultado final de tais trocas comerciais resultou em déficit de US$ 245 milhões na balança cearense dos primeiros oito meses de 2017. Apesar de negativo, o valor representa uma evolução em 88,6% em relação a 2016, quando o Estado acumulou déficit superior a US$ 2,1 bilhões de janeiro a agosto.

Os dados fazem parte do estudo Ceará em Comex, produzido pelo Centro Internacional de Negócios da FIEC avaliando o desempenho do mês de agosto. Segundo o levantamento, o resultado do oitavo mês do ano é o quinto melhor em termos de valores (US$ 156,5 milhões) – apesar da queda de 4,0% sobre julho. Mesmo com a retração, o desempenho do mês é de 24% superior no comparativo com agosto de 2016, quando se exportou US$ 126,3 milhões. Trata-se do décimo terceiro mês consecutivo em que o Estado registra aumento quando comparado com 2016.

Em relação às importações, o estudo mostra um aumento de 1,5% de agosto sobre julho. Foi o mês com o segundo maior montante de 2017, com US$ 212,7 milhões, atrás apenas dos US$ 251,9 milhões registrados em março. O crescimento é ainda mais expressivo se analisado com base no mesmo mês do ano passado, com variação de 70%. Como resultado dessas movimentações, a balança comercial cearense registrou um déficit de US$ 56,2 milhões no mês de agosto.

Os resultados das trocas comerciais do Estado influenciaram diretamente nas participações das exportações e importações cearenses na balança comercial do Nordeste no acumulado do ano (Gráfico 2), onde o peso das vendas externas do Ceará avançou de 8,35% (em 2016) para 11,66% (em 2017), e das compras do exterior passou de 22,32% (ano passado) para 11,79% (atual). Em relação à participação na balança comercial do Brasil (Gráfico 3), as vendas externas do Estado apresentaram alta, de 0,55% para 0,88%. Em contrapartida, a participação das compras do exterior regrediu de 3,11% para 1,56%.

Ceará: economia consolida crescimento

Posted on Updated on

Do Governo do Ceará:

A economia cearense consolida a tendência de crescimento e registra alta de 2,17% no Produto Interno Bruto (PIB) do segundo trimestre deste ano. O dado, divulgado na manhã desta terça-feira (12) pelo Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece), é bem superior ao índice nacional, de 0,3%. Em comparação ao primeiro trimestre deste ano, o crescimento do Ceará foi de 1,33%, enquanto o do País ficou em 0,2%.

“Esse crescimento de 2,17%, bem acima do País, mostra a recuperação da economia cearense. Gostaria de parabenizar a indústria, o setor agropecuário, todos os investidores, e dizer que o Ceará é o primeiro em volume de investimentos, em equilíbrio fiscal, em transparência e em educação. E tudo isso impacta diretamente a vida das pessoas, com a geração de emprego, renda”, comemorou o governador Camilo Santana, durante a transmissão ao vivo pelo Facebook no início desta tarde.

O texto completo está neste link.

Brasil e China estreitam laços nas áreas de ciência e tecnologia

Posted on Updated on

Com informações da Agência Brasil:

Reunião da Subcomissão de Ciência, Tecnologia & Inovação da Comissão Sino-Brasileira de Alto Nível de Concertação e Cooperação, realizada esta semana no Itamaraty, em Brasília, abordou questões como a cooperação em biotecnologia e agricultura, a colaboração no desenvolvimento de nanotecnologia e a criação de novos laboratórios e plataformas conjuntas. Estados do Nordeste têm grande interesse em definiões sobre esses temas.

Na reunião, as representações do Brasil e da China trataram do monitoramento das ações planejadas e fizeram acordo para o uso de nova tecnologia de produção de biodiesel. A companhia chinesa Biostar Company vai assumir 80% das ações da usina brasileira Biopar, no Mato Grosso, que passará a se chamar New Biopar. O investimento será de R$ 880 mil.

A Comissão Sino-Brasileira de Alto Nível de Concertação e Cooperação (Cosban) foi implantada em maio de 2004 e, desde então viabilizou quatro reuniões da subcomissão que trata de ciência e tecnologia. Na última, Brasil e China decidiram criar um secretariado permanente da comissão, a fim de acompanhar a execução das ações conjuntas. O secretariado terá reuniões trimestrais para fazer o acompanhamento de prazos e metas das iniciativas no nível técnico. Semestralmente, autoridades dos dois países discutirão as políticas.

A China é o maior parceiro comercial do Brasil. No ano passado, o intercâmbio bilateral chegou a US$ 58,5 bilhões.

Censo agropecuário de 2017: coleta de dados começa em outubro

Posted on Updated on

Começa em 1º de outubro próximo a coleta de dados do 10º Censo Agropecuário do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Durante cinco meses, os recenseadores visitarão mais de 5,2 milhões de estabelecimentos agropecuários no Brasil.

Vão ser levantadas informações sobre área, produção, pessoal ocupado, uso de agrotóxicos e agricultura familiar, entre outros temas. Os resultados do Censo Agro 2017 devem começar a ser divulgados pelo IBGE em 2018.

E o IBGE divulgou o resultado do segundo processo seletivo para o Censo Agropecuário de 2017. A consulta é possível no site da Fundação Getúlio Vargas (FGV), neste link.

Mais de 170 mil pessoas no Brasil todo concorreram às 24.984 vagas temporárias para Agentes Censitários Municipais e Agentes Censitários Supervisores (duas funções de nível médio) e Recenseadores (nível fundamental).

Abaixo, informações do IBGE:

Os Agentes Censitários começarão a ser convocados imediatamente pelo IBGE. No caso dos Recenseadores, é preciso que eles façam a consulta individual no site da FGV para conhecer o dia, o horário e o local de apresentação para o treinamento, que terá ajuda de custo (transporte e alimentação). Somente serão convocados os Recenseadores que obtiverem um mínimo de 40% de acertos na avaliação que será realizada após o treinamento, conforme previsto em edital. O acompanhamento do processo também poderá ser feito pelo hotsite do Censo Agro 2017.

A jornada de trabalho dos Agentes Censitários Municipais e Supervisores será de 40 horas semanais. Além das remunerações mensais específicas, ambas as funções terão direito a auxílio alimentação, férias e 13º salário proporcionais.

Já os Recenseadores terão jornadas flexíveis e serão remunerados por produção, segundo a região em que estiverem atuando e o número de estabelecimentos agropecuários recenseados.

A íntegra está aqui.